Conflito Karen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Conflito Karen
Conflitos armados em Myanmar
Data 1949 – presente
Local Kayin, Myanmar
Situação Processo de paz em curso
  • Cessar-fogo assinado entre a União Nacional Karen e o governo de Mianmar em 2012 e 2015.
Beligerantes
 Myanmar União Nacional Karen

Exército Budista Karen Democrático - Brigada 5 (desde 2010)
Conselho de Paz KNU / KNLA (desde 2007)

FDTEB (1988–2015)
Comandantes
Win Myint

Aung San Suu Kyi
Sein Win
Min Aung Hlaing
Soe Win

Saw Mutu Say Poe (desde 2008)

Saw Tamlabaw (2000–2008)
Bo Mya (1976–2000)
Saw Ba U Gyi  (1949–1950)
Saw Mo Shay[1]

Bo Nat Khann Mway (1994–2016)
Forças
30.000
43.000 (1951)[2]
6.000–7.000[3]
  • 4.000+ (1951)[2]
1,500[4]

O conflito Karen é um conflito armado em curso em Mianmar (Birmânia), sendo um dos vários conflitos armados em Myanmar. O conflito foi descrito como uma das "guerras civis mais duradouras" do mundo.[5][6] O movimento nacionalista Karen tem lutado por mais autonomia e/ou independência dentro da Birmânia.[7]

O povo karen tem lutado por um Estado Kayin independente desde 1949, conhecido pelos karens como Kawthoolei. Nesse conflito, muitos atores diferentes participaram, sendo os mais influentes o União Nacional Karen, uma organização política com um braço armado, o Exército de Libertação Nacional Karen e o Tatmadaw birmanês.

O conflito é travado principalmente no atual estado Karen, estabelecido em 1952 pelo governo birmanês. Apenas uma minoria da população total dos karens residem dentro das fronteiras deste estado. Centenas de milhares de karens e outros grupos étnicos foram mortos no conflito. O conflito também fez com que muitos karens fugissem da Birmânia para a Tailândia.[8]

Referências

  1. «DKBA appoints new Commander-in-Chief». Mizzima (em inglês). 22 de Abril de 2016 
  2. a b Richard, p. 88
  3. Burma center for Ethnic Studies, Jan. 2012, "Briefing Paper No. 1" http://www.burmalibrary.org/docs13/BCES-BP-01-ceasefires(en).pdf
  4. «Myanmar Peace Monitor: Stakeholders - DKBA-5» 
  5. Patrick Winn (13 de Maio de 2012). «Myanmar: ending the world's longest-running civil war». Pittsburgh Post-Gazette 
  6. Callahan M.P., Making Enemies. War and Statebuilding in Burma. Cornell University Press (Ithaca/London, 2013)
  7. South, A., "Burma’s Longest war. Anatomy of the Karen conflict." Transnational Institute and Burma Center Netherlands: Amsterdam, 2011, p. 6
  8. South, Burma’s Longest war. p. 10 and Shirley L. Worland, "Displaced and misplaced or just displaced: Christian Displaced Karen Identity after Sixty Years of War in Burma" PhD. Philosophy at The University of Queensland, March 2010, p. 23
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Karen conflict».