TV Anhanguera Palmas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde julho de 2015). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
TV Anhanguera Palmas
Centro Norte de Comunicação Ltda.
TV Anhanguera Palmas
Palmas, Tocantins
Brasil
Tipo Comercial
Canais Digital: 23 UHF
Virtual: 11 PSIP
Outros canais 23 UHF / 11.1 Virtual (Distrito de Taquaralto)
ver mais
Analógico:
24 UHF (2005-2009)
11 VHF (2009-2018)
Sede Bandeira de Palmas.svg Palmas, TO
Avenida NS 02, Conj. 2 - 102 Norte
MAPA
Slogan Evoluindo com você
Rede Rede Anhanguera (Globo)
Fundador Jaime Câmara Júnior
Pertence a Organização Jaime Câmara
Proprietário Jaime Câmara Júnior
Presidente Cristiano Roriz Câmara
Fundação setembro de 2005 (13 anos)
CNPJ 01.755.356/0001-06
Prefixo ZYA 582
Cobertura Microrregiões de Jalapão, Porto Nacional, Miracema do Tocantins e parte das microrregiões do Gurupi e Rio Formoso
Potência 1,45 kW
Página oficial redeglobo.globo.com/tvanhanguera

TV Anhanguera Palmas é uma emissora de televisão brasileira sediada em Palmas, capital do estado do Tocantins. Opera no canal 11 (23 UHF digital), e é afiliada à Rede Globo. É a geradora da Rede Anhanguera para o estado do Tocantins desde sua fundação em setembro de 2005, gerando sua programação para 22 municípios e também para as outras duas emissoras da rede no estado em Araguaína e Gurupi.

História[editar | editar código-fonte]

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Com a divisão do estado de Goiás em 1º de janeiro de 1989, sendo criado o estado do Tocantins no que era o antigo norte do estado, as emissoras da Rede Anhanguera existentes naquela região, TV Rio Formoso de Gurupi e TV Anhanguera de Araguaína, passaram a gerar sua programação para a nova região, sendo que a emissora de Gurupi, por estar geograficamente próxima da capital provisória, Miracema do Tocantins, tornou-se a cabeça de rede para o novo estado.

Durante a construção da capital Palmas, a TV Rio Formoso instalou uma repetidora na localidade ainda em 1989, pelo canal 11 VHF. Em 1995, com a capital já pronta, a Organização Jaime Câmara instalou uma sucursal da emissora em uma galeria comercial, onde funcionavam precariamente um departamento comercial e outro de jornalismo.

Em outubro de 2000, a concessão do canal 11 VHF foi repassada para o político Siqueira Campos, que veio a fundar a TV Jovem no mesmo ano. Com isso, a retransmissora da TV Rio Formoso passou a transmitir pelo canal 24 UHF.

2005 a 2009[editar | editar código-fonte]

Apenas em setembro de 2005, a Organização Jaime Câmara veio a inaugurar sua nova e espaçosa sede na quadra 102 Norte, sendo criada assim, a TV Anhanguera Palmas, além da transferência dos escritórios da OJC da antiga sucursal para o novo prédio, bem como a incumbência da geração da programação estadual, que passava da então TV Rio Formoso para a nova emissora.

Como o canal 24 era uma retransmissora vinculada à emissora de Gurupi, a OJC compra de Siqueira Campos, em abril de 2007, a concessão do canal 11 VHF,[1] o canal da antiga retransmissora da TV Rio Formoso, e em 16 de março de 2009, migra do canal 24 UHF para o 11 VHF. O canal 24 UHF fica transmitindo por mais uma semana até sair definitivamente do ar em 22 de março.

Década de 2010[editar | editar código-fonte]

Em 24 de outubro de 2012, a Rede Anhanguera lançou, durante o Jornal Anhanguera 1ª edição a sua nova logomarca, que possui traços semelhantes aos da Rede Globo. Na ocasião, as emissoras da rede no interior do estado de Goiás seguiram o exemplo das emissoras tocantinenses e da emissora de Goiânia, passando a adotar a nomenclatura TV Anhanguera.[2]

Sinal digital[editar | editar código-fonte]

PSIP Canal Proporção de tela Programação
11.1 23 UHF 1080i Programação principal da TV Anhanguera Palmas / Globo

A emissora lançou o seu sinal digital pelo canal 23 UHF em 1º de agosto de 2010, se tornando a primeira emissora da cidade a transmitir na nova tecnologia, e no mesmo dia em que foram lançados também os sinais digitais da TV Rio Vermelho e TV Tocantins.[3] Em 9 de fevereiro de 2015, os telejornais e programas da emissora passaram a ser exibidos em alta definição.

Transição para o sinal digital

Com base no decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a TV Anhanguera Palmas, bem como as outras emissoras de Palmas, cessou suas transmissões pelo canal 11 VHF em 14 de agosto de 2018, seguindo o cronograma oficial da ANATEL.[4] O sinal foi cortado às 23h59, durante o Jornal da Globo, e foi substituído pelo aviso do MCTIC e da ANATEL sobre o switch-off.

Programação[editar | editar código-fonte]

  • Bom Dia Tocantins: Telejornal, com Munyque Fernandes e Leandro Santiago;
  • Jornal Anhanguera 1ª edição (JA1): Telejornal, com Sydney Neto;
  • Globo Esporte TO Jornalístico esportivo, com Marilia Randam;
  • Jornal Anhanguera 2ª edição (JA2): Telejornal, com Cassiano Rolim;
  • Jornal do Campo: Jornalístico, com Maycon Paiva;

Com sua criação em 2005, a emissora passou a ser responsável pela geração dos programas jornalísticos da Rede Anhanguera para o Tocantins, função que era da TV Rio Formoso desde a criação do estado em 1989. Com isso, a emissora passou a produzir as versões tocantinenses do Bom Dia Tocantins, Jornal Anhanguera, Jornal do Campo, o bloco local do Globo Esporte, além de retransmitir o Frutos da Terra gerado pela TV Anhanguera em Goiânia.

Em 16 de março de 2009, mesmo dia em que passou a transmitir pelo canal 11 VHF, a emissora estreou novos cenários para seus telejornais, adotando o mesmo padrão dos telejornais locais da Rede Globo.

Em 20 de dezembro de 2012, com cinco anos de atraso, a emissora lançou novos estúdios para o Bom Dia Tocantins e o Jornal Anhanguera. Os novos cenários deram um tom informal aos telejornais, que passaram a ser apresentados de pé e com o deslocamento dos âncoras pelo cenário. Em 28 de junho de 2013, a emissora lançou as versões locais do G1 e do globoesporte.com, onde passaram a ser divulgadas as matérias jornalísticas e os vídeos dos programas da TV Anhanguera.[5]

Em 13 de agosto de 2018, os telejornais da emissora tocantinense ganharam novos pacotes gráficos, trilhas e vinhetas no mesmo estilo das filiais da Globo e da TV Anhanguera em Goiás.

Sinal[editar | editar código-fonte]

As cidades de Miracema do Tocantins, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional conseguem a recepção do sinal digital da emissora vindo da torre em Palmas, embora o mesmo não aconteça com o sinal analógico devido a baixa potência do transmissor. Palmas conta ainda com um gap-filler pelo canal 3 VHF no distrito de Taquaralto, no sul da cidade.

Referências

  1. Flávio Ricco (Canal 1) (3 de abril de 2007). «Troca-troca». O Povo. Consultado em 19 de julho de 2015. 
  2. «TV Anhanguera lança marca nova». Rede Anhanguera. 24 de outubro de 2012. Consultado em 19 de julho de 2015. 
  3. Monteiro, Lúcia (1 de agosto de 2010). «Sinal digital chega hoje a Anápolis, Luziânia e Palmas». O Popular. Consultado em 19 de julho de 2015. 
  4. Higa, Paulo (15 de fevereiro de 2016). «Quando a TV analógica será desligada na sua cidade». Tecnoblog. Consultado em 22 de janeiro de 2018. 
  5. «TV Anhanguera Tocantins lança G1/tocantins e globoesporte.com». G1 - Tocantins. 28 de junho de 2013. Consultado em 19 de julho de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Precedido por
TV Rio Formoso
Canal 24 UHF de Palmas
2005 a 2009
Sucedido por
-
Precedido por
TV Jovem Palmas
(2000 à 2007)
Canal 11 VHF de Palmas
2009 - presente
Sucedido por
-