Ralph Howard Fowler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ralph Howard Fowler
Astrofísica
Conferência Internacional de Física em Londres, 1934
Nacionalidade Reino Unido Britânico
Nascimento 17 de janeiro de 1889
Local Fedsden
Morte 28 de julho de 1944 (55 anos)
Local Cambridge
Atividade
Campo(s) Astrofísica
Instituições Universidade de Cambridge
Alma mater Universidade de Cambridge
Tese 1915
Orientador(es) Archibald Vivian Hill
Orientado(s) Homi Jehangir Bhabha, Garrett Birkhoff, Subrahmanyan Chandrasekhar, Thomas MacFarland Cherry, Charles Coulson, Paul Dirac, Douglas Hartree, John Lennard-Jones, Harrie Massey, William McCrea, Nevill Francis Mott, Maurice Pryce, Bertha Swirles, Harold McCarter Taylor, Llewellyn Thomas, Laurence Chisholm Young[1]
Conhecido(a) por Emissão de elétrons por campo
Prêmio(s) Prêmio Smith (1913), Prêmio Adams (1924), Medalha Real (1936)

Sir Ralph Howard Fowler OBS FRS[2] (Fedsden, 17 de janeiro de 1889Cambridge, 28 de julho de 1944) foi um físico e astrônomo britânico, que trabalhou principalmente com astrofísica.

Vida e obra[editar | editar código-fonte]

Fowler recebeu sua educação inicialmente em casa antes de frequentar a escola preparatória Evans em Horris Hill e o Winchester College. Fowler recebeu mais tarde uma bolsa de estudos para o Trinity College.

Durante a Primeira Guerra Mundial serviu na Royal Marine Artillery e foi ferido seriamente no ombro em Gallipoli. O ferimento fez com que fosse apresentado a Archibald Hill, que trouxe as habilidades de Fowler para a física.

Em 1919 Fowler retornou a Trinity e foi indicado como professor assistente em matemática em 1920. Trabalhou com termodinâmica e mecânica estatística, criando uma nova visão à química física. Com Edward Arthur Milne também escreveu um trabalho sobre espectro, temperatura e pressão estelar. Em 1926 trabalhou com Paul Dirac na mecânica estatística de anãs brancas. Em 1931 foi o primeiro a formular a lei zero da termodinâmica, termo também cunhado por ele.[3] Em 1932, foi eleito para a cadeira de física teórica no Laboratório Cavendish.

Em 1939, quando a Segunda Guerra Mundial começou, reassumiu seu trabalho com o Ordnance Board, apesar de seu péssimo estado de saúde, e acabou sendo escolhido como ligação científica com o Canadá e os Estados Unidos. Conheceu bem os Estados Unidos, tendo sido professor visitante em Princeton e Wisconsin-Madison. Por seu trabalho neste contato, ele foi enobrecido em 1942. Retornou ao Reino Unido antes do final da guerra e trabalhou para o Ordnance Board e o Almirantado até poucas semanas antes da sua morte, em 1944.

Quinze camaradas da Royal Society e três Prêmios Nobel foram orientados por Fowler entre 1922 e 1939. Além de Milne, ele trabalhou com sir Arthur Eddington, Subrahmanyan Chandrasekhar, Paul Dirac e William McCrea. Foi Fowler quem apresentou Paul Dirac à Teoria dos Quanta em 1923. Fowler também estabeleceu o contato entre Dirac e Werner Heisenberg através de Niels Bohr. Em Cambridge, foi orientador de doutorado de 64 estudantes, incluindo John Lennard-Jones, Paul Dirac e Garrett Birkhoff.

Em 1921, Ralph casou-se com Eileen, filha de Ernest Rutherford, com quem teve quatro filhos. Eileen faleceu após o nascimento da última criança.

Referências

  1. Ralph Howard Fowler em Mathematics Genealogy Project
  2. Milne, E. A. (1945). "Ralph Howard Fowler. 1889-1944" (PDF) (em inglês). Obituary Notices of Fellows of the Royal Society 5 (14): 60. DOI:10.1098/rsbm.1945.0005. Visitado em 17 de janeiro de 2013.
  3. Y. Cengel, M. Boles, Thermodynamics - An Engineering Approach 5th ed.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Alfred Harker e Charles Galton Darwin
Medalha Real
1936
com Edwin Stephen Goodrich
Sucedido por
Arthur Henry Reginald Buller e Nevil Vincent Sidgwick
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.