Jinder Mahal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jinder Mahal
JinderMahal.jpg
Dhesi na Florida Championship Wrestling em 17 de fevereiro de 2011.
Informações pessoais
Nascimento 19 de julho de 1986  (31 anos)
Calgary, Alberta, Canadá
Carreira na luta livre profissional
Nome(s)
de ringue
Jinder Mahal
Raj Singh
Tiger Raj Singh
Raj "The Future" Desi
Altura
anunciada
1 96 m[1]
Peso
anunciado
238 lb (108 kg)[1]
Anunciado
de
Punjab, Índia[1][2]
Treinado
por
Rick Titan
Bad News Allen[3]
Gama Singh
FCW
Estreia 2003

Yuvraj "Raj" Dhesi (Calgary, 19 de julho de 1986), é um lutador de luta profissional canadense que trabalha para a WWE no programa SmackDown como Jinder Mahal, onde é o atual campeão da WWE.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Dhesi começou sua carreira no Martial Arts Fitness Center em Calgary, Alberta treinando com "Razor" Rick Titan e lutando na Premier Martial Arts Wrestling (PMW), lutando como Raj "The Future" Dhesi. Ele treinaria com "Champagne" Jerry Morrow e Bad News Allen no dojo da New Japan Pro Wrestling.[3] Na promoção canadense Stampede Wrestling, após lutar na Hybrid Wrestling Coalition (HWC), Dhesi formou uma dupla com seu primo Gama Singh, Jr., como The Karachi Vice, e Sikh n' Destroy.[3][4] Em março de 2005, a dupla ganhou o Stampede Wrestling International Tag Team Championship, mantendo-o por oito meses. Eles ganharam o título novamente em dezembro do mesmo ano, o mantendo até novembro do ano seguinte. Ele lutaram também na Prairie Wrestling Alliance, onde Dhesi foi Campeão da PWA de 2008 até janeiro de 2010,[3] e a dupla, três vezes campeã da categoria. Dhesi também competiu na Great North Wrestling (GNW), onde manteve rivalidades com lutadores como Samoa Joe e Hannibal.[5] Dhesi teve sua última luta na GNW, derrotando McCully, em 27 de fevereiro.[6]

World Wrestling Entertainment / WWE[editar | editar código-fonte]

Florida Championship Wrestling (2010–2012)[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2009, ele teve uma luta teste na Florida Championship Wrestling (FCW).[3] Ele foi assistido por Steve Keirn, Pat Patterson e Mike Rotunda e afirma que foi contratado por saber falar punjab e vestir roupas tradicionais.[3] No início de 2010, ele foi contratado pela FCW.[3]

SmackDown (2011–2012)[editar | editar código-fonte]

Jinder Mahal estreou no SmackDown! de 29 de abril de 2011, em um segmento nos bastidores com The Great Khali e Ranjin Singh. Na semana seguinte, Mahal confrontou Singh sobre como ele e Khali realizavam atividades infantis e constrangedoras. Ele interrompeu a Khali Kiss Cam na semana seguinte, estapeando Khali duas vezes. Em 20 de maio, Mahal voltou a estapear Khali que, para impressioná-lo, derrotou Jey Uso e atacou Jimmy Uso. No SmackDown de 27 de maio, Khali foi derrotado por Kane. Após o combate, ele traiu Singh e se aliou a Mahal, se tornando um vilão. A explicação dada por Singh era a que Mahal era casado com a irmã dele e de Khali e, que se ele se recusasse a apoiá-lo, iria divorciar-se, o que levaria a família de Khali e Ranjin à ruína. Khali e Mahal passaram a lutar juntos e foram derrotados pela primeira vez no Raw de 5 de setembro, por Air Boom (Evan Bourne e Kofi Kingston). Em uma revanche no SmackDown, Mahal estapeou Khali, sendo empurrado por Khali e sendo derrotado.[7] No SmackDown de 16 de setembro, Mahal atacaria Khali durante uma luta contra Heath Slater. Na semana seguinte, Khali derrotou Mahal.

Mahal antes de uma luta

No NXT de 27 de setembro de 2011, Mahal derrotou Yoshi Tatsu. No Raw de 3 de outubro, Mahal teve uma entrevista interrompida por Santino Marella, que o derrotou logo depois.[8] No SmackDown de 7 de outubro, Mahal foi derrotado por Ezekiel Jackson. Na semana seguinte, Mahal foi o terceiro colocado de uma battle royal de 41 lutadores, a maior da história da WWE. No SmackDown de 11 de novembro, Mahal foi derrotado por Ted DiBiase. Ele, então, trocaria vitórias e derrotas com DiBiase e começaria uma rivalidade com Sheamus.[9] Em 13 de dezembro, Sheamus derrotou Mahal, após este desrespeitar Sheamus diversas vezes. Eles se enfrentaram diversas vezes, com Mahal sendo derrotado em todas as ocasiões.[10] No Royal Rumble, ele foi eliminado por Great Khali.[10] No Over The Limit, Mahal participaria e perderia uma battle royal para definir o desafiante pelo WWE Intercontinental Championship ou WWE United States Championship.[10]

Ele começou uma rivalidade com Ryback sendo derrotado por intencionalmente abandonando combates ou causando desqualificações. Mahal requisitaria uma luta contra dois lutadores locais, como Ryback, os derrotando.

3MB (2012-2014)[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: 3MB

No SmackDown de 21 de setembro, Mahal e Drew McIntyre interferiram em uma luta entre Heath Slater e Brodus Clay, atacando o último. O trio passou a se chamar 3MB. No WWE Superstars de 27 de setembro, Mahal e McIntyre acompanharam Slater em uma luta contra Yoshi Tatsu. Após Slater vencer, os três atacaram Tatsu. No pré-show do Survivor Series, Slater e Mahal derrotaram Santino Marella e Zack Ryder. No TLC: Tables, Ladders & Chairs (2012), 3MB foi derrotada por The Miz, Alberto Del Rio e Brooklyn Brawler.[11] No Raw da noite seguinte, Miz e Del Rio aliaram-se a Tommy Dreamer para novamente derrotar 3MB. No Raw da véspera de ano-novo, Team Hell No derrotou 3MB em uma luta pelo Campeonato de Duplas da WWE. Os três participaram da luta Royal Rumble, sem sucesso.

O grupo foi desfeito com a demissão de Drew McIntyre e o próprio Mahal

No dia 12 de junho de 2014, a WWE anunciou a demissão de nove Lutadores e um árbitro. Entre eles estava Mahal.

Circuito Independente (2014-2016)[editar | editar código-fonte]

Mahal em Novembro de 2015

Dhesi lutou pela Reality of Wrestling (ROW) sob o nome Raj Singh no ROW Summer of Champions 2014, derrotando Jasper Davis.[12]No dia 24 de outubro, no All Star Wrestling (ASW), em Vancouver, no evento ao vivo Fright Night Live, Singh juntou-se ao primo Gama Singh Jr. para derrotar Kyle Sebastian e Collin Cutler para ganhar o ASW Tag Team Championship.[13]Entre 2014 e 2015, ele apareceu na promoção porto-riquenha World Wrestling Council (WWC) contra o lutador local Ray Gonzalez.[14][15]Ele também participou do Qatar Pro Wrestling (QPW) Souq Waqif Championship tournament em abril de 2015, onde ele terminou como primeiro vice-campeão.[16]Em 5 de maio, Singh fez sua estreia na promoção japonesa Inoki Genome Federation (IGF), perdendo para Wang Bin.[17]Em 2016, ele também lutou na promoção de luta de Great Khali, Continental Wrestling Entertainment (CWE) na Índia.[18]

Retorno à WWE[editar | editar código-fonte]

Aliança com Rusev (2016-2017)[editar | editar código-fonte]

Em 27 de julho, anunciou-se que Dhesi havia re-assinado com a WWE como Jinder Mahal.[19]No episódio de 1 de agosto do Raw, Mahal voltou à televisão ao lado de Heath Slater, exigindo contratos até que o gerente geral da Raw, Mick Foley, informou à dupla que eles se iam enfrentar por um contrato do Raw, onde Mahal ganhou.[20]Ao longo do resto do mês no Raw, Mahal começou a perder todos combates como contra Neville,Sami Zayn e Darren Young.Mahal então adotaria o truque de um "homem que vem em paz", defendendo paz e tranquilidade.[21][22]No episódio do Raw de 12 de setembro, Mahal afirmou que, depois de deixar a WWE, "sentiu raiva" e desde então "encontrou paz interior", antes de derrotar Jack Swagger.[23]Depois, Mahal começou a competir no Main Event e Superstars, onde ele frequentemente tinha vitórias e derrotas contra Darren Young.[24]

No episódio de Raw de 19 de dezembro, um maciço e mais muscular Mahal começou uma aliança com Rusev depois que Mahal teve um confronto com o rival de Rusev, Enzo Amore, antes que os dois atacaram Amore.[25]Em 2 de janeiro de 2017, no episódio de Raw, Mahal e Rusev derrotaram o parceiro de Tag Team de Amore, Big Cass, em uma luta de handicap de 2 em 1.[26]Na semana seguinte no Raw, Mahal perdeu para Cass (que teve Shawn Michaels no ringue) depois que Michaels aplicou um Sweet Chin Music em Rusev no ringue, o que distraiu Mahal.[27]No episódio do Raw de 27 de fevereiro, Mahal e Rusev começaram a mostrar desentendimento depois que Rusev inadvertidamente distraiu Mahal, fazendo com que os dois perdessem para The New Day (Big E, Kofi Kingston e Xavier Woods).[28]

A aliança entre Mahal e Rusev terminou no Fastlane em 5 de março, quando Mahal informou o gerente geral da Raw, Mick Foley, sobre seu desejo de retornar à competição de singulares, levando Foley a colocar a dupla em lutas singulares naquela noite e com Mahal e Rusev perdendo suas respectivas lutas contra Cesaro e Big Show.[29]Isso foi feito devido a Rusev ter sofrido uma lesão no ombro.[30]

Campeão da WWE (2017-Presente)[editar | editar código-fonte]

Jinder é um cara que sempre trabalhou extremamente. Ele treina duro; Ele é muito intenso sobre o que ele quer com sua carreira; Ele é muito pensativo ... Para o crédito de Jinder e para o crédito de Drew (McIntyre), eles foram embora, eles foram e perceberam por si mesmos, eles melhoraram. Ambos são homens agora em oposição a crianças tentando fazê-lo no negócio ... Agora, espero, eles estão em melhor posição para ter sucesso.

Triple H em abril de 2017 na perseguição ao Campeonato WWE de Mahal[31]

No show do kickoff da WrestleMania 33 em 3 de abril, Mahal foi o vice-campeão do Troféu em memória de André the Giant, dos 33 participantes que foram eliminados por Mojo Rawley depois da interferência de Rob Gronkowski.[32]No episódio de 11 de abril do SmackDown Live, foi revelado que Mahal havia sido recrutado para lá como parte do Superstar Shake-up e, mais tarde, naquela noite, enfrentou Rawley em um esforço perdedor depois de outra interferência de Gronkowski para acabar com sua disputa, embora Mahal, tenha obtido sua primeira vitória sobre Rawley no episódio de 6 de junho do SmackDown Live.[33]No episódio do SmackDown, de 18 de abril, Mahal ganhou um Desafio Six Pack envolvendo também Rawley, Dolph Ziggler, Erick Rowan e Luke Harper ao fazer o pin em Sami Zayn para se tornar o candidato número um para o Campeonato da WWE após a interferência dos novos aliados de Mahal, The Singh Brothers.[34]Como parte do enredo, Mahal enfrentaria e atacaria o campeão da WWE, Randy Orton, levando o cinto e custando-lhe a luta dele com Bray Wyatt no evento exclusivo Payback da marca Raw em 30 de abril, levando o Comissário do SmackDown, Shane McMahon, forçar Mahal a devolver o cinto.[35]Como parte do seu “push”, Mahal derrotou Sami Zayn e AJ Styles, até fez o pin sobre Orton em uma partida de equipa de seis lutadores para ganhar a vitoria para a sua equipa.[36]No Backlash em 21 de maio, Mahal derrotou Orton para ganhar o Campeonato da WWE (seu primeiro campeonato na WWE) e se tornou o 50º campeão reconhecido da WWE e o primeiro de descendência indiana.[37]Depois que Mahal realizou uma celebração de Punjabi para sua vitória do Campeonato da WWE, o Comissário do SmackDown, Shane McMahon, anunciou que Orton havia invocado sua cláusula de revanche para o Money in the Bank em 18 de junho onde (com os WWE Hall of Fame "Cowboy"Bob Orton Jr., Ric Flair e Sgt. Slaughter no ringside) Mahal derrotou Orton em sua primeira defesa do título.[38]Quando um irado Orton exigiu outra luta, McMahon concedeu-lhe mas com a condição de que Mahal escolhesse a estipulação,ele que revelou ser uma Luta Punjabi Prison.[39]Com Mahal se referindo ao The Great Khali como seu "herói pessoal" e, portanto, ignorando sua animosidade passada, Khali finalmente fez seu retorno no Battleground no dia 23 de julho para ajudar Mahal a derrotar Orton para manter o Campeonato da WWE.[40]No SmackDown final antes do SummerSlam, Mahal perdeu sua luta sem o titulo em jogo contra John Cena após a interferência do Mr. Money in the Bank Barbin Corbin.Depois, Corbin cobrou seu contrato, mas, assim que a luta começou, ele atacou Cena em vez disso, permitindo que Mahal vencesse.[41]

No wrestling[editar | editar código-fonte]

Mahal enfrentando Yoshi Tatsu em 2012.

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d «Jinder Mahal». WWE. Consultado em 6 de junho de 2011 
  2. a b «Jinder Mahal». Florida Championship Wrestling. Consultado em 31 de dezembro de 2010 
  3. a b c d e f g h i Oliver, Greg (23 de fevereiro de 2010). «Tiger Raj Singh ready for WWE experience». SLAM! Wrestling. Consultado em 28 de fevereiro de 2010 
  4. McCoy, Heath (2005). Pain and Passion: The History of Stampede Wrestling. [S.l.]: CanWest Books. p. 283. ISBN 097367198X 
  5. «Superstars». Great North Wrestling. Consultado em 16 de março de 2010 
  6. «News». Great North Wrestling. Consultado em 16 de março de 2010 
  7. Burdick, Michael. «SmackDown results: From dreamer to something meaner». WWE 
  8. «WWE Raw SuperShow results: Superstars, employees unite against Triple H». WWE.com. 3 de outubro de 2011. Consultado em 7 de outubro de 2011 
  9. «www.catchsuperstar.com/video+smackdown,smackdown+spoilers+12+16+11-46864.html» 
  10. a b c http://www.cagematch.net/?id=2&nr=6171&view=&page=4&gimmick=&year=&promotion=&region=&location=&arena=&showtype=TV-Show%7CPay+Per+View&worker=&text=
  11. Caldwell, James. «CALDWELL'S WWE TLC PPV RESULTS 12/16: Complete "virtual-time" coverage of final 2012 PPV - Cena vs. Ziggler main event, Shield makes a statement». Pro Wrestling Torch. Consultado em 17 de dezembro de 2012 
  12. «PARKS'S REALITY OF WRESTLING "SUMMER OF CHAMPIONS" iPPV REVIEW - ROW Title Steel Cage Match, appearances by Teddy Long, DDP, Brother Devon, others». ProWrestlingTorch. 28 de julho de 2014 
  13. «ASW Results – 10/24/14 – Cloverdale, BC (Fright Night 2)». All Star Wrestling. 25 de outubro de 2014 
  14. «WWC» 
  15. «WWC Euphoria - Tag 1» 
  16. «QPW Souq Waqif Title Tournament» 
  17. «GENOME33». Inoki Genome Federation (em japonês 
  18. «It's time to pay back to Punjab, says Great Khali». The Tribune. 11 de fevereiro de 2016. Consultado em 11 de fevereiro de 2016 
  19. Mike Johnson (27 de julho de 2016). «LATEST FORMER WWE NAMES SET TO RETURN AND MORE». PWInsider 
  20. Adam Martin (1 de agosto de 2016). «WWE RAW Results – 8/1/16 (Live results from Atlanta, Brock Lesnar's first appearance since WrestleMania)». WrestleView 
  21. «Jinder Mahal tries to help Alicia Fox find inner peace: Raw Fallout, Sept. 19, 2016». WWE 
  22. «Jinder Mahal demonstrates a breathing exercise for achieving inner peace». WWE 
  23. Larry Csonka (12 de setembro de 2016). «Csonka's WWE Raw Review 9.12.16». 411Mania 
  24. James Cox (20 de novembro de 2016). «WWE SUPERSTARS RESULTS: JINDER MAHAL PICKS UP A WIN». Figure Four Wrestling Online 
  25. Wade Keller (19 de dezembro de 2016). «KELLER'S WWE RAW REPORT 12/19: Fallout from Roadblock including Jericho explaining his actions and putting Santa on his list». ProWrestlingTorch 
  26. «KELLER'S WWE RAW REPORT 1/2: Goldberg appearance, Sami vs. Braun in Last Man Standing match, Foley's new haircut» 
  27. «KELLER'S WWE MONDAY NIGHT RAW REPORT 1/9: Reigns vs. Owens & Jericho, Shawn Michaels, Foley's Performance Review, Undertaker "rumored" to appear» 
  28. «WWE RAW Results – 2/27/17 (Seth Rollins returns, Goldberg, Fastlane)» 
  29. «3/5 Powell's WWE Fastlane Live Review: Kevin Owens vs. Goldberg for the WWE Championship, Roman Reigns vs. Braun Strowman, Bayley vs. Charlotte for the Raw Women's Championship, Samoa Joe vs. Sami Zayn» 
  30. «Rusev Injury Update: Bulgarian Superstar to miss WWE WrestleMania 33, out for at least two months» 
  31. «INTERVIEW HIGHLIGHTS: Triple H comments on Jinder Mahal suddenly getting a PPV World Title match, Drew McIntyre's fresh start (w/Keller's Analysis)». Pro Wrestling Torch. Consultado em 27 de abril de 2017 
  32. «Mojo Rawley won the 4th annual Andre the Giant Memorial Battle Royal». WWE 
  33. «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 6/6: Nakamura vs. Owens, Styles vs. Ziggler, Women's MITB hype» 
  34. «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 4/18: Six-Way Contenders Match, Naomi vs. Charlotte, Styles vs. Corbin» 
  35. «KELLER'S WWE SMACKDOWN REPORT 5/2: Jericho joins Smackdown, Shane takes belt from Jinder, Jinder vs. Sami» 
  36. «Smackdown: A trip to London doesn't slow the build toward Backlash» 
  37. «5/21 Powell's WWE Backlash Live Review: Randy Orton vs. Jinder Mahal for the WWE Championship, Kevin Owens vs. AJ Styles for the U.S. Championship, Shinsuke Nakamura vs. Dolph Ziggler» 
  38. «WWE Champion Jinder Mahal def. Randy Orton». WWE 
  39. «WWE Champion Jinder Mahal vs. Randy Orton (Punjabi Prison Match)». WWE 
  40. «WWE Champion Jinder Mahal def. Randy Orton (Punjabi Prison Match)». WWE 
  41. «WWE Smackdown Results – 8/15/17 (Final show before SummerSlam)» 
  42. a b Caldwell, James. «PARKS' WWE SMACKDOWN REPORT 12/30: Complete coverage of the Friday night show, including Randy Orton vs. Wade Barrett, Falls Count Anywhere». Pro Wrestling Torch. Consultado em 31 de dezembro de 2011 
  43. a b James, Justin. «JAMES'S WWE SUPERSTARS REPORT 11/24: Zeke vs. Kidd main event, DiBiase vs. Mac worth watching». Pro Wrestling Torch. Consultado em 31 de dezembro de 2011 
  44. «PARKS' WWE SMACKDOWN REPORT 6/3: Ongoing "virtual time" coverage of the show, including Orton vs. Sheamus for the World Championship». Pro Wrestling Torch. Consultado em 6 de junho de 2011 
  45. a b «Jinder Mahal». Cagematch. Consultado em 6 de junho de 2011 
  46. «FLORIDA CHAMPIONSHIP WRESTLING TELEVISION REPORT: ROLLINS AND STEAMBOAT DEFEND THE FCW TAG TITLES; SEE FUTURE (AT THE TIME IT WAS TAPED) SMACKDOWN SUPERSTAR JINDER MAHAL IN ACTION». Pro Wrestling Insider. Consultado em 6 de junho de 2011 
  47. a b Parks, Greg. «PARKS' WWE SMACKDOWN REPORT 11/11: Ongoing "virtual time" coverage of the show, including Randy Orton vs. Wade Barrett». Pro Wrestling Torch. Consultado em 12 de novembro de 2011 
  48. «PWA Heavyweight Championship». Prairie Wrestling Alliance. Consultado em 28 de fevereiro de 2010 
  49. «"PWI 500": 301–400». Pro Wrestling Illustrated. 4 de agosto de 2011. Consultado em 4 de agosto de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Jinder Mahal