Isaac Levitan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Autorretrato de 1880.

Isaak Ilich Levitan (Исаа́к Ильи́ч Левита́н) (Kybartai (Lituânia), 1861 - Moscou/Moscovo, 1900) foi um pintor russo de origem judaica, que pertenceu ao movimento dos Itinerantes.Expressou nas suas paisagens a beleza da região do Volga.

Biografia[editar | editar código-fonte]

O seu pai Elyashiv Levitán foi um humilde professor de línguas e tradutor que partiu para Moscovo para permitir que o seu filho Isaac estudasse na Academia dessa cidade. Isaac ingressou nessa Academia aos 19 anos e pintou o seu primeiro quadro "Paisagem de Outono" (1880) que foi comprado pelo colecionador Pável Mijáilovich Tretiakov, com quem Isaac travara uma amizade. Tretiakov ofereceu-lhe uma bolsa para estudar em Paris e foi a única vez que Levitán saiu da Rússia. Na sua viagem conheceu as obras do paisagista realista Jean-Baptiste Camille Corot, antecessor do impressionismo e mestre de outro de família judaica: Camille Jacob Pissarro, famoso impresionista francês. Voltou à sua Rússia natal e desenvolveu aa sua carreira como pintor. Aos 37 anos foi nomeado membro da Academia de Artes Russa e diretor do departamento de pintura de paisagens.

Com o escritor e dramaturgo Anton Tchekhov, foram amigos e admiradores mútuos. Morreu aos 40 anos devido a uma doença pulmonar. O chamado "pintor-poeta" deixou milhares de telas.

Estilo[editar | editar código-fonte]

Quando jovem, Levitan recebeu uma notável influência de Corot, que soube transportar co profundo sentimento telúrico à paisagem e idiossincrasia russos. Atualmente considera-se como estando nos primeiros lugares da pintura russa do século XIX, porque na sua pintura ao ar livre captou com pincelada ligeira e admirável realismo as su(b)tis gradações da espessa luz solar e as finas máscaras de cor das sombras.

Algumas das suas telas[editar | editar código-fonte]

Legado[editar | editar código-fonte]

O asteróide 3566 Levitan, descoberto pala astrónoma soviética Lyudmila Zhuravlyova em 1979 recebeu o seu nome em sua honra.[1]


Referências

  1. Schmadel, Lutz D.. Diccionario de nombres de planetas menores. [S.l.]: Springer Verlag, 2003. 300 pp.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • "Galería Tretiakov". Autor: L. I. Iovleva. Arte e Historia. Ediciones Castell.
  • "La Pintura en los Grandes Museos". Enciclopedia Planeta de la Pintura.
  • "Pintores y Escultores Judíos". Karl Schwarz. Editorial Israel. 1950.