Solar do Visconde de Almendra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Solar do Visconde de Almendra.

O Solar do Visconde de Almendra ou Solar dos Viscondes do Banho é um palácio barroco que albergou, por muitos anos, os viscondes do Banho e de Almendra, e até hoje pertence a parte herdeira da nobre família Morais Sarmento. O edifício palaciano, exemplo ditoso da arquitectura setecentista do interior português, localiza-se em Almendra, em Vila Nova de Foz Côa.

Testemunho das vivências de muitas gerações de nobres ilustres, foi última habitante do solar Márcia Augusta de Castilho Falcão Mendonça de Morais Sarmento, filha mais nova do 3º Visconde do Banho. Actualmente, o palácio de Almendra pertence aos herdeiros de Márcia Augusta.

O palácio, edifício de dois pisos, conserva o seu austero estilo barroco que se revela nas janelas «rocaille», com as típicas vieiras invertidas, e a marcante varanda com balaústres. O brasão de armas da ilustre família, enquadrado por um frontão curvilíneo, permanece em cima da varanda. Curiosamente, o brasão nunca foi devidamente terminado de esculpir.

Hoje é um marco histórico da localidade de Almendra, a par do Cruzeiro e da Capela de Nossa Senhora do Campo, entre outros monumentos. Alguns canteiros verdejantes enquadram a fachada frontal do edifício.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Camera-photo.svg
Ajude a melhorar este artigo sobre Arquitetura ilustrando-o com uma imagem. Consulte Política de imagens e Como usar imagens.
Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.