Omar Khayyam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Omar Khayyam
As aventuras de Omar Khayyan (BR)
 Estados Unidos
1957 • cor • 101 min 
Direção William Dieterle
Roteiro Barré Lyndon
Elenco Cornel Wilde
Michael Rennie
Debra Paget
Género Aventura
Biografia
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

Omar Khayyam (br.: As aventuras de Omar Khayyan), também conhecido em inglês pelos títulos The Life, Loves and Adventures of Omar Khayyam e The Loves of Omar Khayyam, é um filme estadunidense de 1957 dirigido por William Dieterle. O principal personagem dessa aventura no estilo das Mil e uma noites é Omar Khayyám, matemático, poeta, filósofo e astrônomo que viveu na antiga Pérsia (atual Irã). Foi o último filme cuja trilha sonora foi composta por Victor Young (1899-1956), que já era falecido quando do lançamento. Participação no elenco da cantora Yma Sumac.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Na Pérsia do século XI, quando Omar Khayyam já possuia fama de homem brilhante, ele reencontra seu antigo amigo Sabah, governador da província de Gilan e guerreiro impiedoso. Os dois são indicados a ocuparem cargos na Corte por um terceiro amigo (Nizam ou ministro) e o os aceita: Omar se torna conselheiro encarregado de desenvolver um novo calendário e criar estratégias militares; Sabah fica sendo o Guarda do Tesouro. Omar está enamorado da bela Sharain, mas seu romance sofre um abalo quando o Xá a chama para ser uma de suas esposas. Mesmo desgostoso, Omar continua leal ao Xá e ao seu filho, príncipe Malik, e os ajudará a enfrentar várias ameaças e traições, como a guerra contra os bizantinos (que tentaram uma invasão pelo Mar Cáspio) e a rebelião do príncipe Ahmud que se alia a uma poderosa seita de assassinos liderada por um mestre misterioso.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]