Turboélice

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Turbopropulsor)
Ir para: navegação, pesquisa

Turbo-hélice ou turbopropulsor é um tipo de turbina a gás usada na propulsão de aeronaves movidas a hélices. As aeronaves e aviões movidos com essa tecnologia também são chamados eles próprias de turbo-hélices.[1]

O motor turbo-hélice é um motor de reação mista, pois é, basicamente, um motor a jato acionando uma hélice. Entre o eixo da turbina e a hélice há um redutor de velocidade. A força propulsiva deste motor é produzida 90% pela hélice e 10% pelos gases de escapamento. Comparando-se o motor turbo-hélice com o motor a jato puro, nota-se:

  • O turbo-hélice é normalmente maior que um motor a jato de tração equivalente, mais simples e possui menos partes móveis;[2]
  • Nas decolagens, o turbo-hélice acentua sua eficiência em virtude da hélice movimentar uma grande massa de ar; nos pousos propicia maior força de frenagem pelo maior arrasto oferecido pelo disco da hélice em passo mínimo ou reverso.
  • O motor turbo-hélice é normalmente mais leves que o turbojato de tração equivalente.[3]
  • Como desvantagem são mais lentos e voa mais baixo, o que pode tornar o vôo turbulento se as condições meteorológicas não colaborarem. Os turboélices tendem a ser, para o passageiro, mais barulhentos, devido aos ruídos provocados pelas pás das hélices.[4]


Alguns turbo-hélices são de turbina livre, isto é, têm uma turbina para acionar a hélice e outra, independente, para acionar o compressor. Um tipo de motor turbo-hélice de turbina livre consagrado é o turbo-hélice de fluxo reverso. Este tipo de motor é bastante compacto e tem seu funcionamento diferente. O ar é captado pela parte traseira do motor e a saída dos gases de escapamento é feita na parte dianteira. Um exemplo deste motor é o PT6, que equipa o Bandeirante.

ATR 72, exemplo de aeronave com motor turbo-hélice.

Motores turbo-hélices são usados geralmente em aeronaves de pequeno e médio porte, geralmente são mais eficientes em velocidades abaixo de 750 km/h (390 knots) por causa da baixa velocidade do jato. São mais usados em aeronaves de pista curta (STOL) e em rotas regionais de curta distância, onde a diferença do tempo de voo comparado a um avião a jato se torna baixa, consumindo aproximadamente 2/3 do combustível de avião a jato.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre engenharia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.