John Lennon/Plastic Ono Band

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
John Lennon/Plastic Ono Band
Álbum de estúdio de John Lennon
Lançamento Reino Unido 11 de dezembro de 1970
Gênero(s) Rock/Hard rock/Folk rock/Blues rock
Gravadora(s) Apple/EMI
Produção John Lennon, Yoko Ono & Phil Spector
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de John Lennon
Último
Último
Imagine
(1971)
Próximo
Próximo

John Lennon/Plastic Ono Band é o álbum de estreia de John Lennon após a separação oficial dos The Beatles em 1970. Quando ainda estava nos Beatles, John já havia lançado três álbuns experimentais e realizado um show ao vivo em Toronto. Em 1969, John formou com sua mulher, Yoko Ono, a banda Plastic Ono Band.

Atingiu o oitavo lugar nas paradas de sucesso dos Estados Unidos e o sexto na Inglaterra. É considerado por muitos críticos de música o melhor álbum solo de John Lennon.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as músicas foram compostas por John Lennon.

Lado A
  1. "Mother"
  2. "Hold On"
  3. "I Found Out"
  4. "Working Class Hero"
  5. "Isolation"
Lado B
  1. "Remember"
  2. "Love"
  3. "Well Well Well"
  4. "Look At Me"
  5. "God"
  6. "My Mummy's Dead"

História[editar | editar código-fonte]

Logo após a separação dos Beatles, John Lennon inicia em Los Angeles a terapia Primal guiado por Arthur Janov que durou quatro meses. Na terapia, John tratou de seus traumas relacionados a infância (abondono pelo pai, morte da mãe). O álbum tem suas canções baseadas nestes traumas de infância.

De volta a Inglaterra, John chamou o produtor Phil Spector e alguns amigos músicos para participar do álbum. Em algumas músicas Ringo Starr tocou bateria em outras a bateria ficou a cargo de Alan White. Klauss Voormann , antigo amigo da época que os Beatles tocaram em Hamburgo, tocou baixo. E Billy Preston tocou teclados.