Mañana es primavera

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Mañana es primavera
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Criador(es) Juan Gene
Norberto Vieyra
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Sergio Jiménez
Produtor(es) Silvia Pinal
Elenco ver
Tema de abertura "Memo Méndez Guiu"
Exibição
Emissora de televisão original México El Canal de las Estrellas
Transmissão original 4 de outubro de 1982 - 4 de fevereiro de 1983
N.º de episódios 90
Cronologia
Vanessa
El maleficio

Mañana es primavera é uma telenovela mexicana produzida por Silvia Pinal para a Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas entre 4 de outubro de 1982 e 4 de fevereiro de 1983.[1]

Foi protagonizada por Silvia Pinal, Gustavo Rojo e Ramiro Oliveros e antagonizada por Lizzeta Romo.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Amanda é uma mulher de meia idade e de família acomodada que se vê obrigada a refazer sua vida logo que seu marido Alfredo a deixa por uma mulher mais jovem, Alicia, que só busca seu dinheiro. Amanda com o objetivo de superar sua pena busca um psicoanalista. Durante esse processo conhece a Rodrigo, um jovem artista idealista que se apaixona por ela. No entanto, Alfredo quando descobre as verdadeiras intenções de sua amante, rompe com ela e busca reconquistar a Amanda.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio TVyNovelas 1983[editar | editar código-fonte]

Categoria Indicado(a) Resultado
Melhor telenovela Silvia Pinal Indicado
Melhor atriz protagonista Silvia Pinal Venceu
Revelação masculina Rafael Sánchez-Navarro Venceu

Referências

  1. «Mañana es primavera, telenovela». Univisión. Consultado em 2 de janeiro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]