Waldyr Sant'anna

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Waldyr Sant'anna
Nascimento 26 de novembro de 1936 (80 anos)
Rio de Janeiro,  Rio de Janeiro
 Brasil
Ocupação ator e dublador
Atividade 1958–presente
Cônjuge Marize Motta

Waldyr Sant'anna (Rio de Janeiro, 26 de novembro de 1936; às vezes conhecido como Waldir Santana) é um ator e dublador brasileiro. Ele é atualmente um dos grandes nomes da dublagem brasileira.

Veterano da área, imortalizou pela voz dublando personagens como Homer Simpson em Os Simpsons[1][2], Stan Laurel, Eddie Murphy[3] e Hacker em CyberChase.

Participou, também, de várias telenovelas tais Água-Viva, Rosa Baiana, Sol de Verão, Guerra dos Sexos, O Salvador da Pátria, Suave Veneno, Roque Santeiro, de Dias Gomes, interpretando Terêncio[4], capataz de Sinhozinho Malta (Lima Duarte), em Baila Comigo como Jandir, na minissérie Sex Appeal como Jonas, em Corpo a Corpo como Agildo e em 2007 fez uma participação especial na novela Sete Pecados, onde interpretou um juiz de boxe. Waldyr também já participou de vários programas da Globo, como Linha Direta, o seriado Mulher e o seriado infanto-juvenil Sítio do Picapau Amarelo, durante a década de 80 interpretando o "Vidro Azul". O ator também é formado em Direito.

É casado com a dubladora Marize Motta, um filho Waldyr Sant'anna Júnior.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Waldyr Sant'Anna começou a carreira em São Paulo em 1956 como Locutor e Disque Jóquei na Rádio Excelsior, também trabalhou na Radio Nacional de São Paulo. Depois foi para a Tv Paulista, por trabalhar na Radio Nacional que era das organizações Victor Costa, dona também da Tv Paulista, e lá fez entre tantos trabalhos muitos Tele Dramas.

Em 1964 volta para o Rio aonde foi trabalhar nas Rádios, Agencia Nacional, Mauá, Continental, Jornal do Brasil, entre outras, alem disso também foi Assessor da Direção da Rádio Nacional do Rio.

Na dublagem começou em 1958 em São Paulo, tendo se afastado um tempo para se dedicar apenas ao Rádio e a Televisão, tendo voltado para a dublagem em 1966 quando já estava no Rio a 2 anos, entrando nas empresas Tv Cinesom e CineCastro.

Na CineCastro fez um papel muito famoso na época, que foi o pato Patolino na CineCastro. Também foi para outras empresas como Herbert Richers, Vti, Audionews, Cine Vídeo, entre outras.

Em sua carreira na dublagem, Waldyr sempre dublou de tudo um pouco, mais podemos citar o seu trabalho no cinema dublando muitos atores de Hollywood, como Eddie Murphy, William Shatner, e Stan Laurel em vários filmes, -Louis Gossett Jr. em Juízo Final e Rebeldes e Heróis, Ving Rhames em Eu Os Declaro Marido e... Larry e Missão Impossível 2, Kirk Douglas em Chaga de Fogo e Duelo de Titãs, Danny Glover em Pescando Confusão e Vamos Pescar, entre outros.Em outros filmes famosos com atores conhecidos ou não Waldyr fez Frank Bryce interpretado por Eric Sykes em Harry Potter e o Cálice de Fogo, Warden Hal Moores interpretado por James Cromwell em À Espera de Um Milagre, Monsier Le Pelt interpretado por Gérard Depardieu em 102 Dálmatas, Rio interpretado por Robert Taylor em A Bela e o Renegado, Tigre dublado originalmente por Albert Brooks em Doutor Dolittle, Detetive Nordberg interpretado por O.j. Simpson em Corra Que a Polícia Vem Ai! e Corra Que a Polícia Vem Ai 2 1/2, Arthur Stanhope interpretado por John Bennett Perry em George - O Rei da Floresta, Tom Elder interpretado por Dean Martin em Os Filhos de Katie Elder, Brigadeiro-General Francis X. Hummel interpretado por Ed Harris em A Rocha, entre outros.

Em desenhos Waldyr imortalizou muitos clássicos como a voz do Homer Simpson até a 7° temporada[5], e da 15° até o episódio 6 da 18° temporada em Os Simpsons, no qual foi seu trabalho mais famoso, também fez o Narrador e personagens secundários em Sheep na Cidade Grande, a primeira voz do avô de Ben, Maxwell Tenyson em Ben 10, Rock Bottom em O Gato Félix, Doutor Paul Williams em Laboratório Submarino 2020, Peter Potamus em A Arca do Zé Colméia, Nagatomi Rikiei em Samurai Champloo, Okyoko na segunda dublagem de Yu Yu Hakusho, entre outros.

Em séries Waldyr também teve uma participação importante, como a segunda voz do Ministro interpretado por Bill Cobbs e Todd interpretado por Todd Lynn em Eu, A Patroa e As Crianças, Detective Drummer interpretado por Barry Shabaka Henley em Em Nome da Justiça, George Feeny interpretado por William Daniels em O Mundo é Dos Jovens, Doutor Harold Samuels interpretado por William G. Schilling em Uma Turma Genial, Tenente Theo Kojak interpretado por Ving Rhames em Kojak (2006), Engenheiro Montgomey Scott interpretado por James Dooham na segunda dublagem de Jornada nas Estrelas, San Dorba interpretado por Ken Nishida e Boiser interpretado por Shinichi Chiba em Policial do Espaço Gavan, Saperstein interpretado por Mark Russell em Kojak (1976), entre outros.

Waldyr era diretor de dublagem nos estúdios VTI e Audio Corp. Entre seus trabalhos de direção estão os filmes Filhos da Esperança, Os Melhores Dias de Nossas Vidas, Ressaca de Amor, Entre Amigos, Jornada Nas Estrelas - A Nova Geração, Arquivo X, a segunda dublagem de A Ilha da Fantasia, entre outros.

Em começo de 2004, Waldyr Sant'Anna voltou para a Herbert Richers, no qual tinha saído em 4 de Março de 1978, tendo ficado mais de 25 anos sem trabalhar na empresa, voltando a casa, e ao personagem Homer Simpsons, também depois de muitos anos sem dublá-lo, volta essa que foi realizada graças ao diretor Mário Jorge de Andrade.

Em 2007 Waldyr Sant'Anna deixou de dublar o Homer depois de uma briga com a Fox sobre direitos autorais, e foi substituído por outro dublador.[6]

Waldyr é considerado um dos maiores dubladores de todos os tempos, e um excelente dublador quando o assunto é comédia.

Waldyr Sant'Anna trabalha até hoje em dublagem, dirigindo e dublando.

Lista de trabalhos[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. https://omelete.uol.com.br/series-tv/noticia/homer-simpson-perde-o-seu-dublador-no-brasil/
  2. http://www2.uol.com.br/ohayo/v2.0/dublagem/jan04_retrodublagem.shtml
  3. http://www.musitec.com.br/revistas/?c=621
  4. http://canalviva.globo.com/novelas/roque-santeiro/materias/sinhozinho-malta-contrata-capangas-para-matar-roque.htm
  5. http://www1.folha.uol.com.br/fsp/1997/12/21/tv_folha/15.html
  6. http://cultura.estadao.com.br/noticias/televisao,orfaos-de-dubladores,33237
  7. https://medium.com/revista-bravo/spacca-por-spaca-817519622eb4