Aleksandr Ivanovitch Herzen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alexandre Herzen. Sergei Lvovich Levitsky, 1860

Aleksandr Ivanovitch Herzen, em em russo: Александр Иванович Герцен (Moscou, greg. 6 de abril/ jul. 25 de março de 1812Paris, greg. 21 de janeiro/ jul. 9 de janeiro de 1870), foi um filósofo, escritor, jornalista e político russo.

Conhecido como o pai do socialismo russo, é considerado como um inspirador do clima político que conduziu à emancipação dos servos, em 1861. Foi também um dos mais importantes escritores do país no século XIX, por sua prosa original.

Sua autobiografia Passado e meditações (Byloïé i Doumy) revela uma educação aristocrática, ao lado de uma sensibilidade precoce para os ideais revolucionários, e um caráter impetuoso.

Seu nome "Herzen" ("que vem do coração", do alemão Herz, "coração") foi inventado por ocasião do seu nascimento. Sua mãe, Henriette Wilhelmina Luisa Haag , era uma jovem criada protestante de Stuttgart, enquanto seu pai, Ivan Alekseïevitch Iakovlev, pertencia à alta aristocracia russa.

Instala-se em Paris em 1847, onde colabora com Proudhon e vive os acontecimentos de 1848. Parte de Paris para Londres em 1852. Posteriormente viveu entre Genebra, Nice et Paris. Entretanto, Herzen ocupou-se principalmente de combater o regime tsarista por seus artigos no L'étoile polaire (1857-1865) ou La Cloche (1857-1865). Apesar da censura, seus artigos tiveram grande impacto na Rússia.

Morrerá pouco antes da Comuna de Paris.

Os ideais de Herzen[editar | editar código-fonte]

Dado que, à época, quase não existia um proletariado na Rússia, Herzen estava convencido de que graças às comunidades camponesas seria possível passar diretamente do regime de servidão ao socialismo, evitando o capitalismo. Herzen idealizava o camponês russo.

Herzen foi um dos primeiros críticos russos do capitalismo e burguesia. Também criticou as idéias defendidas por Jean-Baptiste Say e Malthus. Embora sustentasse as idéias do socialismo utópico e a luta dos camponeses contra os proprietários de terras, passou à história como um democrata revolucionário que lutou ativamente contra a autocracia e a servidão na Rússia.

Obras políticas[editar | editar código-fonte]

  • Sobre o desenvolvimento das idéias revolucionárias na Rússia (1851)
  • O povo russo e o socialismo (1855)
  • Quem é culpado? (romance, 1845-1847)

Autobiografia[editar | editar código-fonte]

  • Passado e meditações.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Aleksandr Ivanovitch Herzen