Rogério Cardoso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rogério Cardoso
Nome completo Rogério Cardoso Furtado
Nascimento 30 de março de 1937
Mococa, SP
 Brasil
Morte 24 de julho de 2003 (66 anos)
Rio de Janeiro, RJ
 Brasil
Ocupação Ator, comediante
IMDb: (inglês)

Rogério Cardoso Furtado (Mococa, 30 de março de 1937Rio de Janeiro, 24 de julho de 2003)[1] foi um ator e comediante brasileiro.

Biografia artistica[editar | editar código-fonte]

Nascido em 1937 em Mococa, começou em 1958 no teatro, e ao todo chegou a fazer mais de quarenta peças. A carreira televisiva teve início em 1963 na Excelsior, onde participou dos programas humorísticos "A Cidade se Diverte", Moacyr Franco Show e "Times Square". Na Record, fez a Praça da Alegria. É também lembrado, por, na década de 1970, ter estrelado um comercial cômico da Volkswagen Variant.

Com seus personagens sempre cômicos e marcantes, conseguiu conquistar o gosto do público. Entre eles, o estudante Rolando Lero do programa (Escolinha do Professor Raimundo), liderado por Chico Anysio, na Globo.

Seu outro grande personagem de sucesso veio interpretando o "Salgadinho", na telenovela Explode Coração, motivando a tentar carreira na política, elegendo-se vereador pelo PFL do Rio de Janeiro, em 1996.

Seu último trabalho na televisão, era ao lado da atriz Nair Bello no programa Zorra Total, onde interpretava o personagem Epitáfio, e aparecia toda semana na TV com o personagem Seu Flô, no programa A Grande Família, um dos mais tradicionais da Rede Globo.

Rogério Cardoso também se destacou como compositor, um dos seus sucessos é muito cantado e conhecido mas poucos sabem que é de sua autoria, a música Pequeno Mundo, versão nacional da música It's a Small World da Disney.

Rogério Cardoso morreu na manhã do dia 24 de julho de 2003, em sua casa no Rio de Janeiro, aos 66 anos. Ele teria sofrido um infarto fulminante[2] . Foi enterrado na sua cidade natal, Mococa.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Novelas e séries de TV[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]