Mustang Shelby GT500

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mustang Shelby GT500
Ford Shelby Mustang GT500 Breaks Into The Movies.jpg Carro usado na filmagem de Eu sou a Lenda, com Will Smith. Ao fundo podemos ver o cenário original que foi usado também na série de televisão Knight Rider interpretando o personagem principal K.I.T.T
Visão Global
Produção 1967-1970. 2005-presente
Fabricante Ford
Modelo
Classe esportivo
Carroceria Coupe
Designer Carroll Shelby
Ficha técnica
Motor V8 5.4 DOHC com 456cv (450hp) (2005 - 2007)

V8 DOHC 5.4 superalimentado de 507cv (500 hp)
(2008 - 2009)

V8 DOHC 5.4 superalimentado de 547cv (540 hp)
(a partir de 2010)

Transmissão manual 5 marchas
(2005 - 2007)

manual de 6 marchas
(2008- atualmente)

Modelos relacionados Chevrolet Corvette
Austin-Healey 3000
Bizzarrini Strada
Cadillac XLR
Dodge Viper
Iso Grifo
Jaguar XJS
Jaguar XK120
TVR S Series
TVR Tuscan
Nissan GT-R
Porsche 911 GT2
Dimensões
Entre-eixos 2.720 mm
Largura 1.877 mm
Altura coupe 1.384 mm, conversível 1.415 mm
Cronologia
Último
Último
Ford GT
Próximo
Próximo

O Ford Mustang Shelby GT500 é um esportivo da série Mustang da Ford.

Os motores V8 do modelo Shelby são considerados, pela Associação Internacional de Engenheiros Automotivos, como o bloco mais potente do mundo[1] .

Sobre o carro[editar | editar código-fonte]

Shelby é a versão mais potente da marca.Carroll Shelby foi um piloto automobilístico estadunidense, criador do modelo cobra. Começando à partir de um motor V8 de ferro fundido do Mustang Cobra R. Um superalimentador do tipo parafuso com trocador de calor intermediario e com trocador de ar água força o ar dos pistões dentro do cilindro cada um com quatro válvulas. Muitos componentes do motor foram desenvolvidos a partir do Ford GT. A sua transmissão manual de seis marchas com espaço de marchas uniforme consegue aguentar sua força, pois ela é uma transmissão testada e comprovada em corridas, sendo assim, ela trabalha até com folga com este motor, lembrando que o motor possui um limitador de velocidade, que não o deixa ultrapassar os 250 km/h, mas em testes já atingiram a faixa dos 320km/h.

Design[editar | editar código-fonte]

Com seu "velho novo design" em vez do tradicional logotipo, ele vem com cobras prateadas como emblema, ainda assim ele é reconhecível como um Mustang, pois ele tem seu design baseado nos antigos GT500 originais produzidos pela ultima vez em 1970 e em outros Mustangs Shelby GT500 dos anos 60. De herança dos Mustangs ele tem aberturas no capô, que retiram o calor do compartimento do motor e o spoiler traseiro é uma referência aos primeiros Shelby. E a dupla faixa de carbono em sua lataria tem origem de uma das corridas de Carol Shelby, que sem tempo para adesivar seu carro, pediu então a sua equipe que fizessem apenas duas faixas, igual a seu macacão.

Suspensão[editar | editar código-fonte]

Sua suspensão dianteira é uma do tipo MacPherson independente com braços inferiores em "L" invertido e a traseira de um eixo sólido de três articulações com uma barra Panhard para impedir o movimento lateral. As suspensões traseiras e dianteiras usam barras estabilizadoras para evitar a rolagem da carroceria.

Interior[editar | editar código-fonte]

No seu painel de instrumentos foram trocadas as posições de velocímetro e tacômetro, e todos os seus componentes metálicos foram acetinados e não cromados.

Modelos[editar | editar código-fonte]

Vista de perfil do automóvel
Traseira do veículo

Mustang Shelby GT500 (2005 - 2007)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroceria: Coupe 2 portas e conversível 2 portas

Opções de motorização:

5.4 V8 32v DOHC SuperCharger - 456cv (450 hp)

Câmbio: manual de 5 marchas

Velocidade máxima: 250 km/h limitado eletronicamente.

Mustang Shelby GT500 (2008 - 2009)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroceria: Coupe 2 portas e conversível 2 portas

Opções de motorização:

5.4 V8 32v DOHC SuperCharger - 507cv (500 hp)

Câmbio: manual de 6 marchas

Velocidade máxima: 250 km/h limitado eletronicamente.

Mustang Shelby GT500 (2010)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroceria: Coupe 2 portas e conversível 2 portas

Opções de motorização:

5.4 V8 32v DOHC SuperCharger - 547cv (540 hp)

Torque: 75,3 Kgfm

Câmbio: manual de 6 marchas

Velocidade máxima: 250 km/h limitado eletronicamente.

Peso: 1810Kg

Mustang Shelby GT500 (2011 - 2012)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroceria: Coupe 2 portas e conversível 2 portas

Opções de motorização:

5.4 V8 32v DOHC SuperCharger - 557cv (550 hp)

Câmbio: manual de 6 marchas

Velocidade máxima: 250 km/h limitado eletronicamente.

Mustang Shelby GT500 (a partir de 2013)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroceria: Coupe 2 portas e conversível 2 portas

Opções de motorização:

5.8 V8 32v DOHC SuperCharger - 672cv (662 hp)

Câmbio: manual de 6 marchas

Velocidade máxima: 325 km/h.

Versão especial limitada: Mustang Shelby GT500KR (2008 - 2009)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroçaria: Coupe 2 portas

Opções de motorização:

5.4 V8 32v Supercharger DOHC - 547cv (540 hp)

Binário: 78,5 kgm.

Caixa: Manual de 6 velocidades

Velocidade máxima: 250 km/h limitado eletronicamente.

Peso: 1730Kg

Apenas 1000 unidades foram produzidas em 2008, e 571 unidades em 2009

Foi usado no filme e na série Knight Rider

Versão especial limitada: Mustang Shelby GT500 Super Snake (2010)[editar | editar código-fonte]

Opções de carroceria: Coupe 2 portas

Opções de motorização:

5.4 V8 32v Supercharger DOHC - 639cv ou 735cv (630 hp ou 725 hp)

Aceleração:(0–100 km/h) 3.9 seg." versão de 639cv

Aceleração:(0-100 km/h) 3.7 seg." versão de 735cv

Caixa: Manual de 6 velocidades

Velocidade máxima: 250 km/h limitado eletronicamente.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ford Mustang

Referências