5000 metros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
5000 metros
Olímpico desde 1912 H / 1996 S
Desporto Atletismo
Praticado por Ambos os sexos
Campeão olímpico
Homens Mo Farah
 Grã-Bretanha
Mulheres Vivian Cheruiyot
 Quênia
Campeão mundial
Homens Mo Farah
 Grã-Bretanha
Mulheres Almaz Ayana
 Etiópia

5000 metros é uma modalidade olímpica de atletismo é uma das corridas de fundo disputadas em pista, com um total de 12½ voltas em torno da pista padrão de 400 metros do estádio.

Os antigos gregos já organizavam corridas de resistência semelhantes às corridas de longa distância atuais. Durante o século XIX, corridas em distâncias semelhantes eram realizadas como apostas nos Estados Unidos e na Inglaterra.[1] A prova entrou no programa olímpico em Estocolmo 1912, com a vitória do finlandês Hannes Kolehmainen. Durante todo o período anterior à II Guerra Mundial ela foi dominada pela Finlândia e seus fundistas, chamados de Finlandeses Voadores, como Kolehmainen, Paavo Nurmi e Ville Ritola.[2] O último fundista deste país a vencê-la em Olimpíadas foi Lasse Viren, bicampeão olímpico em Munique 1972 e Montreal 1976.[3] A partir dos anos 80, a distância passou a ser de domínio absoluto dos africanos, especialmente etíopes e quenianos, tanto em Jogos Olímpicos quanto em campeonatos mundiais.[1]

Introduzida no programa olímpico para mulheres em Atlanta 1996, em substituição aos 3000 metros e equiparando as mulheres aos homens, a primeira campeã olímpica foi a chinesa Wang Junxia .[4] Com o correr dos anos, as africanas passaram também a dominá-la, assim como a todas as provas de longa distância, como os 10 000 metros e a maratona, especialmente as etíopes e quenianas.[1] Os atuais campeões olímpicos são Mo Farah, da Grã-Bretanha – um somali naturalizado britânico – e Vivian Cheruiyot, do Quênia. O recorde mundial pertence a Kenenisa Bekele – 12:37.35 – e entre as mulheres a Tirunesh Dibaba – 14:11.15 – ambos da Etiópia.

Além dos já citados, alguns dos grandes nomes da história desta prova são Emil Zatopek, Haile Gebrselassie, Said Aouita e Gabriela Szabo.

Recordes[editar | editar código-fonte]

De acordo com a Federação Internacional de Atletismo – IAAF.[5][6]

Homens
Recorde
Tempo
Atleta
País
Data
Local
Recorde mundial
12:37.35
Kenenisa Bekele
Etiópia
31 maio 2004
Hengelo
Recorde olímpico
12:57.82
Kenenisa Bekele
Etiópia
23 agosto 2008
Pequim 2008
Mulheres
Recorde
Tempo
Atleta
País
Data
Local
Recorde mundial
14:11.15
Tirunesh Dibaba
Etiópia
6 junho 2008
Oslo
Recorde olímpico
14:26.17
Vivian Cheruiyot
Quénia
19 agosto 2016
Rio 2016

Melhores marcas mundiais[editar | editar código-fonte]

As marcas abaixo são de acordo com a Federação Internacional de Atletismo – IAAF.[7][8]

Homens[editar | editar código-fonte]

Posição Tempo Atleta País Data Local
1
12:37.3
Kenenisa Bekele
Etiópia
31 maio 2004
Hengelo
2
12:39.3
Haile Gebrselassie
Etiópia
13 junho 1998
Helsinque
3
12:39.7
Daniel Komen
Quénia
22 agosto 1997
Bruxelas
4
12:40.1
Kenenisa Bekele
Etiópia
1 julho 2005
Paris
5
12:41.8
Haile Gebrselassie
Etiópia
13 agosto 1997
Zurique
6
12:44.3
Haile Gebrselassie
Etiópia
16 agosto 1995
Zurique
7
12:44.9
Daniel Komen
Quénia
13 agosto 1997
Zurique
8
12:45.0
Daniel Komen
Quénia
14 agosto 1996
Zurique
9
12:46.5
Eliud Kipchoge
Quénia
2 julho 2004
Roma
10
12:46.8
Dejen Gebremeskel
Etiópia
6 julho 2012
Paris

Mulheres[editar | editar código-fonte]

Posição Tempo Atleta País Data Local
1
14:11.1
Tirunesh Dibaba
Etiópia
6 junho 2008
Oslo
2
14:12.5
Almaz Ayana
Etiópia
2 junho 2016
Roma
3
14:12.8
Meseret Defar
Etiópia
22 julho 2008
Estocolmo
4
14:14.3
Almaz Ayana
Etiópia
17 maio 2015
Xangai
5
14:15.4
Genzebe Dibaba
Etiópia
4 julho 2015
Paris
6
14:16.3
Almaz Ayana
Etiópia
22 maio 2016
Rabat
7
14:16.6
Meseret Defar
Etiópia
15 junho 2007
Oslo
8
14:18.8
Almaz Ayana
Etiópia
9 setembro 2016
Bruxelas
9
14:19.7
Genzebe Dibaba
Etiópia
30 maio 2015
Eugene
10
14:20.8
Vivian Cheruiyot
Quénia
29 julho 2011
Estocolmo

Melhores marcas olímpicas[editar | editar código-fonte]

As marcas abaixo são de acordo com o Comitê Olímpico Internacional – COI.[9]

Homens[editar | editar código-fonte]

Posição Tempo Atleta País Medalha Local
1
12:57.8
Kenenisa Bekele
Etiópia
ouro
Pequim 2008
2
13:02.8
Eliud Kipchoge
Quénia
prata
Pequim 2008
3
13:03.3
Mo Farah
Reino Unido
ouro
Rio 2016
4
13:03.9
Paul Chelimo
Estados Unidos
prata
Rio 2016
5
13:04.3
Hagos Gebrhiwet
Etiópia
bronze
Rio 2016
6
13:05.5
Said Aouita
Marrocos
ouro
Los Angeles 1984
7
13:05.9
Mohammed Ahmed
Canadá
Rio 2016
8
13:06.2
Edwin Soi
Quénia
bronze
Pequim 2008
9
13:06.7
Bernard Lagat
Estados Unidos
Rio 2016
10
13:07.5
Markus Ryffel
Suíça
prata
Los Angeles 1984

Mulheres[editar | editar código-fonte]

Posição Tempo Atleta País Medalha Local
1
14:26.1
Vivian Cheruiyot
Quénia
ouro
Rio 2016
2
14:29.7
Hellen Obiri
Quénia
prata
Rio 2016
3
14:33.5
Almaz Ayana
Etiópia
bronze
Rio 2016
4
14:40.7
Gabriela Szabo
Roménia
ouro
Sydney 2000
5
14:41.0
Sonia O'Sullivan
República da Irlanda
prata
Sydney 2000
6
14:42.2
Gete Wami
Etiópia
bronze
Sydney 2000
7
14:42.6
Ayelech Worku
Etiópia
Sydney 2000
8
14:42.8
Mercy Cherono
Quénia
Rio 2016
9
14:43.5
Irina Mikitenko
Alemanha
Sydney 2000
10
14:43.7
Senbere Teferi
Etiópia
Rio 2016

Marcas da lusofonia[editar | editar código-fonte]

País
Masculino
Atleta
Ano
Local
Feminino
Atleta
Ano
Local
Portugal
13:02
António Pinto
1998
Zurique
14:36
Fernanda Ribeiro
1995
Hechtel
[10]
Brasil
13:19
Marílson Gomes dos Santos
2006
Askina
15:18
Simone Alves
2011
São Paulo
[11]
Angola
13:40
Aurélio Mity
1999
Gotemburgo
16:02
Ernestina Paulino
2008
Luanda
[12]
Cabo Verde
13:55
Leão Carvalho
2008
Lisboa
17.05
Sónia Lopes
2002
Guastalla
[13]
Guiné-Bissau
14:45
Mussa Djau
2016
Maia
sem registro
[14]
São Tomé e Príncipe
sem registro
17:25
Celma Bonfim
2008
Pequim
[15]

Referências

  1. a b c «5000 metres». IAAF. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  2. «Where does "Flying Finn" come from?». mtv.it. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  3. «Lasse Virén». Encyclopædia Britannica. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  4. «Wang Junxia». Sportsreference. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  5. «MIDDLE/LONG - 5000 METRES M». IAAF. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  6. «MIDDLE/LONG - 5000 METRES W». IAAF. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  7. «All time best M». IAAF. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  8. «All time best W». IAAF. Consultado em 13 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  9. «48 PAST OLYMPIC GAMES». OIC. Consultado em 24 de abril de 2013 
  10. «RECORDES DE PORTUGAL». FPA. Consultado em 1 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  11. «Recordes». CBat. Consultado em 1 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  12. «estatisticas». FAA. Consultado em 1 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  13. «Tabela de Records de Cabo Verde». FCA. Consultado em 1 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)
  14. «2016.06.04 - Resultados Meeting Maia Cidade do Desporto». Associação de Atletismo do Porto. Consultado em 7 de julho de 2016 
  15. «National Records- 5000 meters Outdoor Track». ARRAS - Association of Road Racing Statisticians. Consultado em 18 September 2015  Verifique data em: |access-date= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]