Formigos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde dezembro de 2015).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

Formigos é um doce de travessa português típico do Natal minhoto e trasmontano composto basicamente de xarope de açúcar, fatias de pão ou pão-de-ló, amêndoas, corintos, ovos, vinho do Porto e canela.

Receita[editar | editar código-fonte]

  • Ingredientes:

2 ovos
3 gemas
80 gramas de miolo de pinhão
1 cálice grande de vinho do Porto
5 fatias finas de pão de forma
200 gramas de açúcar
Leite comum
2 colheres de sopa de manteiga
80 gramas de salva-limão cristalizado
80 gramas de amêndoa descascada e moída
Canela em pó a gosto

  • Preparo:

Lave o salva-limão para perder todo o açúcar e seque. Pique-o e ponha a macerar no vinho do Porto durante 30 minutos aproximadamente. Ponha o pão em um recipiente e embeba-o com leite e deixe amolecer. Bata os ovos e as gemas com o açúcar. Em uma panela grande derreta a manteiga, junte o pão embebido, os ovos batidos com o açúcar e as amêndoas moídas. Misture tudo com uma colher de pau, sem deixar o doce secar e sem desfazer os pedaços. Em um pirex, ou em uma forma de louça, espalhe o salva-limão picado sem o vinho e os pinhões. Cubra com uma parte do creme. Repita as camadas, até acabar os ingredientes. A última camada deve ser decorada com frutos secos. E, depois, polvilhe com canela. Assim que estiver pronto, sirva frio ou morno.

Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.