Copa Europeia/Sul-Americana de 1985

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Copa Europeia/Sul-Americana de 1985
Evento
2 a 2 no tempo normal e 0 a 0 na prorrogação,
a Juventus venceu por 4 a 2 nos pênaltis
Data 8 de dezembro de 1985
Local Estádio Nacional, Tóquio
Melhor em campo Platini (Juventus)
Árbitro Alemanha Volker Roth
Público 62000

A Copa Europeia/Sul-Americana de 1985, também conhecida como Copa Toyota e Copa Intercontinental, foi disputada na cidade de Tóquio no Japão em 8 de dezembro de 1985. O confronto envolveu o Argentinos Juniors da Argentina, campeão da Taça Libertadores da América e a Juventus da Itália, campeão da Liga dos Campeões da UEFA.[1]

Em 27 de outubro de 2017, após uma reunião realizada na Índia, o Conselho da FIFA reconheceu os vencedores da Copa Intercontinental como campeões mundiais.[2][3]

História[editar | editar código-fonte]

Depois de doze anos, a Juventus voltava à Copa Intercontinental, dessa fez em um novo formato, em jogo único, no Japão. A equipe havia vencido o Liverpool na final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1984–85 por 1 a 0. Já o Argentino Juniors, disputava a competição pela primeira fez, depois da conquista da sua primeira Copa Libertadores da América, em 1985 contra o América de Cali nos pênaltis.

A decisão[editar | editar código-fonte]

A equipe argentina abriu o placar com Ereros, aos 55´. Platini, de pênalti, empatou aos 63´. José Antonio Castro deixou os argentinos na frente novamente aos 75´, mas Michael Laudrup empatou de novo, aos 82´. Depois de uma prorrogação sem gols, as equipes foram para as penalidades e a Juventus venceu por 4 a 2. Platini foi eleito o homem do jogo.

Clubes Participantes[editar | editar código-fonte]

Localidade das equipes que disputaram a Copa Toyota 1985.
Confederação Equipe Classificação Participação
CONMEBOL Argentina Argentinos Juniors Campeão da Copa Libertadores da América de 1985
UEFA Itália Juventus Campeão da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1984–85

Chaveamento[editar | editar código-fonte]

  A Classificação[NOTA] Copa Intercontinental
                     
 Itália Juventus 1  
 Inglaterra Liverpool 0  
   Itália Juventus (pen) 2 (4)
   Argentina Argentinos Juniors 2 (2)
 Argentina Argentinos Juniors (pen) 1 0 (5)
 Colômbia América de Cali 0 1 (4)
Notas

Final[editar | editar código-fonte]

8 de dezembro de 1985 Juventus Itália 2 – 2 Argentina Argentinos Juniors Estádio Nacional , Tóquio, Japão

Platini Gol marcado aos 63pen minutos de jogo 63pen'
Laudrup Gol marcado aos 82 minutos de jogo 82'
Ereros Gol marcado aos 55 minutos de jogo 55'
Castro Gol marcado aos 75 minutos de jogo 75'
Público: 62.000
Árbitro: Alemanha Volker Roth
    Penalidades  
Brio Convertido
Cabrini Convertido
Serena Convertido
Laudrup Erro
Platini Convertido
4–2 Convertido Olguín
Erro Batista
Convertido López
Erro Pavoni
 
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Juventus
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Argentinos Juniors
GK 1 Itália Stefano Tacconi
DF 2 Itália Luciano Favero
DF 3 Itália Antonio Cabrini
MF 4 San Marino Massimo Bonini
DF 5 Itália Sergio Brio
DF 6 Itália Gaetano Scirea Substituído após 64 minutos de jogo 64'
MF 7 Itália Massimo Mauro Penalizado com cartão amarelo Substituído após 78 minutos de jogo 78'
MF 8 Argentina Mario Videla Penalizado com cartão amarelo
FW 9 Itália Aldo Serena
MF 10 França Michel Platini Penalizado com cartão amarelo Man of the match
FW 11 Dinamarca Michael Laudrup
Substitutos:
DF 13 Itália Stefano Pioli Entrou em campo após 64 minutos 64'
FW 16 Itália Massimo Briaschi Entrou em campo após 78 minutos 78'
Técnico:
Itália Giovanni Trapattoni
GK 1 Argentina Enrique Vidallé
DF 2 Argentina José Luis Pavoni
DF 3 Argentina Adrián Domenech
DF 4 Argentina Carmelo Villalba
MF 5 Argentina Sergio Batista
MF 6 Argentina Jorge Olguín
FW 7 Argentina José Antonio Castro
MF 8 Argentina Mario Videla Penalizado com cartão amarelo
FW 9 Argentina Claudio Borghi Penalizado com cartão amarelo
MF 10 Argentina Emilio Commisso Substituído após 82 minutos de jogo 82'
FW 11 Argentina Carlos Ereros Substituído após 117 minutos de jogo 117'
Substitutos:
MF 14 Argentina Juan José López Entrou em campo após 117 minutos 117'
MF 16 Estados UnidosArgentina Renato Corsi Penalizado com cartão amarelo Entrou em campo após 82 minutos 82'
Técnico:
Argentina José Yudica


Homem do Jogo:
Michel Platini (Juventus)

Campeão[editar | editar código-fonte]

Copa Européia/Sul-Americana de 1985
Flag of Italy.svg
Juventus
1º Título

Referências

  1. Aldo Proieto (10 de dezembro de 1985). «Juventus-Argentinos: Un partido inolvidable». El Gráfico (em Spanish). 3453 
  2. «Fifa reconhece títulos mundiais de Santos, Flamengo, Grêmio e São Paulo». ESPN. Consultado em 27 de outubro de 2017 
  3. «Fifa reconhece Santos, Fla e Grêmio como campeões mundiais». Veja. Consultado em 28 de outubro de 2017