Fernando Santos Martins

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde maio de 2014). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Fernando Santos Martins
Fernando Santos Martins
Ministro(a) de Flag of Portugal.svg Portugal
Período III Governo Constitucional
  • Ministro da Indústria e Tecnologia

X Governo Constitucional

  • Ministro da Indústria e Comércio
Dados pessoais
Nascimento 1930
Leiria, Leiria, Portugal
Morte 15 de novembro de 2006 (76 anos)
Lisboa, Portugal
Partido Partido Social Democrata

Fernando Augusto dos Santos Martins (Leiria, Leiria, 1930Lisboa, 15 de novembro de 2006[1]) foi um engenheiro e político português. Ocupou diversos cargos em governos portugueses.

Era licenciado em Engenharia Mecânica, pelo Instituto Superior Técnico, e em Economia, pelo Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras, atual ISEG. Entre 1955 e 1957 obteve uma especialização em Engenharia Industrial, na Alemanha. Foi administrador de diversas empresas na área industrial, como a Setenave, a Cometna, a Sorefame e a Siderurgia Nacional[1]. Na TAP, Santos Martins assumiu a presidência em dois períodos distintos, de 1980 a 1981 e, novamente, entre 1992 e 1996. Exerceu ainda as funções de embaixador de Portugal junto da OCDE, em Paris[1].

Funções governamentais exercidas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «Morreu ministro do I Governo». Jornal de Notícias. Consultado em 12 de novembro de 2014 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Precedido por
Carlos Melancia
Ministro da Indústria e Tecnologia
III Governo Constitucional
Sucedido por
Álvaro Barreto
Precedido por
José Veiga Simão
Ministro da Indústria e Comércio
X Governo Constitucional
Sucedido por
Luís Mira Amaral