Lotus 91

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lotus 91
Lotus 91 cropped.jpg
Visão Geral
Produção 1982
Fabricante Lotus
Modelo
Carroceria Monoposto de corrida
Designer Peter Wright
Colin Chapman
Martin Ogilvie
Tony Rudd
Ralph Bellamy
Ficha técnica
Motor Ford Cosworth DFV V8
Transmissão Lotus/Hewland 5 velocidades
Dimensões
Peso 580 kg
Cronologia
Lotus 88
Lotus 92

O 91 é o modelo da Lotus da temporada de 1982 da Fórmula 1. Condutores: Elio de Angelis, Nigel Mansell, Roberto Moreno e Geoff Lees. A equipe usou-o a partir da segunda etapa, o GP do Brasil.

Resultados[1][editar | editar código-fonte]

(legenda)

Ano Chassi Motor Pneus Pilotos 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 Pontos Posição
RSA BRA USW SMR BEL MON USE CAN NED GBR FRA GER AUT SUI ITA LVS
1982 91 Ford Cosworth
DFV V8
G 11 Itália Elio de Angelis Ret 5 [2] 4 5 Ret 4 Ret 4 Ret Ret 1 6 Ret Ret 301
12 Reino Unido Nigel Mansell 3 7 Ret 4 Ret Ret Ret 9 Ret 8 7 Ret
Brasil Roberto Moreno NQ
Reino Unido Geoff Lees 12

↑1 De Angelis e Mansell utilizaram o chassi 87B no GP da África do Sul .

Referências

  1. «Lotus 91» (em inglês). STATS F1 
  2. FOCA decide boicotar o GP de Ímola Folha de S.Paulo - Primeiro Caderno, Esportes, página 19 - 22 de Abril de 1982
Ícone de esboço Este artigo sobre Fórmula 1 é um esboço relacionado ao projeto sobre Fórmula 1. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.