Bruce Almighty

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bruce Almighty
Bruce - O Todo-Poderoso[1] (PT)
Todo-Poderoso[2] (BR)
 Estados Unidos
2003 •  cor •  101 min 
Direção Tom Shadyac
Produção Tom Shadyac
Jim Carrey
James D. Brubaker
Michael Bostick
Steve Koren
Mark O'Keefe
Roteiro Steve Koren
Mark O'Keefe
História Steve Koren
Mark O'Keefe
Elenco Jim Carrey
Morgan Freeman
Jennifer Aniston
Philip Baker Hall
Lisa Ann Walter
Catherine Bell
Steve Carell
Gênero comédia dramática, fantasia
Música John Debney
Cinematografia Dean Semler
Edição Scott Hill
Distribuição Universal Pictures
Walt Disney Pictures
Lançamento Estados Unidos 23 de Maio de 2003
Brasil 6 de Junho de 2003[3]
Idioma inglês
Orçamento US$ 81 milhões
Receita US$ 484.592.874
Cronologia
Evan Almighty
Página no IMDb (em inglês)

Bruce Almighty é um filme estadunidense de 2003, dirigido por Tom Shadyac e estrelado por Jim Carrey, Morgan Freeman, Jennifer Aniston, e Philip Baker Hall. Teve lançamento em 23 de maio de 2003, e foi a maior bilheteria daquele ano, arrecadando mais de US$ 484 milhões por todo o mundo.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

No fim do pior dia de sua vida, o repórter de televisão Bruce Nolan (Jim Carrey), que quer ser o âncora do telejornal da sua cidade, mas é impedido pelo dono da emissora Jack Baylor (Philip Baker Hall) por achá-lo engraçado demais para o cargo, começa a ridicularizar Deus, que resolve aparecer sob uma forma humana (Morgan Freeman), por aparentemente não concedê-lo o direito de ser o âncora. Ele concede a Bruce todos os poderes divinos por uma semana, para que este último possa fazer o que quiser com a sua vida, mas também para que descubra por si só como é difícil cuidar de todas as preces e de todos os problemas do mundo, enquanto isto Deus resolve tirar "férias".

Bruce, agora concedido de todos os poderes de Deus, muda sua situação para melhor, e resolve até pequenos problemas sem dificuldade, melhorando seus relacionamentos e sua vida profissional, tornando-se bem sucedido e popular, conseguindo enfim ser o âncora do telejornal. Mas Bruce vai descobrir que nem com todos os poderes de Deus em suas mãos, ele é capaz de trazer seu amor de volta, Grace Connelly (Jennifer Aniston), aprendendo uma grande lição, que Deus não nos desampara.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Recebeu 2 indicações ao MTV Movie Awards, nas seguintes categorias: Melhor Comediante (Jim Carrey) e Melhor Beijo (Jim Carrey e Jennifer Aniston).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. «Bruce - O Todo-Poderoso» no DVDPT (Portugal)
  2. Todo-Poderoso no AdoroCinema (Brasil)
  3. «Em cartaz, o todo-poderoso Jim Carrey». Estadão. 6 de junho de 2003. Consultado em 12 de fevereiro de 2018. 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.