Aeroporto Internacional de Porto Velho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde janeiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Airport symbol.svg Este aeroporto precisa ser adaptado aos critérios do Projeto Aeroportos do Brasil.
Você pode ajudar a Wikipédia editando-o.
Aeroporto Internacional de
Porto Velho — Belmont
Governador Jorge Teixeira de Oliveira.
Aeroporto de Porto Velho2.jpg
IATA: PVH - ICAO: SBPV
Tipo Público
Administração Infraero
Serve Porto Velho, Rondônia, Brasil.
Localização Não disponível
Inauguração 1973


Altitude 88 m (289 ft)
Movimento em 2012 1.050.596 passageiros
20.944 aeronaves
Capacidade anual 920.000 passageiros
Website oficial Página oficial
Pistas
Cabeceiras Comprimento Superfície
01/19 2 400 m (7 874 ft) Asfalto

O Aeroporto Internacional de Porto Velho — Governador Jorge Teixeira de Oliveira (IATA: PVHICAO: SBPV) é o principal complexo aeroportuário do Estado brasileiro de Rondônia. Localizado na capital Porto Velho, o terminal é distante cerca de sete quilômetros do centro da cidade.

Passou à condição de aeroporto internacional em fevereiro de 2002, estando localizado a 88 metros de altitude. Segundo dados de 2012, o aeroporto de Porto Velho é o 3º mais movimentado da Região Norte e o 26º no ranking nacional.[1] Com fácil acesso no bairro do Belmont, o aeroporto é servido pelas Avenidas Gov. Jorge Teixeira de Oliveira e Lauro Sodré. O complexo opera mais de 250 voos domésticos semanais pelas companhias aéreas Avianca Brasil, Gol, Tam, Azul e Trip.

As empresas de táxi aéreo baseadas no aeroporto são: Especial Táxi Aéreo, Assis Táxi Aéreo e Rima Táxi Aéreo. Todas operam com aeronaves monomotores e multimotores de pequeno porte, que fazem voos de fretamento para toda a região. A presença da Base Aérea de Porto Velho garante uma considerável movimentação de aeronaves militares. Vários ônibus para o aeroporto partem do centro de uma em uma hora, e há uma cooperativa de táxi que presta serviços exclusivamente para o aeroporto.

O aeroporto leva o nome em homenagem ao ex-Governador de Rondônia Jorge Teixeira de Oliveira.

História[editar | editar código-fonte]

Área interna do terminal.
Praça de alimentação.

Em meados de 1970, considerando que o aeródromo do Cayari encontrava-se invadido pela malha urbana e as dimensões da pista não comportavam aeronaves de médio porte, foram estudados diversos sítios para a construção do novo aeroporto. A localização foi escolhida pelos seguintes motivos:

  • Solo com formação laterítica oferecendo boas condições de construções de pistas, isto é, qualidade e durabilidade superior.
  • Grande parte da área era devoluta, sem necessidade de indenização.
  • Pequena distância da cidade.
  • Presença de um rio como obstáculo natural, dificultando a invasão da malha urbana e com isso diminuindo as reclamações da comunidade sobre poluição sonora.

Em 1973, o aeroporto contava com pátios das companhias aéreas, check-in, destacamento de proteção ao voo de Porto Velho (DPVPV), uma pista de pouso e decolagem e um canteiro de obras da Comara. Em fevereiro de 1979, a administração do aeroporto foi transferida para a Infraero.

O novo Terminal de Passageiros do Aeroporto de Internacional de Porto Velho, foi inaugurado no segundo semestre de 2002, teve sua denominação através da Lei 10.481, de 03 de julho de 2010, substituindo o antigo Aeroporto de 1976, possuindo equipamentos, instalações modernas, um novo cartão postal da cidade, bem como de lazer e entretenimento.

Companhias Aéreas e Destinos[editar | editar código-fonte]

Companhias Destinos
Brasil AVIANCA Brasília e Cuiabá.
Brasil GOL Belém, Brasília, Campo Grande, Cruzeiro do Sul, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Maringá, Porto Alegre, Rio Branco e São Paulo (Guarulhos).
Brasil MAP[2] Manaus e Lábrea (Autorizado pela Anac).
Brasil TAM Brasília
Brasil TRIP Belo Horizonte-Confins, Cuiabá, Manaus, Rio Branco e São Paulo-Guarulhos.
Brasil Azul[3] Manaus, Cuiabá e Belo Horizonte, MG (CNF)

Vôos cargueiros[editar | editar código-fonte]

Atualmente, operam voos cargueiros no aeroporto as empresas RIO Linhas Aéreas, TAM Cargo e Gollog. A RIO Linhas Aéreas opera voos provenientes de Cuiabá-MT, Brasília-DF e Guarulhos-SP. Já a TAM Cargo, que utiliza os porões das aeronaves da TAM, opera voos provenientes de Brasília-DF, Manaus-AM, Cuiabá-MT e Guarulhos-SP.

Nos anos de 2009 e 2010, a empresa Volga-Dnepr Rússia, utilizando a aeronave Antonov An-124-100, realizou voos charters no aeroporto de Porto Velho, para entrega de helicópteros destinados à BAPV - Base Aérea de Porto Velho.

Base Aérea de Porto Velho[editar | editar código-fonte]

A presença da Base Aérea de Porto Velho garante uma considerável movimentação de aeronaves militares. Com o objetivo de expandir a presença da FAB na Amazônia, a BAPV - Base Aérea de Porto Velho em Rondônia foi ativada no dia 17 de maio de 1984. Operando, inicialmente, com apenas uma aeronave U-7 Embraer Seneca, passou em breve a contar com as aeronaves da 2ª Esquadrilha da 7a ETA, com os C-95 Bandeirante e C-98 Caravan, que aumentaram a capacidade de apoio aos batalhões de fronteira do Exército na região.

Em 1994 a 2ª Esquadrilha foi transformada em uma unidade tática. No ano seguinte, essa esquadrilha foi desativada para dar lugar a criação do 2º/3º GAv Esquadrão "Grifo", servindo como braço armado do SIVAM - Serviço de Vigilância da Amazônia.

Assim como os demais esquadrões do 3º Grupo de Aviação, o Esquadrão Grifo que utilizava os Embraer A-27 Tucano, está começando a receber os novos Embraer A-29 Super Tucano.

Maiores Destinos e Origens[editar | editar código-fonte]

Maiores destinos de voos que saem de Porto Velho*[3]
Rank Cidade 2009 2010
1 Distrito Federal (Brasil) Brasília, Distrito Federal 123.828 160.708 Aumento
2 Amazonas Manaus, Amazonas 62.848 68.614 Aumento
3 Mato Grosso Cuiabá , Mato Grosso 42.736 66.012 Aumento
4 Acre Rio Branco, Acre 20.273 19.091 Baixa
5 São Paulo Guarulhos, São Paulo 10.309 16.765 Aumento
6 Pará Belém, Pará 8.624 6.622 Aumento
7 Minas Gerais Belo Horizonte, Minas Gerais 4.524 6.415 Aumento
8 Paraná Curitiba, Paraná 4.251 5.208 Aumento
9 Rondônia Ji-Paraná, Rondônia 2.579 5.097 Aumento
10 Acre Cruzeiro do Sul, Acre 2.121 4.776 Aumento
11 Ceará Fortaleza, Ceará 2.325 4.460 Aumento
12 Amazonas Lábrea, Amazonas 3.136 2.907 Baixa
13 Minas Gerais Belo Horizonte, Minas Gerais - 2.215 Aumento
Maiores origens de voos que chegam a Porto Velho*[3]
Rank Cidade 2009 2010
1 Distrito Federal (Brasil) Brasília, Distrito Federal 121.039 154.290 Aumento
2 Amazonas Manaus, Amazonas 64.234 70.608 Aumento
3 Mato Grosso Cuiabá, Mato Grosso 44.662 66.977 Aumento
4 Acre Rio Branco, Acre 20.296 18.862 Aumento
5 São Paulo Guarulhos, São Paulo 2.768 11.595 Aumento
6 Pará Belém, Pará 3.438 7.281 Aumento
7 Rondônia Ji-Paraná, Rondônia 3.811 6.925 Aumento
8 Acre Cruzeiro do Sul, Acre 2.158 3.362 Aumento
9 Paraná Curitiba, Paraná 4.429 5.113 Aumento
10 Ceará Fortaleza, Ceará 2.570 3.685 Aumento
11 Minas Gerais Belo Horizonte, Minas Gerais - 2.112 Aumento
12 Amazonas Lábrea, Amazonas 2.686 1.968 Baixa

* Por número de passageiros.

Aeroporto[editar | editar código-fonte]

Movimento Anual[editar | editar código-fonte]

É realizado semanalmente no Aeroporto Internacional de Porto Velho, cerca de 400 pousos e decolagens, sendo cerca de 260 voos domésticos e outros 140 voos de mala postal e carga aérea. São mais de 20 mil passageiros que passam pelo aeroporto semanalmente, cerca de 2,9 mil por dia.[4]

Ano Passageiros % Rank Nacional
2003 186.922 --- 33
2004 233.187 Aumento 24,7% 32
2005 293.895 Aumento 26,0% 34
2006 355.243 Aumento 20,8% 33
2007 391.179 Aumento 10,1% 34
2008 426.470 Aumento 9,0% 31
2009 561.331 Aumento 31,6% 30
2010 716.905 Aumento 27,7% 31
2011 983.812 Aumento 37,2% 28
2012 1.050.596 Aumento 6,8% 26
2013 168.061* Baixa 7,8 %** 24

* Até fevereiro de 2013. ** Comparado com o mesmo período de 2012 (janeiro-fevereiro)

Movimento Mensal de 2013[editar | editar código-fonte]

Mês Total de Passageiros
Janeiro 94.851
Fevereiro 73.210
Total 168.061[4]

Números[editar | editar código-fonte]

  • Sítio aeroportuário

Área: 15.526.860 m²

  • Pátio das aeronaves

Área: 30.250 m²

  • Pista

Dimensões: 2.400 x 45 m

  • Terminal de passageiros

Área: 8.540 m²

  • Estacionamento

Capacidade: 211 vagas

  • Balcões de check-in

Número: 16

  • Estacionamento de aeronaves

Número de posições: 16

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Infraero. Movimento dos Aeroportos Brasileiros. Página visitada em 19 de outubro de 2012.
  2. G1. Anac autoriza nova empresa a realizar voos na Região Norte do Brasil. Página visitada em 22 de agosto de 2012.
  3. a b c Azul Linhas Aéreas quem operar voos em Porto Velho. Página visitada em 17 de abril de 2012.
  4. a b Infraero. Movimentação dos Aeroportos. Página visitada em 26 de fevereiro de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um aeroporto, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.