PFC CSKA Moscovo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ЦСКА Москва
CSKA Moscou
CSKA Moscow.png
Nome Clube Central de Esportes do Exército
ПФК Центральный Спортивный Клуб Армии
Alcunhas Os Soldados
(Армейцы)
Os Cavalos
(Кони)
Azul-vermelhos
(Красно-синие)
Torcedor/Adepto Armeiets
(Армеец)
Krasno-siny
(Красно-синий)
Mascote Cavalo
Principal rival Spartak Moscou
Fundação 27 de agosto de 1911 (103 anos)
Estádio Arena Khimki
Capacidade 18.636
Localização Moscou, Rússia
Mando de jogo em Lujniki
Capacidade (mando) 84 745
Presidente Rússia Evgeni Guiner
Treinador Rússia Leonid Slutsky
Material esportivo Alemanha Adidas
Competição Rússia Campeonato Russo
Rússia Copa da Rússia
União EuropeiaLiga dos Campeões da UEFA
2012-13
Ranking nacional 1º (Rússia)
22º (Europa)
Website pfc-cska.com
Kit left arm cska1314h.png Kit body cska1314h.png Kit right arm cska1314h.png
Kit shorts cska1314h.png
Kit socks cska1314h.png
Uniforme
titular
Kit left arm cska1314a.png Kit body cska1314a.png Kit right arm cska1314a.png
Kit shorts cska1314a.png
Kit socks cska1314a.png
Uniforme
alternativo
editar

O PFK CSKA Moskva, ou em português CSKA Moscou (português brasileiro) ou CSKA de Moscovo (português europeu), transliterado Professionalhnîy Futbolhnîy Klub Tsentralnyi Sportivnyi Klub Armii (em russo: Профессиональный футбольный клуб ЦСКА) é um clube de futebol de Moscou, capital da Rússia, e um dos maiores e mais antigos clubes do país, fundado em 1911. O nome em português significa Clube Central de Esportes do Exército. O CSKA venceu 3 Campeonatos Russos, 7 Campeonatos Soviéticos, 6 Copas da Rússia e 5 Copas da União Soviética. Além disso, foi campeão da Copa da UEFA de 2004-05, sendo a primeira equipe russa a ganhar um torneio europeu. O CSKA, representando os militares, faz o maior clássico da Rússia com seu arquirrival, o Spartak, clube dos operários.

História[editar | editar código-fonte]

O clube foi fundado em 1911 na cidade de Moscou, quando a sociedade de esporte amador do Exército Russo criou a sessão de futebol. Em 1917, o clube, na época chamado OLLS disputou o seu primeiro campeonato em Moscou. Com a ascensão da revolução, as organizações esportivas foram modificadas para atender ao modelo socialista, e os antigos esportistas ingressaram em uma nova organização, chamada OPPV e comandada pelo Exército Vermelho. Em 1926, a equipe venceu o campeonato amador de Moscou, que na época era a principal liga da União Soviética, visto que toda a força futebolística da época era concentrada na capital. Seis equipes participaram, entre elas o Dínamo e o Pischeviki, que mais tarde viria a se tornar o Spartak. Em 1928, o exército cria uma nova organização, a Casa Central do Exército Vermelho, com a sigla CDKA, e a equipe finalmente toma a forma que levaria ao seu progresso e renome. Em 1935, o CDKA ganha o primeiro campeonato profissional de Moscou, apesar de tanto o Dínamo quanto o Spartak não terem jogado na mesma divisão, pois ainda estavam com o status de amadores.

Logotipo do CDKA Moscou (1928-1951)

O ano de 1936 é um marco para o futebol russo, já que neste ano ocorreu o primeiro campeonato nacional do país. Pela primeira vez, era disputado o Campeonato Soviético de Futebol, com a participação, além dos já conhecidos Dínamo e Spartak, de Lokomotiv, Dínamo de Kiev e do hoje extinto Aurora Vermelha. Neste mesmo campeonato, o CDKA, representando o exército e a ordem, formou a sua grande rivalidade, que perdura até hoje, com o Spartak, que representava os trabalhadores e as classes menos favorecidas.
No final da década de 1940 e início da década de 1950, o CDKA ganhou seus primeiros e principais títulos na URSS. Com o fim da guerra, em 1945, em respeito e memória dos mortos, o Exército Vermelho, mudou seu nome para Exército Soviético, e em o CDKA teve de se adaptar, substituindo o "Krasnoi" (vermelho) de seu nome, por "Sovietskoi" (soviético), em 1951, e mudando a sigla para CDSA. Para os Jogos Olímpicos de Verão de 1952, o CDSA foi a base da Seleção Soviética.

Boris Arkadev, ídolo do CSKA nos anos 1940 e 1950.

Na década de 1950, o CDSA teve grandes jogadores, mas ganhou pouquíssimos títulos e não apresentava um futebol exemplar. Seu único título importante foi uma Copa da URSS, em 1955. Além disso, foi terceiro colocado no campeonato soviético por três ocasiões (1955, 1956 e 1958). Entre os principais jogadores desta época, estão Albert Shesternov, Grigory, pai e Vladimir Fedotov, filho, Vsevolod Borbov e Vladimir Kaplitchni. Em 1957, por conta de mudanças internas dentro do exército, o CDSA mudou de nome novamente, desta vez para CSK MO. Três anos mais tarde, em 1960, o clube mudou de nome pela última vez, passando a se chamar CSKA. Em 1970, o CSKA ganharia outro campeonato soviético, após 19 anos sem conquistá-lo.

Entre 1971 e 1991, o CSKA passou por diversas crises e um período de 20 anos sem títulos nacionais. No início dos anos 1990, ficou claro que a União Soviética dificilmente se recuperaria das crises que consumiam sua estrutura, e estava prestes a cair. Na última edição do campeonato soviético, disputada em 1991, o CSKA conquistou seu sétimo título, encerrando o jejum. Em 1992, com a queda da União Soviética e a consolidação da Rússia, o campeonato nacional começava praticamente do zero, e o CSKA, como esperado, ingressou na divisão principal, com um elenco que contava com Igor Korneyev, Dmitriy Galyamin e Dmitriy Kuznetsov. O CSKA demorou mais de uma década a adaptar-se aos novos tempos e voltar a festejar a conquista da principal competição interna. Em 2003, o clube conquista seu primeiro título russo, e repete o feito em 2005, mesmo ano em que conquista seu mais importante título europeu, a Copa da UEFA de 2004-05, sobre o clube português Sporting. O tricampeonato nacional veio no ano seguinte, em 2006, com um tenso empate contra seu maior rival, o Spartak Moscou. O domínio do CSKA durante estes três anos foi o resultado do alargamento do trabalho comercial do CSKA, cujos dirigentes puderam alargar os horizontes com o valioso patrocínio da companhia petrolífera Sibneft, hoje filiada à Gazprom, que teria Roman Abramovich como um dos acionistas. A UEFA investigou a situação quando o CSKA ficou, por capricho do sorteio, no mesmo grupo do Chelsea, mas a federação teve de reconhecer que o milionário russo não tinha qualquer envolvimento no ocorrido. Em três anos, a Sibneft permitiu a entrada de 45 milhões de euros nos cofres do clube, atraindo brasileiros como Vágner Love, Daniel Carvalho, Dudu Cearense e . O clube também teve Zico como seu técnico, substituindo o lendário treinador Valeri Gazaev, em 2009. O CSKA conquistou seu quarto título russo na temporada de 2012-13.

Valeri Gazaev, um dos mais importantes treinadores do CSKA.

Os Torcedores[editar | editar código-fonte]

Os torcedores do CSKA são conhecidos como os "soldados", pelo fato de o time ser uma organização dentro do Exército Russo. São conhecidos pelo apelido "cavalos", dado pelos rivais, e originário da época em que os militares treinavam em campos próximos a estábulos.

Rivalidades[editar | editar código-fonte]

O maior rival do CSKA é o Spartak Moscou, com quem forma a maior rivalidade da Rússia e disputa o Grande Clássico Moscovita. Por ser o clube do exército, cujo acesso era restrito aos soldados, o CSKA criou desavenças com o Spartak, que originalmente foi fundado por humildes trabalhadores de um bairro pobre da região central de Moscou. Os estereótipos dos torcedores também é interessante, enquanto os torcedores do CSKA são vistos como disciplinados, ordeiros e bem-comportados, os torcedores do Spartak são vistos como arruaceiros e relaxados. O mascote do CSKA é um cavalo.

Hino (Ouvir)[editar | editar código-fonte]

В игру — как в бой под флагом красно-синим.
Другой такой команды просто нет.
Чтоб стать футбольной гвардией России,
Прошли армейцы славный путь побед!
Бобров, Федотов — блеску их талантов
Футбольный мир рукоплескал не раз.
Болельщики команды лейтенантов
Сегодня ждут больших побед от нас.
Вперед армейцы — нам страх неведом!
Вперед армейцы — вперед к победам!
Вперед армейцы — мы вместе сила!
Вперед армейцы, вперед Россия!
Мы имя клуба гордо произносим.
Наш ЦСКА сегодня на ходу.
Мы возле сердца на футболках носим
Как символ славы — красную звезду!
Еще не все сказали мы в футболе -
В игре, что стала нам давно судьбой.
За честь России на зеленом поле
Готовы дать любой команде бой
Вперед армейцы — нам страх неведом!
Вперед армейцы — вперед к победам!
Вперед армейцы — мы вместе сила!
Вперед армейцы, вперед Россия!
A partida é como uma guerra sob a bandeira azul-vermelha.
Simplesmente não existe um time igual.
Para se tornar a guarda do futebol da Rússia,
O CSKA traçou um glorioso caminho de vitórias!
O mundo do futebol aplaudiu muitas vezes
O brilho do talento de Borbov e Fedotov.
Os torcedores da equipe dos tenentes
Hoje esperam mais vitórias de nós.
Vamos, Soldados, não conhecemos o medo!
Vamos, Soldados, para as vitórias!
Vamos, Soldados, juntos temos a força!
Vamos, Soldados, Vamos, Rússia!
Com orgulho falamos o nome do clube,
Nosso CSKA está em ação.
Nós vestimos a camisa com o coração,
E a estrela vermelha é um símbolo de glória!
Ainda não mostramos tudo no futebol,
No jogo que há anos é o nosso destino.
Pela honra da Rússia no campo verdejante,
Estamos preparados para enfrentar qualquer rival!
Vamos, Soldados, não conhecemos o medo!
Vamos, Soldados, para as vitórias!
Vamos, Soldados, juntos temos a força!
Vamos, Soldados, Vamos, Rússia!

Títulos[editar | editar código-fonte]

Futebol da Rússia  v  e 
Nuvola Russian flag.svg
Títulos Continentais
País Competição Títulos Temporadas
UEFA Cup (adjusted).png Copa da UEFA 1 2004-05
Títulos Nacionais da Rússia (a partir de 1992)
País Competição Títulos Temporadas
Flag of Russia.svg Campeonato Russo 5 2003, 2005, 2006, 2012/13, 2013/14
Flag of Russia.svg Copa da Rússia 7 2001/02, 2004/05, 2005/06, 2007/08, 2008/09, 2010/11, 2012/2013
Flag of Russia.svg Supercopa da Rússia 5 2004, 2006, 2007, 2009, 2013
Títulos Nacionais da União Soviética (1936-1991)
País Competição Títulos Temporadas
Flag of the Soviet Union (1923-1955).svg Campeonato Soviético 7 1946, 1947, 1948, 1950, 1951, 1970, 1991
Flag of the Soviet Union (1923-1955).svg Copa da União Soviética
5 1945, 1948, 1951, 1955, 1991

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Goleiros
1 Rússia Sergeiy Chepchugov
35 Rússia Igor Akinfeev Capitão
Zagueiros
2 Brasil Mário Fernandes
4 Rússia Sergey Ignashevich
5 Rússia Viktor Vasin
6 Rússia Aleksey Berezutskiy
14 Rússia Kiril Nababkin
24 Rússia Vasiliy Berezutskiy
42 Rússia Georgiy Schennikov
Volantes/Meias
3 Suécia Pontus Wernbloom
8 Suíça Steven Zuber
10 Rússia Alan Dzagoev
11 Chile Mark González
15 Rússia Dmitri Efremov
19 Letónia Aleksandrs Cauņa
20 Suécia Rasmus Elm
21 Sérvia Zoran Tošić
23 Bulgária Georgi Milanov
25 Bósnia e Herzegovina Elvir Rahimić
Atacantes
18 Nigéria Ahmed Musa
31 Brasil Vitinho
88 Costa do Marfim Seydou Doumbia
Técnico
Rússia Leonid Slutsky

Notáveis Jogadores[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]