MC Marechal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
MC Marechal
MC Marechal em um show.
Informação geral
Nome completo Rodrigo Vieira
Também conhecido(a) como Cavalo Banguela
Boneco Possuído
Griot
Nascimento 1981
Origem Bandeira do estado do Rio de Janeiro.svg Niterói, RJ
País  Brasil
Gênero(s) Rap, hip hop
Ocupação(ões) Rapper, compositor, produtor
Instrumento(s) Vocal
Outras ocupações Apresentador, ativista
Gravadora(s) Independente
Afiliação(ões) Bonde da Stronda
Quinto Andar
Marcelo D2
Emicida
MC Rashid
Projota
Página oficial umsocaminho.com.br

Rodrigo Vieira (Niterói, 22/09/1981), mais conhecido pelo nome artístico MC Marechal é um rapper, compositor, produtor, apresentador e ativista brasileiro.[1] Iniciou sua carreira como MC no ano de 1998, tendo participado do extinto Quinto Andar e atualmente segue carreira solo.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

MC Marechal junto com Emicida durante um show

Iniciou sua carreira em batalhas de MCs no ano de 1998, nas quais se destacava. Após, integrou o extinto grupo de rap Quinto Andar em 1999, junto com artistas como De Leve e Shawlin.[3] No entanto, foi o primeiro a deixar o grupo, para seguir carreira solo; gravou com Marcelo D2 e Fernandinho Beatbox a música "Loadeando", que alcançou destaque nacional.[3] Conhecido nacionalmente por compor letras de espírito diferente da maioria dos rappers, Marechal ficou mais conhecido em 2005, quando entrou em uma rixa com o rapper paulistano Cabal. Começou com Marechal gravando "Sua Mina Ouve Meu Rap", tendo a resposta por "Temporada de Caça" por C4bal. A rixa começou a ganhar ares mais pesados com as canções "Vai Tomar no Cú, Cabal" e "Foda-se Dichinelo", de Marechal & Gutierrez e Cabal e P Rima, respectivamente.[4] Está em um projeto para o lançamento de um álbum a quase uma década; no entanto, o single "Espírito Independente" foi o seu primeiro trabalho. Marechal tem diversas afiliações com MCs, assim como Gutierrez, Marcelo D2, Rashid.[3] O MC Emicida, lançou o EP Sua Mina Ouve Meu Rap Também, que faz alusão a letra escrita por Marechal onde ele ataca o rapper Cabal. Conhecido por usar frequentemente a frase Um Só Caminho, Marechal também exerce a profissão de produtor musical.[5]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

Referências