Infertilidade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A infertilidade ou esterilidade é o resultado de uma falência orgânica devido à disfunção dos órgãos reprodutores, dos gâmetas ou do concepto. É diferente de esterilidade. Um casal é infértil quando não alcança a gravidez desejada ao fim de dois anos de vida sexual contínua sem métodos contraceptivos. A infertilidade pode ser feminina, masculina, feminina e masculina, ou ainda sem causa aparente.

Epidemiologia[editar | editar código-fonte]

A infertilidade tem aumentado nos países industrializados devido:

  1. ao adiamento da idade de concepção;
  2. à existência de múltiplos parceiros sexuais;
  3. aos hábitos sedentários e de consumo excessivo de gorduras, tabaco, álcool e drogas, bem como aos químicos utilizados nos produtos alimentares e aos libertados na atmosfera.

Infertilidade Feminina[editar | editar código-fonte]

Causas funcionais[editar | editar código-fonte]

Causas anatômicas[editar | editar código-fonte]

  • Obstrução das tubas uterinas

Infertilidade Masculina[editar | editar código-fonte]

  • Diminuição do número de espermatozóides (Oligospermia)
  • Pouca mobilidade dos espermatozóides
  • Espermatozóides anormais
  • Dificuldades na relação sexual
  • Varicocele
  • Criptoquirdia

Tratamento[editar | editar código-fonte]

Com a evolução da medicina, estão disponíveis atualmente diversos tratamentos para a infertilidade conforme a sua causa. Entre eles, pode-se citar a fertilização in vitro (FIV), inseminação intra-uterina, indução da ovulação. O planejamento familiar é fundamental nesse momento, pois além de auxiliar o casal a alcançar seu objetivo, o profissional de saúde oferecerá apoio e orientações.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.