Cicatrices del alma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cicatrices del alma
Cicatrizes da Alma (BR)
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Criador(es) Eric Vonn
Liliana Abud
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Alfredo Gurrola
Produtor(es) Eugenio Cobo
Elenco ver
Tema de abertura "Perdóname", por Erika Buenfil
Exibição
Emissora de televisão original México Canal de las Estrellas
Transmissão original 29 de setembro de 1986 - 25 de março de 1987
N.º de episódios 128
Cronologia
Marionetas
Como duele callar
Programas relacionados Piel de otoño

Cicatrices del alma é uma telenovela mexicana produzida por Eugenio Cobo para a Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas entre 29 de setembro de 1986 e 25 de março de 1987[1].

Foi protagonizada por Norma Herrera e Germán Robles e antagonizada por Gregorio Casal.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Elvira é uma infeliz mulher que tem suportado durante anos o maltrato e a humilhação de seu cruel marido Octavio, além de sofrer o desprezo de seus mal agradecidos filhos Lucila e Alfredo. Isto ha provocado que com o tempo Elvira se converta numa mulher frágil e insegura. Mas a vida lhe dará uma nova oportunidade para ser feliz, quando receba uma milionária herança e lhe abra as portas para um novo amor.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio TVyNovelas de 1987[editar | editar código-fonte]

Categoria Indicado(a) Resultado
Melhor atriz protagonista Norma Herrera Indicado
Melhor ator antagonista Gregorio Casal Indicado
Melhor revelação feminina Magda Karina Indicado
Melhor escritor Eric Vonn e Liliana Abud Indicado

Referências

  1. «Cicatrices del alma, telenovela». Univisión. Consultado em 2 de janeiro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]