Pneumonia atípica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pneumonia atípica
Enquanto a pneumonia típica se concentra em um lóbulo, a atípica inicialmente possui focos mais dispersos.
Classificação e recursos externos
CID-10 J18.9
CID-9 483
DiseasesDB 1132
MedlinePlus 000079

Pneumonia atípica se refere a qualquer infecção pulmonar não causada pelos agentes mais comuns (Streptococcus pneumoniae, Haemophilus influenzae ou Moraxella catarrhalis), mas ainda assim adquirida na comunidade (comunidade, nesse caso se opõe às pneumonias adquiridas no ambiente hospitalar, chamada nosocomial). O termo foi cunhado na década de 30, para se referir às pneumonias com sintomas mais leves, que aparecem mais dispersas em um raio X de tórax e não respondem aos tratamentos típicos com betalactâmicos ou sulfonamidas.[1]

Causas[editar | editar código-fonte]

Dentre as bactérias pode ser causada por Mycoplasma pneumoniae, Chlamydia pneumoniae, Chlamydophila psittaci (= Chlamydia psittaci), Legionella pneumophila ou Coxiella sp.[2] Somadas respondem por cerca de 30% dos casos de pneumonia. Cada uma tem suas peculiaridades[3]:

Também podem incluir as pneumonias virais, que representam cerca de 5% das pneumonias, e podem ser causadas por influenza vírus, adenovírus, vírus sincicial respiratório, vírus parainfluenza humana, sarampo, varicela zoster ou hantavírus. [3]

Todas são transmitidas pelo ar em gotículas de saliva. O período de incubação geralmente é maior (por volta de 10-20 dias). Sao mais comuns em fumantes, idosos, imunodeprimidos e em países frios. Epidemias ocorrem a cada 3-5 anos, principalmente em aglomerados populacionais como asilos, quarteis, escolas e prisões. [3]

Sinais e sintomas[editar | editar código-fonte]

Variam dependendo do agente, mas tendem a ser mais leves que os da pneumonia típica. Os mais comuns são[4]:

  • Tosse pouco produtiva
  • Febre leve ou moderada
  • Falta de ar após esforço
  • Dor no peito que piora ao respirar profundamente ou ao tossir
  • Dor de cabeça
  • Perda de apetite
  • Cansaço / falta de energia
  • Dores musculares e rigidez
  • Suor e calafrios
  • Idosos podem sentir tontura

Tratamento[editar | editar código-fonte]

Depende do agente causador, as bactérias gram-negativas geralmente podem ser tratadas com[5]:

Se não tratadas podem invadir outros tecidos causando meningite, encefalite ou pleurite.

Referências

  1. Walter C, McCoy MD (1946). "Primary atypical pneumonia: A report of 420 cases with one fatality during twenty-seven month at Station Hospital, Camp Rucker, Alabama". Southern Medical Journal 39 (9): 696. doi:10.1097/00007611-194609000-00005.
  2. http://www.cdc.gov/pneumonia/atypical/
  3. a b c http://bestpractice.bmj.com/best-practice/monograph/18/basics/epidemiology.html
  4. https://www.nlm.nih.gov/medlineplus/spanish/ency/article/000079.htm
  5. http://www.cdc.gov/pneumonia/atypical/chlamydophila.html