Pontifícia Universidade Católica de Goiás

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
PUC Goiás
Pontifícia Universidade Católica de Goiás
PUC-Goiás-Logo.jpg
Lema "Veritas in Scientia et Fide" (Verdade na Ciência e na Fé)
Fundação 17 de outubro de 1959 (como Universidade Católica)
8 de setembro de 2009(título de Pontifícia, pelo papa Bento XVI).
Tipo de instituição Privada, filantrópica e confessional
Total de estudantes mais de 26 mil (graduação e pós-graduação)
Reitor(a) Prof. Wolmir Therezio Amado
Vice-reitor(a) Prof. Olga Izilda Ronchi
Estado Brasao Goiás.JPG Goiás
Página oficial www.pucgoias.edu.br
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

A Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás) é uma universidade localizada no estado brasileiro de Goiás, com sede no município de Goiânia e um campus na cidade de Ipameri. É uma universidade católica e comunitária, pluridisciplinar, para formação de quadros profissionais de nível superior, reconhecida pelo Governo Federal nos termos do Decreto n. 47.041 de 17 de outubro de 1959, sob o nome inicial de Universidade de Goiás, alterada sua denominação para Universidade Católica de Goiás pelo Decreto n. 68.917, de 14 de julho de 1971 Fundada em 17 de outubro de 1959 pela Sociedade Goiana de Cultura, a PUC Goiás é a mais antiga universidade do estado, precedendo a Universidade Federal de Goiás em dois meses.

Foi reconhecida Universidade de Direito Pontifício em 08 de setembro de 2009, passando assim a categoria de PUC, sendo a 7ª no Brasil e a 19ª no mundo com este título.

A PUC Goiás dispõe de cursos diversificados e oferece 50 cursos de graduação, 153 cursos de pós-graduação (especializações, mestrados e doutorados), 250 pesquisas em andamento e 458 laboratórios.

De acordo com o Guia do Estudante da Editora Abril (2010)[1] , foram concedidos estrelas a 24 cursos da PUC Goiás, dois receberam cinco estrelas: Biomedicina e Psicologia. Na categoria quatro estrelas, foram nove cursos: Administração, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Aeronáuticas, Ciências Contábeis, Direito, Engenharia de Produção, Fonoaudiologia, Pedagogia e Serviço Social. Outros 16 cursos conquistaram três estrelas: Arqueologia, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Econômicas, Design, Educação Física, Enfermagem, Engenharia de Alimentos, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia da Computação, Engenharia Elétrica, Fisioterapia, Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Zootecnia. O Guia do Estudante apontou a PUC Goiás como a melhor universidade particular do Centro-Oeste e a 10ª melhor universidade particular do Brasil

História[editar | editar código-fonte]

Papa Bento XVI, que outorgou à Universidade o título de Pontifícia.

Em 1948, Dom Emmanuel Gomes de Oliveira, que na época era Arcebispo de Goiânia, lança a ideia de criar a primeira Universidade do Centro-Oeste. No mesmo ano foi implantada a Faculdade de Filosofia, com cursos de História, Geografia, Letras e Pedagogia.

Após alguns anos, são criadas as Faculdades de Ciências Econômicas (1951), e Direito (1959) e as escolas superiores de Belas Artes (1952), Enfermagem (1954), Serviço Social (1957) e Instituto de Pesquisa Econômica e Social. Reunindo essas faculdades, em 1958, cria-se a Sociedade Goiana de Cultura (entidade mantenedora da Universidade). Dom Fernando Gomes dos Santos, Arcebispo de Goiânia, organiza a Universidade de Goiás, que posteriormente passaria a ser chamada Universidade Católica de Goiás (UCG).

Com o passar os anos, a universidade abriu novos cursos, entre eles: Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Farmácia, Fisioterapia e Ciências Aeronáuticas.

Em 8 de setembro de 2009, o cardeal polonês Zenon Grocholewski, prefeito da Congregação para a Educação Católica no Vaticano reconheceu a Universidade Católica de Goiás (UCG) como Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás).

Infra-estrutura[editar | editar código-fonte]

A PUC Goiás possui cinco campi, quatro deles em Goiânia, a capital do estado, e um em Ipameri, no interior. Possui um sistema de Bibliotecas com mais de 340 mil livros, centro de idiomas, um canal de TV aberta (PUC TV Goiás), 4 centros de pesquisa, 2 estações - ciência, mais de 400 ambientes laboratoriais, 4 clínicas-escola na área de saúde, 2 museus, e complexo poliesportivo de padrão internacional.

Instituições afiliadas[editar | editar código-fonte]

  • Memorial do Cerrado

O Memorial do Cerrado é um complexo cultural pertencente à Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás). Localizado em Goiânia, o complexo é composto por quatro partes:

O ambiente do museu é mantido pela Fundação Aroeira, em co-parceira com a Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), e retrata desde a origem do planeta Terra até a chegada dos portugueses ao Brasil. Entre alguns dos destaques do local estão:

    • Floresta petrificada: localizada na entrada do Memorial, a floresta de pedra retrata uma floresta real que existiu no supercontinente de Gondwana (que mais tarde daria origem à América do Sul, entre outros continentes atuais). Sua idade é calculada em 280 milhões de anos.
    • Homem das cavernas: o Memorial exibe o esqueleto do Homem da Serra do Cafezal, encontrado em Serranópolis, e considerado o mais antigo da América do Sul. Tem 11 mil anos [carece de fontes?].

Escolas e grupos podem agendar visitas pelo espaço para que um monitor do Memorial possa ilustrar de uma maneira mais didática todas as características do ambiente.

  • Instituto de Pesquisa do Trópico Sub-úmido
  • Instituto de Pesquisas e Estudos Históricos do Brasil Central
  • Fundação Aroeira
  • Clínica Escola-Vida
  • Santa Casa de Misericórdia de Goiânia
  • Núcleo de Prática Jurídica da PUC Goiás

Diretório Central dos Estudantes[editar | editar código-fonte]

O Diretório Central dos Estudantes é a entidade máxima de representação dos estudantes da universidades. Criado na década de 1960, o DCE PUC Goiás esteve presente nas principais lutas do movimento estudantil brasileiro.

Ligados ao DCE, estão os Centros Acadêmicos, que representam o estudantes por curso.

  • Centro Acadêmico de Administração
  • Centro Acadêmico de Arqueologia
  • Centro Acadêmico de Arquitetura e Urbanismo (Centro Acadêmico Atílio Correa Lima)
  • Centro Acadêmico de Biologia
  • Centro Acadêmico de Biomedicina
  • Centro Acadêmico de Ciências Aeronáuticas (Centro Acadêmico Amelia Earhart)
  • Centro Acadêmico de Ciências da Computação
  • Centro Acadêmico de Ciências Contábeis
  • Centro Acadêmico de Ciências Econômicas (Centro Acadêmico David Ricardo)
  • Centro Acadêmico de Design (Centro Acadêmico Léo Romano)
  • Centro Acadêmico de Direito (Centro Acadêmico Clovis Bevilácqua)
  • Centro Acadêmico de Educação Física
  • Centro Acadêmico de Enfermagem
  • Centro Acadêmico de Engenharia Ambiental (Centro Acadêmico Aroeira)
  • Centro Acadêmico de Engenharia Civil
  • Centro Acadêmico de Engenharia Elétrica (Centro Acadêmico Thomas Edison)
  • Centro Acadêmico de Engenharia da Computação
  • Centro Acadêmico de Engenharia de Alimentos
  • Centro Acadêmico de Engenharia de Produção
  • Centro Acadêmico de Engenharia Elétrica
  • Centro Acadêmico de Engenharia Mecatrônica
  • Centro Acadêmico de Farmácia
  • Centro Acadêmico de Filosofia (Centro Acadêmico Atenas)
  • Centro Acadêmico de Física (Centro Acadêmico Albert Einstein)
  • Centro Acadêmico de Fisioterapia (Centro Acadêmico Claúdio Lísias Monteiro da Cruz)
  • Centro Acadêmico de Fonoaudiologia
  • Centro Acadêmico de Geografia (Centro Acadêmico Aziz Ab'Saber)
  • Centro Acadêmico de História
  • Centro Acadêmico de Letras (Centro Acadêmico Cora Coralina)
  • Centro Acadêmico de Matemática
  • Centro Acadêmico de Medicina (Centro Acadêmico Paulo Francescantonio)
  • Centro Acadêmico de Nutrição
  • Centro Acadêmico de Pedagogia
  • Centro Acadêmico de Psicologia (Centro Acadêmico de Psicologia XII de Maio)
  • Centro Acadêmico de Química
  • Centro Acadêmico de Relações Internacionais (Centro Acadêmico Sérgio Vieira de Mello)
  • Centro Acadêmico de Serviço Social
  • Centro Acadêmico de Zootecnia

OBS.: Alguns cursos ainda não possuem seu próprio Centro Acadêmico, o plano de desenvolvimento do DCE inclui a criação de Centros Acadêmicos para todos os cursos até 2015.

Cursos de Graduação[editar | editar código-fonte]

Cursos Tecnológicos[editar | editar código-fonte]

Departamentos[editar | editar código-fonte]

Os cursos oferecidos pela universidade são divididos em departamentos, que podem englobar um ou mais cursos.

  • Departamento de Administração (ADM)
  • Departamento de Artes e Arquitetura (ARQ)
  • Departamento de Biologia (BIO)
  • Departamento de Biomedicina (CBB)
  • Departamento de Ciências Aeronáuticas (AER)
  • Departamento de Ciências Contábeis (CSA)
  • Departamento de Ciências Econômicas (ECO)
  • Departamento de Ciências Jurídicas (JUR)
  • Departamento de Computação (CMP)
  • Departamento de Comunicação Social (COS)
  • Departamento de Educação (EDU)
  • Departamento de Educação Física e Desportos (EFI)
  • Departamento de Enfermagem (ENF)
  • Departamento de Engenharia (ENG)
  • Departamento de Filosofia e Teologia (FIT)
  • Departamento de Fonoaudiologia (FON)
  • Departamento de História, Geografia e Ciências Sociais (HGS)
  • Departamento de Letras (LET)
  • Departamento de Matemática e Física (MAF)
  • Departamento de Medicina (MED)
  • Departamento de Psicologia (PSI)
  • Departamento de Relações Internacionais (RIN)
  • Departamento de Serviço Social (SER)
  • Departamento de Zootecnia (ZOO)

Campi[editar | editar código-fonte]

  • Câmpus I - Setor Universitário, Goiânia.

O Câmpus I é dividido em cinco áreas:

    • Área I: Rua 226 com Rua 235 e 5ª Avenida.
Abriga a Faculdade de Administração, Contabilidade e Economia; a Escola de Ciências Aeronáuticas; a Faculdade de Serviço Social; e os cursos tecnológicos de Gastronomia, Agronegócio e Eventos.
    • Área II: Praça Universitária com 1ª Avenida e Rua 240.
Abriga a Faculdade de História, Geografia, Ciências Sociais e Relações Internacionais; a Faculdade de Antropologia, Teologia, Filosofia e Arqueologia; a Faculdade de Letras e Pedagogia; e o curso tecnológico em Secretariado.
    • Área III: Praça Universitária com 1ª Avenida, esquina com Av. Universitária.
Abriga a Faculdade de Engenharia, Arquitetura e Design; o Instituto de Física e Química; a Escola de Ciências da Computação; a Faculdade de Matemática; e o curso tecnológico de Análise e Desenvolvimento de Sistemas.
    • Área IV: Praça Universitária com 1ª Avenida, esquina com Rua 235.
Abriga o Instituto de Ciências Biológicas e Biomédicas; a Faculdade de Medicina e Enfermagem; a Faculdade de Fisioterapia; a Faculdade de Nutrição; e a Faculdade de Psicologia.
    • Área V: Rua 232 (próximo à Praça do Botafogo)
Abriga a Faculdade de Farmácia e Fonoaudiologia.
  • Câmpus II: Estrada Santa Rita, km 2, Jardim Olímpico, Goiânia.
Abriga a Faculdade de Educação Física; a Escola de Zootecnia; o Instituto de Pesquisa do Trópico Sub-úmido e o complexo do Memorial do Cerrado.
  • Câmpus III: Rua Colônia, Jardim Novo Mundo, Goiânia.
Abriga laboratórios dos programas de extensão da universidade, além de laboratórios para os cursos de Medicina, Enfermagem, Nutrição, Fisioterapia e Fonoaudiologia.
  • Câmpus IV: Avenida Vereador José Benevenuto Filho, Setor Universitário, Ipameri.
Abriga a Faculdade de Enfermagem.
  • Câmpus V: Avenida Fued José Sebba, nº 1184, Jardim Goiás, Goiânia.
Abriga a Faculdade de Direito e a Faculdade de Comunicação Social.

Administração Superior[editar | editar código-fonte]

  • Grão-Chanceler - Dom Washington Cruz, arcebispo de Goiânia.
  • Reitor - Prof. Ms. Wolmir Therezio Amado.
  • Vice-Reitora - Profª. Ms. Olga Izilda Ronchi.
  • Pró-Reitora de Graduação - Profª. Drª. Sônia Margarida Gomes Sousa.
  • Pró-Reitora de Extensão e Apoio Estudantil - Profª. Ms. Márcia de Alencar Santana.
  • Pró-Reitora de Pós Graduação e Pesquisa - Profª. Drª. Milca Severino Pereira.
  • Pró-Reitora de Desenvolvimento Institucional - Profª. Ms. Helenisa Maria Gomes de Oliveira Neto
  • Pró-Reitor de Administração - Prof. Ms. Daniel Rodrigues Barbosa.
  • Pró-Reitor de Comunicação - Prof. Dr. Eduardo Rodrigues da Silva.
  • Pró-Reitor de Saúde - Prof. Ms. Sérgio Antônio Machado.
  • Chefe de Gabinete - Prof. Ms. Lorenzo Lago.

Alunos notáveis[editar | editar código-fonte]

Departamento de Administração[editar | editar código-fonte]

  • Armando Vergílio - Formado em História e Administração. É Deputado Federal por Goiás.

Departamento de Artes e Arquitetura[editar | editar código-fonte]

  • Leo Romano - Arquiteto formado pela PUC Goiás, atua na área de projetos de interiores, design e paisagismo. Já participou das mostras Casa Cor Goiás, Casa Cor Brasília e Morar Mais Por Menos. Substituiu o arquiteto Marcelo Rosembaum na produção do quadro "Lar Doce Lar" do programa Caldeirão do Huck, da Rede Globo.

Departamento de Ciências Econômicas[editar | editar código-fonte]

  • Bruno Peixoto - Formado em Ciências Econônicas. Atualmente é Deputado Estadual por Goiás.

Departamento de Ciências Jurídica[editar | editar código-fonte]

  • Wanderley de Medeiros - Formado em Direito. Foi presidente da OAB/GO de 1981 a 1982.
  • Henrique Tibúrcio Penã - Formado em Direito. É o atual presidente da OAB/GO.
  • Demóstenes Torres - Formado em Direito. Segundo senador federal cassado da história, foi procurador-geral do Ministério Público do Estado de Goiás. Expulso do senado em 2 de abril de 2012.
  • Pedro Paulo Guerra de Medeiros - Formado em Direito e especialista em Direito Processual Civil pela PUC Goiás. Atua como advogado desde 1999. É conselheiro da OAB/GO. É professor de Direito Processual Penal na PUC Goiás.
  • Maria Thereza Pacheco Alencastro Veiga - Formada em Direito e Psicologia pela PUC Goiás. Foi conselheira da OAB/GO de 1998 a 2000. Foi juíza do Tribunal Regional Eleitoral de 2002 a 2004. É advogada desde 1990.
  • Elizabeth Maria da Silva - Atualmente desembargadora do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás. Formada em Direito em 1976, atuou como promotora de justiça no Ministério Público Estadual e como juíza em diversas comarcas de Goiás.
  • Felicíssimo José de Sena - Fez especialização em Direito Processual Civil na PUC Goiás. Atualmente é conselheiro da OAB/GO e advogado desde 1974.
  • Daniel Antônio de Oliveira - Formado em Direito em 1974. Foi vereador de Goiânia em 1976, deputado estadual em 1982 e prefeito de Goiânia de 1986 a 1989. Voltou a ser eleito como vereador de Goiânia em 1996.
  • Francisco Rodrigues Vale Júnior - Formado em Direito. Atualmente é Deputado Estadual por Goiás.

Departamento de Engenharia[editar | editar código-fonte]

  • Nion Albernaz - Formado em Engenharia Civil, tendo colado grau em 1959. Foi prefeito de Goiânia três vezes: de 1983 a 1986, de 1989 a 1993 e de 1997 a 2001.
  • Wilder Morais - Formado em Engenharia Civil. É um dos fundadores da Orca Construtora e Incorporadora. Atualmente, é senador federal por Goiás.

Departamento de Letras[editar | editar código-fonte]

  • Álvaro Catelan - Formado em Letras. Foi secretário estadual de cultura de 1989 a 1993. Atualmente é um dos proprietários do Colégio Dinâmico, renomada escola de ensino médio e pré-vestibular. Recebeu prêmio honorífico de Cidadão Goianiense pela Câmara dos Vereadores de Goiânia.

Doutores Honoris Causa[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Números referentes a 2010. Cf.: Universidade e Sociedade - Dados de 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de Goiás.svg A Wikipédia possui o Portal de Goiás.

Pontifícia Universidade Católica de Goiás no Facebook