Apple

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Apple
Apple logo black.svg
Logotipo da Apple.
Slogan "Think different" (em Inglês)
Tipo Empresa cotada em bolsa (NASDAQ: AAPL, LSE: 0HDZ, FWB: APC)
Cotação NASDAQ: AAPL
NYSEAAPL
NASDAQ-100 Component
S&P 500 Component
Indústria Hardware de Computador
Software de Computador
Eletrônicos de consumo
Fundação Estados Unidos Califórnia, Estados Unidos (1 de abril de 1976, como Apple Computer, Inc.)[1]
Fundador(es) Steve Jobs
Steve Wozniak
Ronald Wayne[2]
Sede Apple Campus
Cupertino, Califórnia, Estados UnidosEstados Unidos
Filiais 317 lojas de varejo
Pessoas-chave Tim Cook (CEO)
Empregados 49 400 (2010)[3]
Produtos
Subsidiárias Braeburn Capital
FileMaker Inc.
Valor
de mercado
Aumento US$ 427 bilhões (Setembro/2013)[4]
Receita Aumento US$ 65,23 bilhões (FY 2010)[3]
Lucro Baixa US$ 18,39 bilhões (FY 2010)[3]
Faturamento Baixa US$ 47,79 bilhões (FY 2010)[3]
Renda líquida Baixa US$ 14,01 bilhões (FY 2010)[3]
Página oficial Apple.com

Apple Inc. (NASDAQ: AAPL; NYSEAAPL; anteriormente Apple Computer, Inc.) é uma empresa multinacional norte-americana que tem o objetivo de projetar e comercializar produtos eletrônicos de consumo, software de computador e computadores pessoais. Os produtos de hardware mais conhecidos da empresa incluem a linha de computadores Macintosh, o iPod, o iPhone, o iPad, a Apple TV e o Apple Watch. Os softwares inclui o sistema operacional Mac OS X, o navegador de mídia iTunes; a suíte de software multimídia e criatividade iLife; a suíte de software de produtividade iWork; Aperture, um pacote de fotografia profissional; Final Cut Studio, uma suíte de áudio profissional e produtos de software; Logic Studio, um conjunto de ferramentas de produção musical; o navegador Safari; e o iOS, um sistema operacional móvel. Em agosto de 2010, a empresa operava 301 lojas de varejo[5] em dez países,[6] e uma loja online onde os produtos de hardware e software são vendidos.[7] Em maio de 2011, a Apple era uma das maiores empresas do mundo e a empresa de tecnologia mais valiosa do planeta, tendo ultrapassado a Microsoft.[8] Em janeiro de 2012 a Apple passou a multinacional do petróleo ExxonMobil em valor de mercado e passa a ser a maior empresa de capital aberto do mundo[9] .

Fundada em 1 de abril de 1976 em Cupertino, Califórnia, e incorporada 3 de janeiro de 1977,[1] a empresa foi anteriormente denominada Apple Computer, Inc. nos seus primeiros 30 anos, mas retirou a palavra "Computer" em 9 de janeiro de 2007,[10] para refletir a contínua expansão da empresa no mercado de eletrônicos de consumo, além de seu foco tradicional em computadores pessoais.[11] Em setembro de 2010, a Apple tinha 46,6 mil empregados em tempo integral e 2.800 temporários empregados em tempo integral em todo o mundo[3] e tinha vendas anuais mundiais de 65,23 bilhões de dólares.[3]

Por motivos tão variados como a sua filosofia de design estético completo até suas campanhas de publicidade distintas, a Apple estabeleceu uma reputação única na indústria de eletrônicos de consumo. Isso inclui uma base de clientes que se dedica à empresa e sua marca, especialmente nos Estados Unidos.[12] A revista Fortune classificou a Apple a empresa mais admirada nos Estados Unidos em 2008, e do mundo em 2008, 2009 e 2010.[13] [14] [15] A empresa também tem recebido críticas por seu contratos de trabalho, cuidado ambiental e práticas de negócios.[16] [17]

História[editar | editar código-fonte]

Steve Jobs, ex-CEO da Apple, durante apresentação na MacWorld

A Apple foi fundada por Steve Wozniak, Steve Jobs e Ronald Wayne com o nome de Apple Computers INC., em 1976, na Califórnia. Com vendas anuais (no ano fiscal de 2006) em torno dos US$ 19,3 bilhões,[18] e sediada em Cupertino, na Califórnia, a Apple desenvolve, vende e oferece suporte a uma série de computadores pessoais, reprodutores de mídia portáteis, software e hardware. Entre os produtos mais conhecidos da empresa estão a linha de computadores Mac, seu sistema operacional Mac OS X e a linha iPod de reprodutores de mídia portáteis. Para o iPod e seu programa, o iTunes, a Apple vende audiobooks, filmes, jogos, música, programas televisivos e videoclipes na sua iTunes Store, recentemente entrou no ramo de celulares com a criação do iPhone.

A empresa era conhecida por Apple Computer, Inc. pelos seus primeiros 30 anos de existência, mas retirou a palavra "Computer" de sua razão social em 9 de janeiro de 2007.[19] A mudança de nome, que seguiu a introdução do smartphone iPhone e do sistema de vídeo digital Apple TV, é uma representante da contínua expansão da empresa em outros mercados além do seu foco tradicional em computadores.[20]

A "Apple" também opera mais de 200 pontos de venda nos Estados Unidos, Japão, Reino Unido, Canadá e Itália.[21] As lojas vendem a maioria dos produtos da empresa, assim como muitos produtos de terceiros e oferece suporte e consertos no local para seu hardware e software. A empresa emprega mais de 20 000 pessoas mundo afora, entre cargos permanentes e temporários.[22]

Por uma variedade de razões, desde sua filosofia de design às suas raízes indie, assim como suas campanhas publicitárias, a Apple construiu uma reputação distinta na indústria de informática e eletrônicos e cultivou uma base de consumidores que é devotada de modo incomum à empresa e à sua marca.[23] Na data de 24 de agosto de 2011 Steve Jobs anuncia oficialmente a sua renúncia do cargo de CEO da Apple e em 5 de outubro de 2011, falece.[24]

Correu um boato de que a empresa tinha superado a Microsoft em meados de 1999 em valor de mercado que teria se tornado o maior da história, mas o valor corrigido da inflação mostra que a Apple não tinha chegado àquele valor.[25]

Principais Produtos[editar | editar código-fonte]

Sede da Apple em Cupertino (uma das cidades que compõem o Vale do Silício), Califórnia.
Loja oficial da Apple em Chicago

Alguns produtos de sucesso da Apple:

  • Apple l - O primeiro computador da empresa Apple em julho de 1976 (37 anos) e descontinuado em março de 1977 (36 anos)
  • Apple II - O primeiro computador da família "II", cujo nome, mais tarde, inspirou o Macintosh "IIsi" e o "IIci" como destaque da tecnologia da época.
  • Macintosh - A marca registrada da Apple para seus computadores.
  • QuickTime - Uma estrutura de suporte (framework) multimídia desenvolvida pela Apple, Inc., para desenvolvimento de software capaz de manipular formatos de vídeo digital, mídia clips, som, texto, animação, música e vários tipos de imagens panorâmicas interativas.
  • PowerBook G3 - 1998, Da família dos "G3"s da Apple; o primeiro notebook com processador PowerPC G3. Foi popularmente conhecido na série Sex and the city no qual a principal personagem usava-o.
  • iMac - 1998, Um computador que constituía da sua torre com o monitor acoplados num só periférico. desde o primeiro modelo deste computador ele ja a possuía um design arrojado, com cores fortes de alto contraste e diversos atributos novos, com o intuito de atrair o público jovem e popularizar a marca.
  • iBook - 1999, Notebook da Apple criado seguindo as mesmas características do iMac, com várias cores fortes e atributos novos.
  • iPod - 2001, Um dos primeiros players portáteis de áudio e vídeo digital do mundo, que conquistou o público por sua leveza, praticidade, qualidade, modernidade e simplicidade, hoje com uma diversa linha de variadas capacidades de armazenamento e tamanhos.
  • iTunes Store - 2001, é a maior galeria de música digital legalizada no mundo, foi criada para venda de músicas, clipes, álbuns, seriados e até filmes para iPod pela internet.
  • iTunes - 2001, Foi desenvolvido para reproduzir e organizar arquivos de música e vídeo digitais. Pelo iTunes também é possível fazer compras de canções e vídeos na iTunes Store e carregar arquivos para iPod.
  • Mac OS X - 2001, sistema operacional destinado aos computadores Macintosh. Tornou-se o ambiente baseado em Unix mais vendido até hoje (em número de computadores vendidos).
  • MacBook - 2006, é o notebook sucessor do ibook. Esta máquina possui melhoramentos significativos como tela larga e já com os processadores Intel Core 2 Duo que melhoraram a confiabilidade, velocidade e, principalmente, o consumo de energia em relação ao antecessor iBook.
  • iPhone - 2007, é um telefone celular com funções de tocador de áudio, câmera digital e internet. A navegação é feita através de sua tela sensível a múltiplos toques (multitouch). Destaca-se ainda pela utilização de uma versão "enxuta" do sistema operacional OS X. Após seu lançamento, o aparelho vendeu 1 milhão de unidades[26] em um período de apenas 74 dias.
  • iPod touch - 2007, é um dos modelos de iPod mais avançados, com funções quase idênticas as do iPhone, porém, sem a capacidade de fazer ligações e enviar mensagens de texto pagas. Foi apresentado em 5 de setembro de 2007.
  • iPad - 2010, é um 'tablet' criado pela empresa e apresentado em 27 de janeiro de 2010. Foi lançado nos Estados Unidos em abril de 2010.
  • MacBook Air - 2008, apresentado em 15 de janeiro de 2008, é um notebook Macintosh fino da Apple apresentando um disco rígido de memória sólida. Possui, em seu ponto mais largo, 0.68 pol, e no mais estreito, 0,11 pol. Isso se deve à ausência de um Disco Rígido óptico, uma vez que usa memória flash como unidade de armazenamento, mesmas memórias utilizadas em iPhones e iPads. Possui carcaça inteiriça de alumínio (Unibody), assim como seus irmãos mais velhos.
  • iPad 2 - 2011, a segunda geração do iPad, apresentado em 2 de março de 2011, que além de ser mais fino, mais rápido e mais leve, conta com uma câmera traseira e uma dianteira (para videoconferências).
  • iPhone 4S - 2011, sexta geração do smartphone da Apple que conta com um processador A5, mais rápido que o do modelo anterior (iPhone 4), foi corrigido a falha na recepção de rede, implementada uma antena extra capaz de dobrar a velocidade de transferência de dados e também uma câmera traseira de 8 megapixels com tecnologia iSight (enquanto a câmera do iPhone 4 era de 5 megapixels). Teve como principal função o sistema de reconhecimento de voz Siri. Em apenas um final de semana depois do lançamento, foram vendidas mais de 4 milhões de unidades do aparelho.
  • Novo iPad” - 2012, a terceira geração do iPad, apresentado no dia 7 de março de 2012, um pouco mais pesado que a sua geração anterior só com muito mais tecnologia, como a conexão 4G, uma tela de Retina com 4 vezes a mais de pixels que sua versão anterior, equipado com o processador A5X e uma câmera de 5 megapixels com filmagem Full HD (1080p).
  • iPhone 5 - 2012, sexta geração do iPhone, apresentado em 12 de setembro. Conta com um processador A6, muito mais rápido que os anteriores, além de possuir a capacidade de tirar fotos panorâmicas e outras 600 funções novas (mantendo algumas da geração anterior). Ainda conta com um design mais fino e elegante e uma tela de 0,5 polegadas maior. Ainda conta com uma câmera frontal (câmera FaceTime HD de 1,3 megapixels) melhor que as das versões anteriores de iPhones.
  • iPhone 5s - 2013, sétima geração do smartphone da Apple, apresentado em 10 de setembro. Conta com um processador A7 de 64 bits e leitor de impressão digital. Disponível em três cores: cinza espacial, ouro e prata.
  • iPhone 5c - 2013, primeiro modelo alternativo ao iPhone com custo reduzido. Conta com as mesmas especificações do iPhone 5 e está disponível em cinco cores: branco, amarelo, verde, azul e rosa.
  • iPhone 6 - 2014, oitava geração do smartphone da Apple, apresentado em 09 de setembro de 2014[27] . Conta com um processador A8 de 64 bits, leitor de impressão digital, NFC para transações comerciais, novo sistema de estabilização de imagens para a câmera, além de apresentar uma tela maior em realação ao 5S, de 4,7 polegadas[27] .
  • iPhone 6 Plus - 2014, possui as mesmas funções do iPhone 6, mas possui uma tela full HD, de 5,5 polegadas, além de funções no software diferentes dos outros modelos de iPhone: ao virar o celular na horizontal, assim como acontece com alguns aplicativos, os ícones da tela acompanharão formando um novo mosaico[27] .

iOS[editar | editar código-fonte]

Dispositivos que utilizam o sistema operacional iOS:

  • iPhone - 2007, lançado junto ao "iPhone OS", atual iOS.
  • iPod touch - 2007, lançado alguns meses depois do iPhone, também com o "iPhone OS".
  • iPad - 2010, o tablet foi lançado com o iOS 3.2.
  • Apple TV - 2010, utiliza o sistema iOS com interface visual adaptada para televisões.
  • iPad mini - 2012, versão reduzida do iPad, lançado com o iOS 6.
  • iPad mini com tela retina - 2013, versão reduzida do iPad, com iOS 7 e tela retina.
  • iPad Air - Com bordas laterais mais finas que as anteriores, tela retina de 9,7", iOS 7

Fracassos[editar | editar código-fonte]

Nem tudo foi sucesso na história da Apple. Alguns produtos revelaram-se um grande fiasco:

  • Apple III - 1980, o fracassado sucessor do Apple II.
  • Apple Lisa - 1993, o primeiro computador da Apple a usar interface gráfica e mouse. Capaz de multitarefa não-preemptiva e equipado com 1MB (1024KB) de memória RAM.
  • Apple Newton - 1993, também conhecido com Newton Message Pad, era um computador de mão ("palmtop") com tela sensível ao toque ("touch screen"), reconhecimento de escrita, memória flash e processador RISC. Lançado três anos antes dos populares Palm Pilot.
  • QuickTake - 1994, uma das primeiras câmeras digitais voltada para o consumidor doméstico. Ficou no mercado durante 3 anos.
  • Apple Pippin - 1996, Videogame que foi um grande fracasso devido à pouca quantidade de jogos publicados e ao grande número de consoles que eram vendidos com defeitos de fabricação.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Apple Investor Relations FAQ, Apple inc. Acessado em 2 de março de 2007.
  2. Linzmayer, Ronald W.. Apple Confidential: The Real Story of Apple Computer, Inc.. [S.l.]: No Starch Press, 1999.
  3. a b c d e f g 2010 Apple Form 10-K
  4. http://g1.globo.com/economia/mercados/noticia/2013/09/acao-da-apple-cai-5-e-valor-de-mercado-recua-us-23-bi-em-2-dias.html
  5. Macworld UK – Grand opening of Apple's 300th retail store brings Covent Garden to a standstill Macworld UK. Visitado em 7 de agosto de 2010.
  6. (USA) Apple Retail Store - Store List Apple Inc.. Visitado em 7 de agosto de 2010.
  7. A US version of this online store is located at http://store.apple.com/us
  8. Miguel Helft, Ashlee Vance. "Apple Passes Microsoft as No. 1 in Tech", The New York Times, 26 de maio de 2010.
  9. "Apple Passes Exxon As Most Valuable U.S. Company In Terms Of Market Cap", Huff Post, 25 de dezembro de 2011.
  10. Form 8-K SEC Filing (PDF) (10 de janeiro de 2007). Visitado em 8 de dezembro de 2007.
  11. Markoff, John. "New Mobile Phone Signals Apple's Ambition", The New York Times, 9 de janeiro de 2007. Página visitada em 9 de janeiro de 2007.
  12. Apple, Google tops in loyalty survey MacNN (11 de julho de 2006). Visitado em 18 de agosto de 2008.
  13. Fisher, Anne. (17 de março de 2008). "America's Most Admired Companies". Fortune 157 (5): 65–67.
  14. Colvin, Geoff. (16 de março de 2009). "The World's Most Admired Companies 2009". Fortune 159 (5).
  15. (March 2010) "World's Most Admired Companies". Fortune.
  16. "[1]".
  17. "Environmental Group Hits Apple".
  18. Apple Computer financial statements at morningstar.com
  19. SEC filing — Apple.com
  20. Markoff, John (09/01/2006). = 1&ref = technology&oref = slogin New Mobile Phone Signals Apple’s Ambition The New York Times.
  21. Apple Store — Store List — da Apple.com
  22. Apple — Job Opportunities
  23. Apple's customer loyalty
  24. Morre Steve Jobs, fundador da Apple
  25. Apple Becomes the Most Valuable Public Company Ever, With an Asterisk
  26. Apple Sells One Millionth iPhone
  27. a b c MARCELA BOURROUL E BARBARA BIGARELLI (09 de setembro de 2014). APPLE ANUNCIA IPHONE 6, APPLE WATCH E APPLE PAY Época Negócios. Visitado em 09 de setembro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Apple