Pirates of the Caribbean (série de filmes)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pirates of the Caribbean
Piratas das Caraíbas (PT)
Piratas do Caribe (BR)
2007 DVD box set
 Estados Unidos /  Reino Unido
 • cor • 600 (1-4) min 
Direção Gore Verbinski (1-3)
Rob Marshall (4)
Joachim Rønning & Espen Sandberg (5)
Produção Jerry Bruckheimer
Roteiro Terry Rossio
Ted Elliott(1-4)
Stuart Beattie (1)
Jay Wolpert (1)
Jeff Nathanson(5)
Elenco Johnny Depp
Geoffrey Rush
Kevin McNally
Orlando Bloom (1-3)
Keira Knightley (1-3)
Bill Nighy (2 & 3)
Penélope Cruz (4)
Ian McShane (4)
Idioma Inglês
Música Hans Zimmer
Klaus Badelt (1)
Rodrigo y Gabriela (4)
Estúdio Walt Disney Pictures
Jerry Bruckheimer Films
Distribuição Walt Disney Studios Motion Pictures
Lançamento 1: 02003-07-09 9 de julho de 2003
2: 02006-07-07 7 de julho de 2006
3: 02007-05-25 25 de maio de 2007
4: 02011-05-20 20 de maio de 2011
5: 02016-07 Julho de 2016
Orçamento Total (4 filmes):
US$815.000.000-915.000.000
Receita Total (4 filmes):
US$ 3.705.547.165
Site oficial

Pirates of the Caribbean (Piratas do Caribe (título no Brasil) ou Piratas das Caraíbas (título em Portugal)) é uma série de filmes de fantasia e aventura, dirigido por Gore Verbinski (13), Rob Marshall (4) e Joachim Rønning & Espen Sandberg (5), escrito por Terry Rossio, Ted Elliott (1-4) e Jeff Nathanson (5) e produzido por Jerry Bruckheimer. Os filmes seguem as aventuras do Capitão Jack Sparrow (Johnny Depp) e muitos outros personagens como, Will Turner (Orlando Bloom), Elizabeth Swann (Keira Knightley), Captain Hector Barbossa (Geoffrey Rush), Joshamee Gibbs (Kevin McNally), Davy Jones (Bill Nighy), Angelica (Penélope Cruz), Blackbeard (Ian McShane), Philip Swift (Sam Claflin).

A série começou em 2003 com o lançamento do filme Pirates of the Caribbean: The Curse of the Black Pearl. Depois do sucesso do primeiro filme, a Walt Disney Pictures revelou que uma trilogia estava em produção. Pirates of the Caribbean: Dead Man's Chest foi lançado três anos depois, em 2006. A sequência foi um sucesso, quebrando recordes em todo o mundo no dia da sua estréia. Tornando-se a quarta maior bilheteria do cinema. O terceiro filme da série, Pirates of the Caribbean: At World's End, foi lançado em 2007. Em setembro de 2008, Depp assinou para o quarto filme da série, Pirates of the Caribbean: On Stranger Tides, lançado em 20 de maio de 2011 em 2D convencional, IMAX, Disney Digital 3-D e IMAX 3D. Arrecadando mais de um bilhão de dólares de faturamento - o oitavo filme a alcançar essa cifra - e segundo mais rápido a conseguir. Foi confirmado que mais dois filmes estão incluídos nos planos futuros da Disney.[1] Em julho de 2011, Johnny Depp confirmou que ele estava se aproximando de um acordo para o quinto filme da franquia.[2]

Embora nunca tenha sido oficialmente confirmado, há fortes indícios de que a série foi influenciada, e talvez livremente baseada, na série de jogos eletrônicos Monkey Island. Ted Elliott, um dos dois roteiristas dos quatro filmes da série Pirates of the Caribbean, teria sido o autor de uma adaptação para o cinema do terceiro jogo da série Monkey Island intitulado The Curse of Monkey Island (baseado presumivelmente sobre o jogo de mesmo nome), que foi cancelado antes de sua divulgação oficial, três anos antes do lançamento de The Curse of the Black Pearl.[3]

Os filmes da franquia tem sido tanto um sucesso de bilheteria quanto de crítica, e é classificada como a sexta franquia de maior bilheteria de todos os tempos.

Filmes[editar | editar código-fonte]

The Curse of the Black Pearl (2003)[editar | editar código-fonte]

Quando a cidade de Port Royal é atacada pela tripulação do navio pirata, Pérola Negra Piratas do Caribe Pérola Negra, Elizabeth Swann, filha do governador da cidade, é sequestrada. Os piratas, liderados pelo Capitão Barbossa, estão tentando retirar uma maldição colocada sobre eles depois que eles roubaram um baú de ouro asteca. O ferreiro Will Turner, um amigo de infância e admirador secreto de Elizabeth, convence o Capitão Jack Sparrow ajudá-lo a encontrar e resgatá-la e quebrar a maldição dos tripulantes do Pérola Negra.

Dead Man's Chest (2006)[editar | editar código-fonte]

O casamento de Will Turner e Elizabeth Swann é interrompido pela chegada do Lorde Cutler Beckett, da Companhia das Índias Orientais, que manda prender os dois, por ajudar Jack Sparrow a fugir de forca. Elizabeth vai presa, enquanto Beckett negocia com Will para localizar Jack e adquirir sua bússula que aponta para o que a pessoa mais deseja. Ao mesmo tempo, Sparrow tenta libertar-se de uma dívida antiga com o vilão Davy Jones.

At World's End (2007)[editar | editar código-fonte]

Lord Beckett ganha o poder sobre Davy Jones, ele está executando um plano para extinguir a pirataria para sempre. Elizabeth, o Capitão Barbossa e Will partem rumo à Singapura, a fim de obter do pirata São Feng um valioso mapa para resgatar Jack Sparrow dos domínios de Davy Jones. Sparrow, como um dos Nove Lordes Piratas, é necessário, para convocar uma antiga deusa conhecida como Calipso, com o poder de derrotar as forças de Beckett e Davy Jones.

On Stranger Tides (2011)[editar | editar código-fonte]

Jack Sparrow está a procura da léndaria fonte da Juventude. Ele reencontra uma ex-amante do seu passado chamada Angelica. Ela o força a embarcar no Queen Anne's Revenge, um navio comandado pelo infame pirata Barba Negra, o pai de Angélica. Com a ajuda de um velho rival, Barbossa que agora é um corsário a serviço do reino da Inglaterra, e que está a procura de vingança contra Barba Negra, por ter afundado o Pérola Negra, eles enfrentarão sereias, maldições e o reino da Espanha para obter a fonte da Juventude.

Dead Men Tell No Tales (2016)[editar | editar código-fonte]

A Walt Disney Pictures anunciou oficialmente que já está trabalhando na produção de Pirates of the Caribbean: Dead Men Tell No Tales. O estúdio já revelou informações sobre o novo filme da franquia. A produção novamente será de Jerry Bruckheimer e será dirigido pela dupla de diretores Joachim Rønning e Espen Sandberg. Johnny Depp retornará como Capitão Jack Sparrow.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]