Sião

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Monte Sião

Sião ou Tzion (em hebraico ציון Tzion ou Tsion "cume", em árabe صهيون Ṣuhyūn) originalmente era o nome dado especificamente à fortaleza jebusita próxima da atual Jerusalém, que foi conquistada por David. A fortaleza original ficava na colina a sudeste de Jerusalém, chamada de monte Tzion, aportuguesado para Sião.

Sião é o nome de uma das colinas de Jerusalém e que por extensão tornou-se sinónimo de Jerusalém [1] e que pela definição bíblica é a cidade de David. Após a morte do rei David, o termo Sião passou a se referir ao monte em Jerusalém, o Monte Sião, onde se encontrava o Templo de Salomão. Mais tarde, Sião passou a se referir ao próprio templo e aos terrenos do templo. Depois disso, Sião foi usado para simbolizar Jerusalém e a terra prometida. Sião seria uma adequação geo-fônica, do idioma hebraico para o Português, referente ao nome de um acidente geográfico mencionado na Bíblia que ficava no centro de Jerusalém.

Sião, para algumas denominações cristãs, será a última cidade possível de viver depois do Armagedom.

Movimentos religiosos[editar | editar código-fonte]

Para os representantes do movimento rastafari, Sião representa a terra prometida[2] .

Já para os membros d'A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, Sião tem vários significados. Pode estar relacionado à cidade em que vivia o profeta Enoque, ancestral de Noé, e que, devido à total retidão de seus habitantes, foi levada aos céus. Significa também "o puro de coração", ou onde vivem os puros de coração. Na doutrina Mórmon, a Nova Jerusalém, também chamada de Sião, é o lugar onde os Santos e as doze tribos de Israel iriam se reunir (ver Apocalipse 21:1-5). Cristo irá reinar da Nova Jerusalém, assim como da Antiga Jerusalém, durante o Milênio (ver Miquéias 4:2).

Para as Testemunhas de Jeová, Sião significa o céu (domínio espiritual), onde somente os escolhidos como primícias de Deus irão viver quando morrerem, em sião tambem vivem os Anjos e o próprio Jeová Deus, visto ser o domínio espiritual.Os que não pertencem ao grupo das primícias, viverão na terra, segundo Salmos 37:29 - Os justos possuírão a terra e viverão nela para todo o sempre.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. "Lello Universal". Dicionário enciclopédico Luso-Brasileiro - Página 894 - Volume 2. Consultado em Abril 2014. 
  2. Rastafarianism (em francês) Visitado: Abril 2014
Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.