Messier 62

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Messier 62
Messier 62 pelo Telescópio Espacial Hubble.NASA/STScI/WikiSky
Messier 62 pelo Telescópio Espacial Hubble.
NASA/STScI/WikiSky
Descoberto por Charles Messier
Data 1771
Dados observacionais (J2000)
Constelação Ophiuchus
Asc. reta 17h 01m 12,6s[1]
Declinação -30° 06′ 44,5″[1]
Distância 22 500 anos-luz[2] (6 900 pc)
Magnit. apar. 7,39[1]
Dimensões 15 minutos de arco[2]
Classe IV[2]
Características físicas
Raio 50[2]
Outras denominações
M62, NGC 6266, GCl 51.[1]
Messier 62
Ophiuchus constellation map.png

Messier 62 (também conhecido como NGC 6266 ou M62) é um aglomerado globular localizado na constelação de Ophiuchus a 22 500 anos-luz da Terra. Foi descoberto por Charles Messier em 1771. Possui um raio de 50 anos-luz e uma dimensão aparente de 15 minutos de arco.[2]

Devido à sua distância do centro da galáxia (apenas 6 100 anos-luz), Messier 62 é um dos aglomerados globulares com a forma mais irregular.[2]

Na década de 1970 descobriu-se que Messier 62 possui um alto número de 89 estrelas variáveis, a maioria do tipo RR Lyrae.[2]

Descoberta e visualização[editar | editar código-fonte]

Messier 62, Hunter Wilson

O aglomerado globular foi descoberto pelo astrônomo francês Charles Messier em 7 de junho de 1771, embora ele tenha tomado sua posição na esfera celeste apenas em 4 de junho de 1779, quando listou em seu catálogo. William Herschel, descobridor de Urano, foi o primeiro a resolver suas estrelas mais brilhantes.[2]

Características[editar | editar código-fonte]

É um dos aglomerados globulares mais irregulares que se conhece. Sua deformação, relatada primeiramente por Herschel, é o resultado das forças de maré do núcleo da Via-Láctea; o aglomerado está apenas 6 100 anos-luz do centro galáctico, um dos aglomerados globulares do catálogo Messier mais próximos da região central da Via-Láctea.[2]

Está a uma distância de 22 500 anos-luz em relação à Terra, e seu diâmetro aparente de 15 minutos de grau, metade do diâmetro aparente da Lua Cheia, corresponde a um diâmetro real de 100 anos-luz.[2]

Contém 89 estrelas variáveis conhecidas, a maior parte variáveis RR Lyrae. Seu núcleo é extremamente denso;possívelmente o núcleo sofreu no passado um colapso de núcleo, de modo semelhante ao encontrado nos aglomerados Messier 15, Messier 30 e Messier 70. Contém vários binários de raios X, consequência da alta densidade estelar de seu núcleo; tais binários de raios-X são consequência de quase-colisões entre estrelas.[2]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d SIMBAD basic query result SIMBAD. Visitado em 10 de julho de 2011.
  2. a b c d e f g h i j k Messier Object 62 SEDS. Visitado em 10 de julho de 2011.

Coordenadas: Sky map 17h 01m 12.60s, −30° 06′ 44.5″

Science.jpg    NGC 6264  •  NGC 6265  •  NGC 6266  •  NGC 6267  •  NGC 6268   
Ícone de esboço Este artigo sobre um aglomerado globular é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.