Igreja Ortodoxa Georgiana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou secção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde junho de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
A Catedral de Sameba em Tbilisi, sede do Patriarca da Igreja Ortodoxa Georgiana.

A Igreja Ortodoxa Georgiana (oficialmente Igreja Ortodoxa Autocéfala Apostólica Georgiana; em georgiano: საქართველოს სამოციქულო მართლმადიდებელი ავტოკეფალური ეკლესია, transl. sakartvelos samocikulo martlmadidebeli avtok'epaluri ek'lesia) é uma igreja autocéfala cristã de comunhão ortodoxa.1 Desde o século IV d.C. a ortodoxia georgiana tem sido a religião estatal da Geórgia, e continua a ser a principal instituição religiosa do país.

A Constituição da Geórgia reconhece o papel especial desempenhado pela Igreja Ortodoxa Georgiana na história do país, porém também estipula a separação entre Igreja e Estado. As relações entre ambas as instituições são regulamentadas por um acordo constitucional de 2002.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Metropolitan Anania (Japaridze). "Christianity in Georgia".- in It is Georgia (coleção de artigos), Tbilisi, 2003, pp. 115–126 (em georgiano)
  • Zakaria Machitadze. The Lives of the Georgian Saints, traduzido para o inglês em 2002, Saint Herman Press.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.