Alan Rick Miranda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rick Miranda
Rick Miranda
Deputado Federal pelo Acre Acre
Período 2015 - presente
Dados pessoais
Nascimento 23 de outubro de 1976 (41 anos)
Rio Branco,  Acre
Cônjuge Michele Miranda[1]
Partido DEM
Profissão Jornalista
Apresentador de TV
Pastor Evangélico

Alan Rick Miranda (Rio Branco, 23 de outubro de 1976) é um jornalista, apresentador de TV, pastor evangélico e político brasileiro. Nas eleições de 2014 foi eleito deputado federal pelo Acre, com 17.903 votos. Eleito pelo PRB, hoje é filiado ao Democratas[2][3]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Alan Rick Miranda, acreano de Rio Branco, nascido em 23 de outubro de 1976. Jornalista de profissão, Administrador de Empresas com Habilitação em Comércio Exterior. Pós Graduado em Jornalismo Político. Poeta e Cronista com dois livros publicados. Em 1993, aos 17 anos, quando residia em Boa Vista-RR, venceu o Concurso de Poesias “Escritor do Futuro” da Academia Roraimense de Letras, com o poema “Versos Verdejantes”, publicado em seu primeiro livro “o Efêmero e o Eterno”.

Em 1996, em Rio Branco, participou do XVII Concurso Nacional de Poesias realizado em Brasília-DF e com os mesmos “Versos Verdejantes” foi agraciado com a medalha de bronze. No ano seguinte, seu poema “Retumbâncias” é o grande vencedor do XVIII Concurso Nacional de Poesias, novamente em Brasília, e o poeta recebe a medalha de ouro, sendo também laureado com a comenda Stella Brasiliense, “pelos relevantes serviços prestados à cultura do país”.

TV Gazeta[editar | editar código-fonte]

É o âncora de jornalismo e coberturas ao vivo da TV Gazeta como eleições, Expoacre, etc. Já entrevistou presidenciáveis como José Serra, Geraldo Alckmin, Aécio Neves, Marina Silva (dezenas de vezes); ministros e ex-ministros do STF como Nelson Jobim, Carmem Lúcia, Ilmar Galvão e Gilmar Mendes. Celebridades como Romário, Tiririca, Ana Paula Arósio, José de Abreu, Zezé Motta, O Rappa, Titãs. Figuras polêmicas como José Dirceu e os deputados Pedro Henry e Pedro Corrêa (acusados do Mensalão), entre outros.

Em 2011 foi convidado pelo governo dos EUA para participar do IVLP – TV Broadcast Jornalism - Programa de Liderança Visitante Internacional - Jornalismo de TV, realizado durante todo o mês de junho de 2011 em cinco estados americanos, juntamente com mais 19 jornalistas de vários países do mundo. Alan teve a oportunidade de conhecer e acompanhar o trabalho dos grandes veículos de comunicação dos EUA como as redes de TV CBS, NBC e ABC, a C-Spam- rede de TV do Congresso Americano, além das redes públicas e regionais de TV no estado da Flórida.

Atividades Parlamentares[editar | editar código-fonte]

CÂMARA DOS DEPUTADOS - 55ª Legislatura

Participação em Comissões: Comissão do Esporte - CESPO: Suplente, 3/3/2015 - 8/10/2015; Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia - CINDRA: Titular, 3/3/2015 - 2/2/2016; 3º Vice-Presidente, 8/4/2015 - 2/5/2016; Comissão de Seguridade Social e Família - CSSF: Suplente, 15/12/2015 - 2/2/2016, 3/5/2016 - ; Comissão de Educação - CE: Titular, 3/5/2016 - ; Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia - CINDRA: Titular, 3/5/2016 - ; 2º Vice-Presidente, 11/5/2016 - ; Comissão de Direitos Humanos e Minorias - CDHM: Suplente, 22/6/2016 - 3/8/2016. COMISSÃO ESPECIAL: PL 7180/14 - VALORES DE ORDEM FAMILIAR NA EDUCAÇÃO: Titular; PL 5746/05 - PESO MÁXIMO PARA CARREGADOR: Titular; PLP 025/07 - SUPERSIMPLES: Titular, 12/3/2015 - 1/4/2015; PL 6583/13 - ESTATUTO DA FAMÍLIA: Suplente, 12/3/2015 - ; PL 1572/11 - INSTITUI O CÓDIGO COMERCIAL: Titular, 17/3/2015 - 27/3/2015. COMISSÃO EXTERNA: CANCELAMENTO DE VOOS NA REGIÃO NORTE DO BRASIL: Titular, 30/3/2016 - .

Atividades Partidárias[editar | editar código-fonte]

Câmara dos Deputados foi Vice-líder do Bloco PRB/PTN/PMN/PTC/PTdoB/PSL, 4/2/2016-14/4/2016; Vice-Líder, PRB, 15/4/2016-16/4/2016, 27/4/2016-. Atividade Partidária - Externas à Câmara dos Deputados Coordenador de Relações Internacionais e Mercosul, PRB - Partido Republicano Brasileiro - Partido Republicano Brasileiro, Rio Branco, AC, 2013-2015.

Polêmica nas redes sociais[editar | editar código-fonte]

Em 2015, Rick Miranda envolveu-se em uma polêmica devido ao pagamento, no mês de fevereiro daquele ano, de R$4.000,00 para uma empresa para o "acompanhamento diário de publicações no Facebook e blogs a fim de verificar a existência, ou não, de matérias ofensivas à honra do deputado, para tomar medidas judiciais cabíveis". A denúncia provocou um acalorado debate nas redes sociais sobre a utilização da cota para exercício da atividade parlamentar, a verba disponibilizada aos parlamentares para o exercício do mandato. Internautas acusaram Miranda de usar dinheiro público para restringir a liberdade de expressão através de ações judiciais para impedir críticas à sua atuação na Câmara dos Deputados. A polêmica foi maior quando descobriu-se que a empresa contratada aparecia no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ), com data de abertura da firma em fevereiro, o mesmo mês em que a Câmara fez o pagamento dos serviços prestados.[4]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.