Wahoo McDaniel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Wahoo McDaniel
Informações pessoais
Nome completo Edward McDaniel[1]
Nascimento 19 de junho de 1938 (81 anos)[1][2]
Bernice, Oklahoma
Morte Houston, Texas
Filho(s) 3[1]
Carreira na luta livre profissional
Altura
anunciada
5 ft 11 in (1 80 m)

[2]

Peso
anunciado
251 Ib (114 kg)
Treinado
por
Dory Funk, Jr.[3]
Estreia 1961[2]

Edward McDaniel (Bernice, 19 de junho de 1938Houston, 18 de abril de 2002[1]) foi um jogador de futebol americano e lutador profissional estadunidense mais conhecido por seu nome no ringue "Wahoo McDaniel".

Vida inicial[editar | editar código-fonte]

McDaniel nasceu em Bernice, Oklahoma, em 19 de junho de 1938, com ascendência chickasaw, choctaw e alemão. Seu pai, Hugh "Big Wahoo" McDaniel, trabalhava com petróleo e, por conta disso, quando Edward tinha 11 anos, a família se mudou para Midland, Texas, um dos centro petrolíferos regionais. Lá, ele treinou luta livre olímpica e beisebol, modalidade em que teve como técnico o futuro Presidente dos Estados Unidos George H. W. Bush.[3]

Carreira no futebol americano[editar | editar código-fonte]

McDaniel iniciou sua carreira no futebol americano na Universidade de Oklahoma,[3] jogando pelos Oklahoma Sooners[4] como linebacker. Em 1960 ele foi contratado pelos Houston Oilers da American Football League (AFL). Em 1964, ele jogou pelos New York Jets.[1] Dois anos depois, ele foi comprado pelos Miami Dolphins e, dois anos depois, trocado para os San Diego Chargers, não chegando a jogar pelo time.

Carreira na luta profissional[editar | editar código-fonte]

Diversos territórios (1961—1986)[editar | editar código-fonte]

Entre as temporadas de futebol americano, McDaniel passaria a lutar profissionalmente, sendo treinado por Dory Funk, Jr.[3] Enquanto jogava em times texanos, McDaniel, utilizando um personagem índio americano, lutava na promoção de Amarillo de Dory Funk e, quando jogava em Nova Iorque, lutava pela World Wide Wrestling Federation de Vincent J. McMahon.

Ele manteve uma rivalidade com Johnny Valentine em diversos territórios. No Soldier Field, em 1972, em um evento da American Wrestling Association (AWA), McDaniel foi derrotado por Dusty Rhodes por desqualificação.[5] No médio atlântico, Wahoo manteve rivalidades com Ric Flair, Arn e Ole Anderson e Blackjack Mulligan, aliando-se a lutadores como Ricky Steamboat e Paul Jones.[2] A rivalidade entre Wahoo e Greg Valentine em 1977 ficou famosa após, na história (kayfabe), Valentine quebrar uma perna de Wahoo durante um figure four leglock. Nos meses seguintes, Valentine passou a usar uma camiseta preta com os dizeres "I broke Wahoo's leg" ("eu quebrei a perna de Wahoo", em inglês).[2][6] Nessa época ele também se aliou aos Andersons em uma rivalidade com Valentine e Flair, e enfrentou lutadores como Roddy Piper, Don Muraco, Sgt. Slaughter e Abdullah the Butcher.

McDaniel lutou na Southwest Championship Wrestling (SCW) de Joe Blanchard em San Antonio, Texas, onde já havia conquistado o título sudoeste dos pesos-pesados em quatro ocasiões.[7] No Super Sunday da American Wrestling Association (AWA) em 24 de abril de 1983, Wahoo derrotou Eddie Boulder.[8]

Na Jim Crockett Promotions (JCP), McDaniel tornou-se um aliado de Ric Flair e formou uma dupla com Mark Youngblood. Juntos, os dois foram derrotados por Dick Slater e Bob Orton, Jr. no primeiro Starrcade em novembro de 1983.[9] Em 4 de março de 1984, a dupla derrotou Orton e Don Kernodle para conquistar o título mundial de duplas da NWA, que perderia no mês seguinte para Jack e Jerry Brisco. Um mês depois eles reconquistariam o título. O segundo reinado duraria por mais um mês, quando Wahoo e Youngblood seriam derrotados por Kernodle e Ivan Koloff.[10]

Durante o verão de 1984, Wahoo passou a mostrar descontentamento com sua aliança com Flair. Durante um confronto televisionado, Wahoo decidiu não ajudar Flair, que estava sendo atacado por Tully Blanchard. Em 24 de junho, Blanchard interferiu em um combate entre McDaniel e Ricky Steamboat pelo campeonato estadunidense, causando a derrota de Steamboat. Após o combate, McDaniel tornou-se um vilão ao unir-se a Blanchard em um ataque contra Steamboat. Devido à interferência, o título foi vago. Mesmo assim, Wahoo derrotou Manny Fernandez na final de um torneio para tornar-se novamente campeão.[11] No Starrcade, Wahoo manteve o título contra Superstar Billy Graham.[12] Ele continuou sua rivalidade com Flair, o enfrentando pelo título mundial dos pesos-pesados diversas vezes, incluindo combates em jaulas de ferro e uma luta de duas quedas no NWA Battle of the Belts.[13][14] McDaniel não chegou a conquistar o título de Flair e perdeu o seu campeonato estadunidense para Magnum T.A. em um combate em jaula de ferro em 23 de março de 1985.[15]

Wahoo passou a lutar na Championship Wrestling from Florida (CWF) como um herói ("babyface"), iniciando uma rivalidade com Hercules Hernandez.[16] Uma briga real entre Hernandez e Wahoo causou a demissão do primeiro.[17] Em uma rivalidade com Rick Rude, McDaniel o derrotou para conquistar a versão floridense do campeonato sulista dos pesos-pesados, perdendo-o para Lex Luger no mês seguinte.[18]

Em 9 de julho de 1985, Wahoo e Billy Jack Haynes derrotaram Rude e Jesse Barr para conquistar a versão floridense do campeonato estadunidense de duplas. Os dois deixaram o título vago em dezembro, pouco antes de serem derrotados pelos campeões nacionais de duplas Arn e Ole Anderson no Starrcade.[19][20]

Jim Crockett Promotions (1986—1987)[editar | editar código-fonte]

McDaniel formou uma dupla com Mark Youngblood para participar da Crockett Cup de 1986. Os dois derrotaram Bobby Jaggers e Mike Miller na primeira rodada, mas acabaram eliminados do torneio pelos Road Warriors (Hawk e Animal) na rodada seguinte.[21] Na turnê de 1986 do The Great American Bash, McDaniel participou de um combate Indian Death contra Jimmy Garvin em 1 de julho. A quantidade de sangue no combate quase forçou o evento a ser fechado. Os combates entre os dois no restante da turnê foram lutas Straps. No show de 18 de julho, Wahoo foi derrotado pelo campeão mundial dos pesos-pesados da NWA Ric Flair.[22]

Em 28 de agosto, Wahoo derrotou Tully Blanchard pelo título nacional dos pesos-pesados, o perdendo um mês depois para Nikita Koloff.[23] No Starrcade, Wahoo derrotou Rick Rude em uma luta Indian Strap.[24] Na Crockett Cup de 1987, Wahoo e Baron Von Raschke foram derrotados na primeira rodada pelo MOD Squad (Spike e Basher).[25]

American Wrestling Association (1987—1989)[editar | editar código-fonte]

Em 1987, McDaniel se juntou a American Wrestling Association (AWA), formando uma dupla com D.J. Peterson e criando uma rivalidade com os campeões mundiais de duplas da AWA Boris Zhukov e Soldat Ustinov. Eles foram derrotados pelos campeões diversas vezes entre junho e setembro, conseguindo algumas vitórias por desqualificação, não ganhando o título. Ele também formou uma dupla com Jerry Blackwell, mas não teve sucesso em conquistar o título de duplas.

McDaniel também tornou-se um dos desafiantes pelo campeonato mundial dos pesos-pesados da AWA, desafiando o campeão Curt Hennig e vencendo alguns dos combates da série por desqualificação. Em novembro de 1988, McDaniel desafiou e foi derrotado pelo novo campeão, Jerry Lawler. No SuperClash III, Wahoo derrotou Manny Fernandez em uma luta Strap.[26] Ele continuou a rivalidade com Fernandez o enfrentando em diversas lutas em jaulas. Ele iniciou uma rivalidade com The Destruction Crew (Mike Enos e Wayne Bloom). Depois de alguns combates entre Wahoo e os membros do Destruction Crew com diferentes parceiros, McDaniel foi atacado por Enos e Bloom, se aposentando e, na história, creditando as lesões resultantes do ataque como responsáveis pelo fim de sua carreira.[27]

Aparições esporádicas (1993—1995)[editar | editar código-fonte]

McDaniel participou esporadicamente de eventos da World Championship Wrestling (WCW) honrando lendas e lutadores do passado. No Slamboree de 1993, ele se aliou a Jim Brunzell e Blackjack Mulligan para enfrentar Jimmy Snuka, Don Muraco e Dick Murdoch. O árbitro encerrou o combate sem vencedores por não conseguir controlar os lutadores.[28]

Ele fez uma aparição na World Wrestling Federation (WWF), durante o Monday Night Raw gravado em 21 de fevereiro de 1994 e televisionado em 7 de março, em um segmento em que ele e Chief Jay Strongbow, com o chefe tribal Ray Littleturtle, presentearam Tatanka com um cocar sagrado.[29]

Durante o Slamboree de 1995, McDaniel derrotou Murdoch em uma luta especial de lendas, transmitida em preto e branco. Mais tarde na mesma noite, McDaniel tornou-se parte da classe de 1995 do Hall da Fama da WCW.[30][31]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

McDaniel morreu em Houston, em 18 de abril de 2002, vítima de uma insuficiência renal.[1]

Na luta profissional[editar | editar código-fonte]

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

  • Pro Wrestling Illustrated
    • Lutador Mais Popular do Ano (1976)
    • PWI o colocou na #97ª posição dos 500 melhores lutadores individuais da história em 2003

Referências

  1. a b c d e f Eskenazi, Gerald (25 de abril de 2002). «Wahoo McDaniel, 63, a Wrestler and a Folk Hero for Fans of the Early Jets» (em inglês). The New York Times. Consultado em 8 de outubro de 2016 
  2. a b c d e George, Chris. «Wahoo McDaniel - OWW» (em inglês). Online World of Wrestling. Consultado em 8 de outubro de 2016 
  3. a b c d e Neri, G. «Wahoo! The Incredible Adventures of Chief Wahoo McDaniel: Wrestling Superstar» (em inglês). Hunger Mountain. Consultado em 3 de novembro de 2016 
  4. «Ed McDaniel Biography» (em inglês). IMDb. Consultado em 3 de novembro de 2016 
  5. «Soldier Field 1972» (em inglês). Pro Wrestling History. Consultado em 6 de novembro de 2016 
  6. «I Broke Wahoo's Leg - Revisited» (em inglês). Mid=Atlantic Gateway. 16 de abril de 2016. Consultado em 6 de novembro de 2016 
  7. a b «Southwest Championship Wrestling Heavyweight Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 23 de outubro de 2016 
  8. Goozie, John (30 de janeiro de 2007). «Super Happy Fun Time Review: AWA Super Sunday» (em inglês). 411Mania. Consultado em 23 de outubro de 2016 
  9. Killam, Mike (12 de maio de 2015). «Wrestlezone Network Club: NWA Starrcade 1983 – "A Flair For The Gold"; Live Viewing Party & Discussion in Progress» (em inglês). WrestleZone. Consultado em 22 de outubro de 2016 
  10. a b «NATIONAL WRESTLING ALLIANCE WORLD TAG TEAM TITLE» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 22 de outubro de 2016 
  11. a b «United States Heavyweight Title» (em inglês). Consultado em 22 de outubro de 2016 
  12. «Review: Starrcade '83 and '84» (em inglês). Cageside Seats. 1 de março de 2014. Consultado em 22 de outubro de 2016 
  13. «Wahoo McDaniel vs. Ric Flair» (em inglês). Cagematch. Consultado em 23 de outubro de 2016 
  14. Nedeff, Adam (29 de setembro de 2014). «The Name on the Marquee: NWA Battle of the Belts (9.2.1985)» (em inglês). 411Mania. Consultado em 23 de outubro de 2016 
  15. «Magnum TA Match Results» (em inglês). David Baker's Mid-Atlantic Superstar Wrestling Results. 29 de setembro de 2009. Consultado em 23 de outubro de 2016 
  16. «Hercules Hernandez Biography» (em inglês). Pro Wrestling Historical Society. Consultado em 18 de outubro de 2016 
  17. «DM 03.15.04» (em inglês). Consultado em 18 de outubro de 2016 
  18. a b «NWA Southern Heavyweight Title [Florida]» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 18 de outubro de 2016 
  19. a b «NWA United States Tag Team Title [Florida]» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 18 de outubro de 2016 
  20. Adamson, Matt (28 de janeiro de 2008). «Going Old School: Starrcade '85» (em inglês). 411Mania. Consultado em 18 de outubro de 2016 
  21. Dunn, J.D. (16 de setembro de 2008). «Dark Pegasus Video Review: Crockett Cup '86» (em inglês). 411Mania. Consultado em 10 de outubro de 2016 
  22. «GREAT AMERICAN BASH TOURS» (em inglês). The History of WWE. Consultado em 10 de outubro de 2016 
  23. a b «Wahoo McDaniel Titles» (em inglês). Cagematch. Consultado em 8 de outubro de 2016 
  24. Keith, Scott (19 de junho de 2016). «The SmarK Rant for NWA Starrcade '86: Night of the Skywalkers» (em inglês). Blog of Doom. Consultado em 10 de outubro de 2016 
  25. «2nd Annual Jim Crockett, Sr. Memorial Tag Team Tournament Cup» (em inglês). Pro Wrestling History. Consultado em 10 de outubro de 2016 
  26. Keith, Scott. «AWA Superclash III» (em inglês). Kayfabe Memories. Consultado em 9 de outubro de 2016 
  27. «Wahoo McDaniel matches» (em inglês). Cagematch. Consultado em 9 de outubro de 2016 
  28. Hoops, Brian (26 de maio de 2008). «Nostalgia Review: WCW Slamboree 1993; Vader vs. Davey Boy Smith; Hollywood Blonds vs. Dos Hombres; Nick Bockwinkel vs. Dory Funk Jr.» (em inglês). PWTorch. Consultado em 8 de outubro de 2016 
  29. Dixon, James; Furious, Arnold; Maughan, Lee (2013). The Raw Files: 1994 (em inglês). [S.l.]: Lulu.com. p. 24. ISBN 1291366008 
  30. Keith, Scott (1 de abril de 2002). «The SmarK Retro Rant For WCW Slamboree 95» (em inglês). 411Mania. Consultado em 8 de outubro de 2016 
  31. a b Powers, Kevin (23 de maio de 2013). «The other Hall of Fame: WCW's forgotten honor» (em inglês). WWE. Consultado em 8 de outubro de 2016 
  32. Armstrong, Shawn. Wrestling Moves and Smashes Pocket Encyclopedia (em inglês). [S.l.]: Lulu.com. ISBN 9780557134625 
  33. «Florida Heavyweight Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 24 de outubro de 2016 
  34. «NWA Florida Television Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  35. «NATIONAL WRESTLING ALLIANCE WORLD TAG TEAM TITLE» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  36. «NWA Georgia Heavyweight Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  37. «NWA Georgia Tag Team Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  38. «Macon Heavyweight Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  39. «IWA World Heavyweight Championship» (em inglês). Cagematch. Consultado em 31 de outubro de 2016 
  40. «NWA Mid-Atlantic Heavyweight Championship» (em inglês). Cagematch. Consultado em 31 de outubro de 2016 
  41. «NWA Hall of Fame» (em inglês). National Wrestling Alliance. Consultado em 31 de outubro de 2016. Arquivado do original em 3 de maio de 2017 
  42. «National Wrestling Federation World Tag Team Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  43. «Wahoo McDaniel PWHOF» (em inglês). Professional Wrestling Hall of Fame and Museum. Consultado em 30 de outubro de 2016. Arquivado do original em 28 de agosto de 2017 
  44. «SCW Southwest Tag Team Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  45. «SCW Southwest World Tag Team Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  46. «Texas Heavyweight Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 24 de outubro de 2016 
  47. «NWA United States Tag Team Title» (em inglês). Wrestling Titles. Consultado em 24 de outubro de 2016 
  48. «WRESTLING OBSERVER HALL OF FAME» (em inglês). Wrestling Observer Newsletter. Consultado em 30 de outubro de 2016 
  49. Middleton, Marc. «WWE Hall Of Fame Legacy Wing Inductees For This Year» (em inglês). Wrestling Inc. Consultado em 6 de abril de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]