Extraños caminos del amor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Extraños caminos del amor
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Criador(es) Fernanda Villeli
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Alfredo Saldaña
Produtor(es) Ernesto Alonso
Elenco ver
Tema de abertura "Extraños caminos del amor", por José Roberto
Exibição
Emissora de televisão original México El Canal de las Estrellas
Transmissão original 1981
Cronologia
Aprendiendo a amar
Vanessa

Extraños caminos del amor é uma telenovela mexicana, produzida pela Televisa e exibida pelo El Canal de las Estrellas em 1981[1].

Foi protagonizada por Helena Rojo e José Roberto e antagonizada por Alfredo Leal, Magda Guzmán, Lucy Tovar, Gastón Tuset, René Casados, Antonio Valencia, Angélica Chaín, Gloria Mayo e Margo Su.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Isabella é uma jovem tímida que dedicou sua vida ao cuidado de sua mãe doente. Um dia, na Igreja, ele vê um homem e imediatamente percebe que seu príncipe chegou azul. O homem é o empresário Samuel Guerra e ele também é atraído pela mulher reservada. Abrandado pela morte de sua mãe, Isabella aceita impulsivamente a proposta de casamento de Samuel e se casa, ignorando o passado e a família alienada de seu marido.

A caminho da lua de mel, Samuel sofre um acidente que o deixa paralisado por toda a vida. De lá, ele se torna um homem amargo e leva sua virgem esposa para viver em sua sinistra mansão, onde seus ambiciosos parentes que só querem sua fortuna recebem com suspeita. Aquele que mais odeia Isabella é sua cunhada, Antonia. Esta mulher nunca perdoou seu irmão por matar seu amante, o pai de Carlos, seu filho ilegítimo. Carlos e Isabella se apaixonam, mas ele luta muito insegura contra esse sentimento atacando-a com sua arrogância. E quando Samuel aparece morto, todos são suspeitos do crime, incluindo Isabella, que terá que lutar contra seus parentes malignos que, a toda costa, querem herdar a fortuna de Samuel.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Extraños caminos del amor». Univisión. Consultado em 3 de novembro de 2017. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]