Sistema de Bentham e Hooker

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O sistema de classificação de Bentham & Hooker, para as espermatófitas, é uma das mais importantes classificações botânicas do século XIX.

Ela foi publicada por George Bentham (1800-1884) e Joseph Dalton Hooker (1817-1911), em 3 volumes, de 1862 a 1883, sob o título de Genera plantarum ad exemplaria imprimis in herbariis kewensibus servata definita (online em site de Gallica).

Os grupos principais nesta classificação são:

  • DICOTYLEDONES
    POLYPETALÆ
    Series 1. THALAMIFLORÆ
    Series 2. DISCIFLORÆ
    Series 3. CALYCIFLORÆ
    GAMOPETALÆ
    Series 1. INFERÆ
    Series 2. HETEROMERÆ
    Series 3. BICARPELLATÆ
    MONOCHLAMYDEÆ
  • GYMNOSPERMEÆ
  • MONOCOTYLEDONES

Famílias e ordens na classificação de Bentham e Hooker[editar | editar código-fonte]

De notar que este sistema foi publicado bem antes de serem adoptadas internacionalmente as regras da nomenclatura botânica. Indicam-se as famílias por "ordem"; uma ordemindica-se por "cohortes" (no primeiro dos dois volumes) ou "series" (no terceiro volume); nesse primeiro volume, “series” referia-se a um taxa acima da ordem.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Genera plantarum (Genera plantarum ad exemplaria imprimis in herbariis kewensibus servata definita) à botanicus.org