Paloma Duarte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Paloma Duarte
Nome completo Paloma Marcos Sanches Silva
Nascimento 21 de maio de 1977 (39 anos)
São Paulo,  São Paulo
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação Atriz
Atividade 1988–presente
Cônjuge Renato Lui (1993-1995)
Marcos Winter (1997-2003)
Oswaldo Montenegro (2003-2009)
Bruno Ferrari (2012-presente)

Filhos: Maria Luiza Lui, Ana Clara Winter, e Antonio Ferrari

IMDb: (inglês)

Paloma Duarte nome artístico de Paloma Marcos Sanches Silva[1] (São Paulo, 21 de maio de 1977) é uma atriz brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filha da atriz Débora Duarte com o cantor e compositor Antônio Marcos, neta da atriz Marisa Sanches e do ator Lima Duarte, e também é meia-irmã da atriz Daniela Duarte e da cantora Aretha Marcos.

É mãe de Maria Luiza do seu casamento com o cantor Renato Lui e Ana Clara do seu casamento com o ator Marcos Winter e de "Antonio" nascido no dia 28 de abril de 2016, fruto de seu casamento com o ator Bruno Ferrari.

Com apenas dezoito anos, Paloma posou nua para a revista Playboy em abril de 1996.

Foi na telenovela Terra Nostra, de Benedito Ruy Barbosa, que mãe e filha representaram os mesmos papéis da vida real. Paloma e Débora também contracenaram juntas a série Grande Pai, exibida pelo SBT em 1990.

Em 2003 foi a mimada Marina da novela Mulheres Apaixonadas na Rede Globo, uma das co-protagonistas fazendo um triângulo amoroso ao lado de Rodrigo Santoro e Camila Pitanga.

No final de 2005, assina contrato com a Rede Record de televisão e ganha sua primeira protagonista na novela Cidadão Brasileiro, exibida no ano de 2006. Seu personagem é a mimada Luiza Salles Jordão, apaixonada pelo cidadão brasileiro Antonio Maciel, interpretado pelo ator Gabriel Braga Nunes, seu par mais constante em novelas. Juntos atuaram em  Terra Nostra na rede Globo de televisão, Cidadão Brasileiro e posteriormente Poder Paralelo também na Rede Record.  Outra grande parceria de Paloma, seria o autor de Cidadão Brasileiro, Lauro Cesar Muniz que  a colocou  como protagonista em suas próximas novelas na Rede Record. Depois de Cidadão, Paloma ainda interpretaria mais dois personagens que Lauro criaria para ela:  Em 2009 na novela Poder Paralelo, ela daria vida a atriz Fernanda Lyra, onde formaria um triângulo amoroso com Gabriel Braga Nunes (Tony Castellamare) e Mirian Frelland (Lígia Brandão) e em 2012 ela ganharia a personagem Elisa Rainha, apaixonada por Otávio, interpretado por Fernando Pavão, na novela Máscaras.

Entre 2013] e 2014 interpretou Dorotéia, uma bicheira ninfomaníaca em Pecado Mortal.[2]

Após uma década, Paloma não renovou seu contrato com a Rede Record.[3]

Política[editar | editar código-fonte]

A atriz contrapôs sua colega Regina Duarte durante a campanha eleitoral à presidência da república em 2002. No programa de Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, Paloma contestou as afirmações feitas por Regina de que com a eleição do petista "o Brasil corria o risco de perder toda a estabilidade que já fora conquistada".[4] "Um candidato que precisa aterrorizar a população brasileira não merece o meu respeito, a minha confiança e não mereceria jamais ser presidente da República", disse Paloma durante o programa do PT. Ela afirmou ainda que se sentiu "revoltada" com a declaração de Regina Duarte.[5]

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Já namorou o ator Gabriel Braga Nunes, com quem já contracenou em três novelas e já foi casada com o cantor Oswaldo Montenegro. Atualmente está casada com o ator Bruno Ferrari.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
1988 Armação Ilimitada Joana[6]
1991 Grande Pai Ana
1993 Renascer Teresa Cristina (Teca)
1994 Tropicaliente Amanda Velasquez
1996 O Fim do Mundo Letícia Socó
Anjo de Mim Maria Elvira
1998 Hilda Furacão Leonor
Você Decide (ep: A Volta Por Cima)
Pecado Capital Vilma Lisboa (Vilminha)
1999 Terra Nostra Angélica Telles de Aranha
2001 Porto dos Milagres Dulce Ferraço
Os Normais Roberta (ep: Grilar é Normal)
2003 Mulheres Apaixonadas Marina Ferreira Lobo
2004 Começar de Novo Carmem Nóbrega
2006 Cidadão Brasileiro Luíza Sales Jordão
2007 Luz do Sol Verônica Mendonça
200910 Poder Paralelo Fernanda Lira
2012 Máscaras Luiza/ Nameless/ Eliza Rainha/ Liz
2013 Se Eu Fosse Você Clarice
201314 Pecado Mortal Dorotéia Samira Ashcar
2015 Se Eu Fosse Você 2 Clarice[7]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
1999 Zoando na TV Aurora / Monique
2001 A Partilha Laura [8]
2003 Deus É Brasileiro Madá
2005 2 Filhos de Francisco Zilú
2006 Muito Gelo e Dois Dedos d'Água Suzana
2010 Léo e Bia Marina
2011 Teus Olhos Meus Ama Leila

Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Título
1986 Zé Adulto, Zé Criança[9]
2011 O Gato Branco[10]
2013 Espelhos Paralelos[11]

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Trabalho Resultado Ref
2006 Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Melhor Atriz Coadjuvante 2 Filhos de Francisco Venceu [12]
2009 Prêmio Extra de Televisão Melhor Atriz Poder Paralelo Indicado [13]
Prêmio Qualidade Brasil Melhor Atriz Indicado [14]
2010 Cine PE Melhor Atriz Léo e Bia Venceu [15]
2011 Festival de Cinema de Los Angeles Melhor Atriz Teus Olhos Meus Venceu [16]

Referências

  1. Conheça os nomes reais dos famosos Terra
  2. Daniel Castro (04 de Abril de 2013). «Paloma Duarte se despede das mocinhas com mafiosa 'tarada'». R7. Consultado em 04 de Abril de 2013  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  3. «Após uma década, Paloma Duarte não renovará seu contrato com a Record». NaTelinha. Consultado em 24 de março de 2015 
  4. «Correio Braziliense - 17 de outubro de 2002». Consultado em 24 de janeiro de 2008 
  5. «Folha Online - 16 de outubro de 2002». Consultado em 24 de janeiro de 2008 
  6. «Armação Ilimitada marcou a estréia na TV de Paloma Duarte, aos 12 anos interpretando "Joana", namorada de Bacana». Uol. Consultado em 30 de março de 2017 
  7. «'Se eu fosse Você 2', a série, estreia em 17/7». Cultura Estadão. 23 de maio de 2015. Consultado em 30 de março de 2017 
  8. Cinemateca Brasileira, A Partilha [em linha]
  9. «Paloma Duarte estreou no teatro aos 9 anos, no infantil Zé Adulto, Zé Criança». Terra. 20 de dezembro de 1999. Consultado em 30 de março de 2017 
  10. «Paloma Duarte estreia 'O Gato Branco' ao lado de Bruno Ferrari». Caras. 24 de outubro de 2011. Consultado em 30 de março de 2017 
  11. «Atrizes Daniela Galli e Paloma Duarte, na peça Espelhos Paralelos, de Lauro César Muniz com direção de Bárbara Bruno». R7. 19 de novembro de 2013. Consultado em 30 de março de 2017 
  12. «'Cinema, aspirinas e urubus' é o maior vencedor do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro». O Globo. 23 de abril de 2007. Consultado em 30 de março de 2017 
  13. «Paloma Duarte concorre a prêmio que elege os melhores da TV». Folha Vitória. 11 de novembro de 2009. Consultado em 30 de março de 2017 
  14. «Categoria Televisão - 2009 - Prêmio Arte Qualidade Brasil». Prêmio Arte Qualidade Brasil. 2009. Consultado em 30 de março de 2017 
  15. «Paloma Duarte recebeu o prêmio de melhor atriz pelo musical Léo e Bia, de Oswaldo Montenegro (RJ)». Correio Brazilense. 3 de maio de 2010. Consultado em 30 de março de 2017 
  16. «Noite de premiação do 4º Los Angeles Brazilian Film Festival». Jornal Agora. 23 de abril de 2011. Consultado em 30 de março de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Paloma Duarte