Lo que el cielo no perdona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lo que el cielo no perdona
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Criador(es) Alfonso Cremata
Salvador Ugarte
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Julio Castillo
Produtor(es) Fernando Chacón
Elenco ver
Exibição
Emissora de televisão original México Canal de las Estrellas
Transmissão original 1982
Cronologia
Infamia

Lo que el cielo no perdona é uma telenovela mexicana produzida por Fernando Chacón para a Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas em 1982.[1]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Toño é um simpático menino órfão que, junto a seu fiel cachorro Simón decide viajar a grande cidade, pois descobre que ali vive seu verdadeiro pai, e que na realidade não é órfão. Descobre que este é um homem muito rico mas que está muito doente. Seus malvados parentes sabem que o menino herdará tudo quando o pai morra, por isso que ao chegar a casa de seu pai estes o tratam muito mal e o fazem passar por filho da empregada , mas a todo custo querem desfazer-se dele. Mas Toño encontrará apoio e carinho em Isabel, uma jovem que o cuida e o protege como se fosse seu próprio filho. Marcelo é um homem que também trata mal ao menino, mas ao se apaixonar por Isabel, ele muda de atitude. O pai de Toño morre e Marcelo descobre que os parentes querem sequestrar o menino. Ali o defende e o tira da casa, mas isto provoca que Marcelo seja o sequestrado e termina morto. Toño fugirá junto a Isabel e Simón mas depois de tantas desgraças finalmente recuperará o que lhe pertence.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Lo que el cielo no perdona, telenovela». Univisión. Consultado em 2 de janeiro de 2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]