Wespe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wespe (Sdkfz 124)
SdKfz124.jpg
Wespe no Panzermuseum em Munster
Tipo Carro de combate de Artilharia
Local de origem Flag of German Reich (1935–1945).svg Alemanha Nazista
História operacional
Em serviço 1943 - 1945
Utilizadores Flag of German Reich (1935–1945).svg Alemanha Nazista
Guerras Segunda Guerra Mundial
Histórico de produção
Fabricante Alkett
Período de
produção
fevereiro de 1943 até metade de 1944
Quantidade
produzida
682
Variantes carregador de munição
Especificações
Peso 11 t (24 300 lb)
Comprimento 4,81 m (16 ft)
Largura 2,28 m (7,5 ft)
Altura 2,30 m (7,5 ft)
Tripulação 5
Blindagem do veículo mm (0,20 in) - 30 mm (1,2 in)
Armamento
primário
Um canhão leFH 18M L/28 de 105 mm
Motor Maybach HL62TR 6-cilindros, gasolina
140 hp (104 000 W)
Peso/potência 12.7 hp/ton
Suspensão Feixe de molas
Alcance
Operacional
220 km (137 mi)
Velocidade 40 km/h (25 mph)
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Wespe

Wespe (Sdkfz 124 ou, em alemão: Leichte Feldhaubitze 18 auf Fahrgestell Panzerkampfwagen II, em português: obus leve de campanha 18mm sobre [chassi] de carro de combate Pzkpfw II) foi um veículo de artilharia auto-propulsada da Wehrmacht desenvolvido e usado durante a Segunda Guerra Mundial. Foi baseado no tanque Panzer II.

Em 1940, durante a Batalha da França, era aparente que o principal tanque das forças alemãs, o Panzer II, era um veículo inapropriado para combate direto; tinha armamento e blindagem fracos. Assim, quando a necessidade de um veículo de artilharia móvel, o Panzer II era uma escolha natural, eliminando veículos da linha de frente e estendendo sua utilidade.

O design do Wespe foi criado pelas empresas Alkett, Rheinmetall e MAN, e era baseado nos chassis (Ausf. F) do Panzer II. A produção do veículo foi efetuada em várias fábricas, principalmente na Polônia. O processo de conversão em si se mostrou relativamente simples, envolvendo a recolocação das torretes do Panzer II com um obus de 105mm e um escudo para o canhão.

O Wespe foi visto pela primeira vez em 1943 no Fronte Oeste, e mostrou tanto sucesso que Hitler ordenou que toda a produção de Panzers II fossem reservadas somente para o Wespe[nota 1] , deixando fora outros projetos como o Marder II.

O Wespe permaneceu em produção de fevereiro de 1943 até meados de 1944, quando as forças soviéticas capturaram fábricas alemãs na Polônia. Por esse tempo tinham sido produzidos 662, mais 158 adicionais desarmados, utilizados para carregar munição[nota 2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Coleção 70º Aniversário da Segunda Guerra Mundial - Fascículo 21, Abril Coleções 2009 - Pag 89
  2. O Wespe, juntamente com o Hummel, SdKfz 250/10 e o SdKfz 251, faziam parte da famosa formação de ataque blindado, conhecida como "Panzerkeil" ou "Cunha Blindada", utilizado durante a Batalha de Kursk - Nota do Editor -Coleção 70º Aniversário da Segunda Guerra Mundial - Fascículo 21, Abril Coleções 2009, Pag. 90

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Coleção 70º Aniversário da Segunda Guerra Mundial - Fascículo 21, Abril Coleções 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Veículos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.