Torvosaurus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaTorvosaurus
Ocorrência: Jurássico Superior
153–148 Ma
Esqueleto montado de T. tanneri no Museu da Vida Antiga em Lehi, Estados Unidos.
Esqueleto montado de T. tanneri no Museu da Vida Antiga em Lehi, Estados Unidos.
Estado de conservação
Extinta
Extinta (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Clado: Dinosauria
Ordem: Saurischia
Subordem: Theropoda
Família: Megalosauridae
Subfamília: Megalosaurinae
Género: Torvosaurus
Galton & Jensen, 1979
Espécie-tipo
Torvosaurus tanneri
Galton & Jensen, 1979
Outras espécies
  • Torvosaurus gurneyi
    Hendrickx & Mateus, 2014
Sinónimos

Torvosaurus) foi um gênero de dinossauro carnívoro e bípede que viveu no fim do período Jurássico. Media em torno de 10 metros de comprimento e 5,5 metros de altura, pesando cerca de 5 toneladas. Atualmente, são conhecidas duas espécies: Torvosaurus tanneri e Torvosaurus gurneyi. Esta última foi descrita no Jurássico Superior da Formação Lourinhã pelos paleontólogos Christophe Hendrickx e Octávio Mateus.[1]

O torvossauro viveu na América do Norte e também na Europa, que recentemente foi encontrado o resto fóssil de um exemplar em Portugal, que deveria ter 11 m de comprimento. O crânio do animal tem 1,40 m, a mandíbula possui dentes de até 13 cm.

O torvossauro foi sem sombra de dúvida o terror do Jurássico, tendo superado os outros grandes carnívoros da época como: o alossauro, o megalossauro, o ceratossauro, o Yangchuanossauro e o sinraptor (Nem todos os citados acima viveram na mesma época).

O torvossauro podia ser comparado em tamanho com os grandes terópodes do Cretáceo: tinha um crânio de até 1,40 m, um crânio de tiranossauro tinha até 1,50 m, o de um carcharodontossauro tinha até 1,40 m. Seus dentes também podem ser comparados: os de um giganotossauro tinham até 15 cm, os de um carcharodontossauro tinham até 17 cm e os de um tiranossauro tinham até 30 cm. Em comprimento o torvossauro também era quase equivalente, com seus 11 m ficava apenas 2 a 3 m atrás dos terópodes do Cretáceo. Na altura também era muito próximo, sendo da altura de um acrocantossauro, na massa era mais pesado que muitos, com suas 3,5 toneladas era mais pesado do que um acrocantossauro.

Este dinossauro era forte, rápido e letal, sendo um "terror do Jurássico".

O primeiro exemplar da espécie foi descoberto em 1972.

Referências

  1. Hendrickx, C., & Mateus, O. (2014). Torvosaurus gurneyi n. sp., the Largest Terrestrial Predator from Europe, and a Proposed Terminology of the Maxilla Anatomy in Nonavian Theropods. PloS one9(3), e88905.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre dinossauros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.