Pierre Bérégovoy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pierre Bérégovoy
Pierre Bérégovoy
Primeiro-ministro da França
Período 2 de Abril de 1992

até 29 de Março de 1993

Antecessor(a) Édith Cresson
Sucessor(a) Edouard Balladur
Dados pessoais
Nascimento 23 de dezembro de 1925
Déville-lès-Rouen, Alta Normandia
Morte 1 de maio de 1993 (67 anos)
Paris, Ilha de França
Partido Partido Socialista
Profissão Metalúrgico
Funcionário público

Pierre Eugène Bérégovoy (Déville-lès-Rouen, 23 de Dezembro de 1925Paris, 1 de Maio de 1993) foi um político francês filiado ao Partido Socialista (PS). Ocupou o cargo de primeiro-ministro da França, entre 2 de Abril de 1992 a 29 de Março de 1993. Seu partido perdeu as eleições legislativas de 1993, após escândalos envolvendo Bérégovoy e seu gabinete.

Pouco mais de um mês depois da derrota do primeiro-ministro para os conservadores, Bérégovoy suicidou-se em Nevers, a 1 de maio de 1993.[1][2]

Referências

  1. Leneide Duarte-Plon (8 de julho de 2003). «O jornalismo pode matar?». Observatório da Imprensa. Consultado em 22 de dezembro de 2016 
  2. «El ex primer ministro francés Bérégovoy se suicida de un disparo» (em espanhol). El País. 2 de maio de 1993. Consultado em 22 de dezembro de 2016 

Precedido por
Édith Cresson
Primeiro-ministro da França
1992 - 1993
Sucedido por
Édouard Balladur

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.