cmd.exe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Prompt de comando)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Disambig grey.svg Nota: Não confundir com COMMAND.COM.
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Prompt de Comando
Captura de tela
Janela aberta do Taskkill
Desenvolvedor Microsoft

Prompt de Comando (cmd.exe) é um interpretador de linha de comando no OS/2 e de sistemas baseados no Windows NT (incluindo Windows 2000, XP, Server 2003 e adiante até o mais recente Windows 10). Ele é um comando análogo ao command.com do MS-DOS e de sistemas Windows 9x, ou de shells utilizados pelos sistemas Unix.

Versões[editar | editar código-fonte]

Therese Stowell desenvolveu a versão inicial de cmd.exe para o Windows NT.[1] Apesar de alguns antigos comandos do DOS não serem suportados ou terem sido alterados (exemplo: a funcionalidade de deltree foi agregada a rd na forma do parâmetro /s), cmd.exe continua a ter um grande número de comandos integrados.

Tanto as versões do OS/2 como do Windows NT do cmd.exe têm mais detalhes nas mensagens de erro do que o típico "Bad command or file name" (no caso de comando mal-formados) do command.com. Na versão OS/2, os erros são reportados no idioma do sistema, sendo que o texto é retirado dos ficheiros de mensagens do sistema. O comando help pode ser chamado com o código de erro para se obter informação mais detalhada.

cmd.exe continua como parte do Windows Vista, Windows Server 2008, e Windows 7.

Informações técnicas[editar | editar código-fonte]

ffmpeg2theora, ferramenta de linha de comando para converter vídeos.

Ao contrário de COMMAND.COM, que é um programa de DOS, o cmd.exe é um programa nativo da plataforma. Isso permite tomar partido de recursos disponíveis a programas nativos da plataforma que de outra forma são indisponíveis aos programas DOS. Por exemplo, como cmd.exe é uma aplicação modo-texto nativa no OS/2, pode utilizar pipelines reais em comandos encadeados, permitindo a execução concorrente de ambos os lados do encadeamento (COMMAND.COM utiliza ficheiros temporários, e executa os dois lados em série, um a seguir ao outro).

Na realidade, cmd.exe é um programa do Windows que atua como um interpretador de linha de comando semelhante ao DOS. Muito usados pelos hackers e crackers (mas a maioria de hackers e crackers usam Linux), o cmd.exe serve para acessar os ficheiros externos no seu PC e pode ser usado para intenções maliciosas.

Referências

  1. Zachary, G. Pascal (1994). Showstopper! The Breakneck Race to Create Windows NT and the Next Generation at Microsoft. [S.l.]: Warner Books. ISBN 0-02-935671-7 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.