Akita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Província de Akita
(秋田県)
Mapa
Mapa do Japão com Akita destacado
Informação
Capital Akita
Região Tohoku
Ilha Honshu
Área 11 612,11 km² (6.º)
 - % água 0,7%
População (1 de Janeiro, 2003)
 - Total 1 174 905 (35.º)
 - Densidade populacional 101 hab/km²
Distritos 9
Municípios 69
ISO 3166-2 {{{iso}}}
Website www.pref.akita.jp/e/
Símbolos
Flor (Petasites japonicus)
Árvore Criptoméria
(Cryptomeria japónica )
Ave Faisão de cobre
Phasianus soemmerringii
Mapa da província de Akita

A província de Akita (秋田県; Akita-ken) está localizada na região Tohoku no norte do Japão. A sua capital é Akita.

História[editar | editar código-fonte]

A região de Akita foi criada das antigas províncias de Dewa e Mutsu.[1]

Separada dos principais centros comerciais, políticos e populacionais japoneses por centenas de quilômetros e as Montanhas de Ōu e Dewa pelo leste, Akita permaneceu isolada do resto da sociedade japonesa até depois de 600 d.c. Akita era uma região de caçadores e principalmente de tribos nômades.

O primeiro registro histórico do que é hoje a província de Akita data do ano de 658, quando o Abe no Hirafu conquistou as tribos nativas de Ezo onde ficam hoje as cidades de AKita e Noshiro. Hirafu, então governardor da província de Koshi (a parte noroeste da ilha de Honshu que margeia o Mar do Japão), estabeleceu uma fortaleza no Rio Mogami, e assim começou o assentamento da região.

Em 733, um novo assentamento militar – depois chamado de Castelo de Akita – foi construído onde hoje se localiza a cidade de Takashimizu, e mais ruas e estruturas permanentes foram desenvolvidas. A região era usada como base de operações do Império Japonês após expulsar o povo Ezo do noroeste de Honshu.

Ela mudou de mãos algumas vezes. Durante o Xogunato Tokugawa, foi apropriada pelo clã Satake, que dominou a região por 260 anos, desenvolvendo a agricultura e a indústria de mineração que ainda são predominantes hoje. Durante esse período, foi considerada como uma parte da província de Dewa.[2] Em 1871, durante a Restauração Meiji, a província de Dewa foi reformulada, passando de um domínio Han para a província que permanece até hoje.

O famoso poeta de Waka do Período Heian, Ono no Komachi, supostamente nasceu na cidade de Yuzawa, vila de Ogachi, localizada na região sudeste da província.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localizada na região norte de Honshu, a província de Akita está voltada para o Mar do Japão no oeste e faz fronteira com outras quatro províncias: Aomori no norte, Iwate no leste, Miyagui no sudeste, e Yamagata no sul.

A província de Akita tem uma forma retangular, medindo aproximadamente 181 quilômetros de norte a sul e 111 quilômetros de leste a oeste. As Montanhas de Ou marcam a fronteira a leste da província, e as Montanhas de Dewa correm paralelamente ao centro da província. Assim como a maior parte do norte do Japão, Akita tem invernos frios, principalmente em lugares longe do mar.

A Península de Oga é uma região de destaque no litoral.

Cidades[editar | editar código-fonte]

Em negrito, a capital da prefeitura.

Distritos[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

Assim como a maior parte da região de Tohoku, a economia de Akita permanece dominada pelas indústrias tradicionais, tais como agricultura, pesca e indústria madeireira. Isso levou muitos jovens a migarem para Tóquio e outras cidades grandes. A província de Akita é a que mais sofre com o decréscimo de sua população; é uma das quatro províncias no Japão que registram declínios populacionais desde 1945. Ela também tem a menor porcentagem de crianças em relação a sua população, com 11,2%.[3] Em 2010, tinha uma população de pouco mais de 1 milhão de habitantes.[4]


Cultura[editar | editar código-fonte]

Akita é famosa por sua produção de arroz e sake.[5] É conhecida por ser a maior consumidora de sake do Japão,[6] e por ser onde se originou a raça de cachorro Akita, que leva o nome da província. As mulheres da região, conhecidas como Akita bijin (秋田美人, 'beldades de Akita'?), também ganharam fama por suas peles brancas, faces arredondadas e vozes altas, tudo que é considerado altamente desejado. Ono no Komachi é um famoso exemplo de Akita bijin.

Comida[editar | editar código-fonte]

Casa de um samurai em Kakunodate.


Turismo[editar | editar código-fonte]

Nas redondezas do Lago Tazawa, há um gande número de fontes de águas termais (onsen) que são muito populares entre os turistas de todo o Japão.

A província proporciona ainda um conjunto de festas sazonais (matsuri) representativas das tradições rurais japonesas. Alguns exemplos famosos são o Akita Kanto, o Festival de fogos de artifício Omagari, o Festival de Namahage e o Festival de Yokote Kamakura.

Kakunodate é uma antiga vila, conhecida como pequena Quioto, muito apreciada pelas casas de samurais bem preservadas. A casa Aoyagi é a antiga residência de Odano Naotake, o homem que ilustrou o primeiro compêndio moderno de anatomia humana — hoje é um museu e galeria de ilustrações médicas e artefactos tradicionais.

A partir de 2009, Akita passou a ser um grande pólo de turismo coreano depois que Iris, um seriado coreano, gravou algumas cenas em Akita, mais especificamente no Lago Tazawa e no Aquário de Oga.[8]

Referências

  1. Nussbaum, "Provinces and prefectures" em Japan Encyclopedia, p. 780 (em inglês)
  2. Nussbaum, Louis-Frédéric. (2005). "Provinces and prefectures" em Japan Encyclopedia, p. 780; "Tōhoku" em Japan Encyclopedia, p. 970 (em inglês).
  3. Kyodo News (4 de maio de 2010). Number of children in Japan falls to record low for 29th year in row (em inglês) The Japan Times.. Página visitada em 26 de maio de 2011.
  4. 県人口108万5845人に減少 落ち込み幅最大、国勢調査速報 (em japonês) (28 de dezembro de 2010).
  5. Weekend: Sake breweries go with the flow to survive (em japonês) (6 de novembro de 2009).
  6. The Appellation System for Sake in Akita Prefecture and Development Program for Akita Shun-ginjo, Kyuichi Saito, Journal of the Brewing Society of Japan; Vol. 87, No.11, 1992 (em inglês)
  7. Guia da Província de Akita (em inglês)
  8. Asahi Shimbun (2010-04-21). 韓国人ファン、秋田に殺到 ドラマ「アイリス」効果 (em japonês).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Akita