Odessa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Localização de Odessa
A estação ferroviária de Odessa

Odessa (em ucraniano Одеса e em russo Одесса; pronúncia AFI[ɐˈdʲesːə]) é uma cidade costeira ucraniana situada às margens do Mar Negro. É a quarta maior cidade do país, contando com pouco mais de um milhão de habitantes. É o centro administrativo do Oblast de Odessa.

A cidade tem dois grandes portos, um na cidade propriamente dita e outro nos subúrbios - o Yuzhny (terminal petrolífero importante em termos internacionais).

Nos tempos da União Soviética, Odessa era o porto comercial mais importante do país e igualmente base naval. Seu porto, porém, tem pouco valor militar, pois a Turquia (membro da NATO/OTAN) controla o tráfego entre o Mar Negro e o Mar Mediterrâneo.

História[editar | editar código-fonte]

Odessa foi fundada oficialmente em 1794, depois de a Rússia ter anexado territórios anteriormente pertencentes à Turquia (Tratado de Iasi). O nome da cidade provém da antiga colônia greco-romana de Odesos na Trácia.

De 1803 a 1814 o Duque de Richelieu, francês, foi nomeado governador de Odessa, após ter ajudado o exército de Catarina II contra os turcos. É considerado um dos pais fundadores da cidade.

No período 1823-1824 o grande poeta russo Alexander Pushkin viveu exilado em Odessa, cidade que considerava "A mais européia das cidades russas". Em suas cartas, escreveu que Odessa era uma cidade onde "se pode cheirar a Europa. Fala-se francês e há obras e revistas europeias para ler".

O estilo arquitetônico de Odessa, influenciado pelo francês e italiano, deu uma sensação de Mediterrâneo para a cidade que é muitas vezes chamada de Pérola do Mar Negro.

Não só no século XVIII, mas também ao longo do século seguinte, formou-se uma larga comunidade judaica em Odessa, proveniente da parte ocidental do país, tornando-a a mais judia das grandes cidades do Império Russo.

No período 1921-1922 como resultado da guerra, Odessa foi assolada por uma grande fome. Na Segunda Guerra Mundial, a cidade foi ocupada por exércitos romenos e alemães e foi finalmente libertada em Abril de 1944.

O centro de Odessa, com a estatua de Catarina a grande, é uma das principais atrações

Vários[editar | editar código-fonte]

O clima em Odessa é seco e temperado. Em Janeiro a temperatura média é de -2 °C, e em Julho 23 °C.

Odessa continua a ser um destino de férias importante. Embora o ucraniano seja a língua oficial, a língua mais usada é o russo. A cidade apresenta uma mistura de várias nacionalidades e grupos étnicos, entre eles ucranianos (61,6%), russos (29,0%), búlgaros (1,3%), judeus (1,2%), moldávios (0,7%), gregos, caucasianos, alemães e coreanos, entre outros1 .


Na escadaria Richelieu de Odessa foi filmada a famosa cena do massacre na escadaria do filme Couraçado Potemkin (Bronenosets Potyomkin) realizado em 1925 por Serguei Eisenstein. Essa sequência cinematográfica se tornou um marco da história do Cinema mundial.

Geminações[editar | editar código-fonte]

Fonte:Odessa.ua

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Odessa

Referências