Campeonato Sul-Americano de Futebol de 1957

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
XXV Campeonato Sul-Americano
Peru 1957
Dados
Participantes 7
Organização CONMEBOL
Anfitrião Peru
Período 7 de março6 de abril
Gol(o)s 101
Partidas 21
Média 4,81 gol(o)s por partida
Campeão Argentina (11º título)
Vice-campeão Brasil
Melhor marcador 9 gols:
Melhor ataque (fase inicial) Argentina – 25 gols
Melhor defesa (fase inicial) Argentina – 6 gols
Maior goleada
(diferença)
Brasil 9 – 0 Colômbia
Estádio NacionalLima
24 de março
◄◄ Uruguai 1956 Soccerball.svg 1959 Argentina ►►

O Campeonato Sul-Americano de Futebol de 1957, foi a 25ª edição da competição entre seleções da América do Sul. Foi realizada em Lima no Peru entre os dias 7 de março e 6 de abril de 1957.

Participaram da disputa sete seleções: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Peru e Uruguai. As seleções jogaram entre si em turno único.

A Argentina foi campeão com o ataque apelidado de "Los Carasucias". O nome se devia ao filme Angels with Dirty Faces, popular na Argentina na época, que narrava a história de jovens impulsivos e rebeldes. O jovem trio de ataque argentino marcou 20 dos 25 gols da seleção no sul americano. [1] As atuações chamaram a atenção do futebol italiano. Antonio Angelillo foi transferido para a Internazionale, Humberto Maschio ao Bologna e Omar Sívori a Juventus. O tridente não voltaria mais a defender a Argentina. A ausência dos tridente foi especialmente lamentada pela imprensa argentina na Copa do Mundo FIFA de 1958.[2]

Na Brasil, a competição marcou a despedida de Zizinho e Evaristo de Macedo. O Brasil ainda não contava com Pelé, mas apresentou a base da equipe que conquistaria a Copa do Mundo FIFA de 1958 no ano seguinte.[3]

Organização[editar | editar código-fonte]

A Seleção da Argentina, vencedora do Campeonato Sul-Americano de 1957

Sede[editar | editar código-fonte]

Lima
Estadio Nacional
Capacidade: 45 000
2004 Copa America Celebrations.png

Árbitros[editar | editar código-fonte]

  • Áustria Erwin Hieger.
  • Inglaterra Robert Turner.
  • Inglaterra Ronald Lynch.
  • Inglaterra Bertley Cross.
  • Itália Pedro Di Leo.
  • Inglaterra Harry Davis.

Seleções Participantes[editar | editar código-fonte]


Resultados[editar | editar código-fonte]

Posição[editar | editar código-fonte]

Pos Seleção Pts J V E D GP GC SG
Flag of Argentina.svg Argentina 10 6 5 0 1 25 6 19
Brasil Brasil 8 6 4 0 2 23 9 14
Flag of Uruguay.svg Uruguai 8 6 4 0 2 15 12 3
Flag of Peru.svg Peru 8 6 4 0 2 12 9 3
Flag of Colombia.svg Colômbia 4 6 2 0 4 10 25 -15
Flag of Chile.svg Chile 3 6 1 1 4 9 17 -8
Flag of Ecuador.svg Equador 1 6 0 1 5 7 23 -16

Partidas[editar | editar código-fonte]

Campeonato Sul-Americano de Futebol de 1957
Flag of Argentina.svg
Argentina
Campeão
(11º título)

Goleadores[editar | editar código-fonte]

Jogador Seleção Gols
Humberto Maschio ArgentinaARG 9
Javier Ambrois UruguaiURU 9
Antonio Angelillo ArgentinaARG 8
Didí BrasilBRA 8
Evaristo BrasilBRA 8
Alberto Terry PeruPER 5

Melhor jogador do torneio[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. «Enrique Omar Sívori, el último carasucia». El Grafico. 9 de fevereiro de 2002. Consultado em 26 de julho de 2019 
  2. «1958. Era pan comido, fue desastre». El Grafico. 9 de fevereiro de 2002. Consultado em 26 de julho de 2019 
  3. A Geopolítica da Bola. Revista Placar Especial Copas Do Mundo Saga Jules Rimet. [S.l.: s.n.] p. 13 
  4. http://www.rsssf.com/tabless/sachampfulltrivia.html#best-players

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Soccer stub.svg Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.