António Mexia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
António Mexia
Ministro(a) de Portugal Portugal
Período XVI Governo Constitucional
  • Ministro das Obras Públicas,
    Transportes e Comunicações
Dados pessoais
Nascimento 12 de julho de 1957 (61 anos)
Lisboa
Partido PSD
Profissão Economista, Político

António Luís Guerra Nunes Mexia[1][2] GCME (Lisboa, Alvalade, 12 de julho de 1957) é um economista e político português.

Família[editar | editar código-fonte]

É filho de Joaquim de Mira Nunes Mexia (Lisboa, 15 de março de 1922), Licenciado em Direito, Advogado, Administrador do Banco de Portugal, Proprietário e Lavrador, este neto paterno de Joaquim Nunes Mexia, e de sua mulher (Lisboa, Santa Maria de Belém, 5 de junho de 1951) Maria da Graça de Calça e Pina Teixeira Guerra (Lisboa, Santa Maria de Belém, 13 de dezembro de 1926), sobrinha-trineta do 1.° Visconde do Paço do Lumiar, este pai do 2.° Visconde do Paço do Lumiar e 1.° Conde do Paço do Lumiar. O seu único irmão José Rui Teixeira Guerra Nunes Mexia (Lisboa, Santa Isabel, 1 de março de 1954), Licenciado em Medicina Veterinária, faleceu em Lisboa a 18 de julho de 1999. É primo-irmão de José António Falcão e de Isabel Astride Teixeira Guerra Dundas, mulher de D. Pedro Domingos de Sousa e Holstein Beck, que usa os títulos de 7.º Duque de Palmela, 6.º Marquês do Faial, 4.º Marquês de Sousa Holstein e 5.º Conde de Calhariz.[3]

Biografia[editar | editar código-fonte]

António Mexia é desde de março de 2006 Presidente do Conselho de Administração Executivo da EDP.

É desde abril de 2017 Presidente do Conselho Administrativo do Sustainable Energy for All, uma organização do âmbito das Nações Unidas e com o apoio do Banco Mundial. É também Presidente do Conselho Empresarial para o Desenvolvimento Sustentável em Portugal, parte da rede regional do WBCSD, desde abril de 2016.

Em 2015 foi nomeado Vice-Presidente da The Union of the Electricity Industry – EURELECTRIC e  torna-se Presidente desta associação em maio de 2015, cargo que ocupa até junho de 2017.

Em 2013 recebeu a Graduação Honoris Causa do Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) e em 2014 foi homenageado pelo Presidente da República Portuguesa com a "Grã-Cruz da Ordem do Mérito Empresarial".

Nasceu em 12 de julho de 1957 em Lisboa, e obteve um diploma em Economia pela Universidade de Genebra (Suíça) em 1980, onde foi Professor Adjunto do Departamento de Economia. Foi também professor na Universidade Nova de Lisboa e na Universidade Católica de 1982 a 1995. Entre 1986 e 1988 foi Assistente do Secretário de Estado do Comércio Exterior. De 1988 a 1990 foi Vice-Presidente do Conselho de Administração da ICEP (Instituto Português do Comércio Exterior). Entre 1990 e 1998 é Administrador do Banco Espírito Santo de Investimentos e em 1998 entra no sector do Gás como Presidente do Conselho de Administração da Gás de Portugal e da Transgás. Em 2000 entra na Galp Energia como Vice-Presidente do Conselho de Administração tornando-se Presidente Executivo da empresa no ano de 2001. Em 2004 é nomeado Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicação do Governo Português.

Funções governamentais exercidas[editar | editar código-fonte]

Casamento e descendência[4][editar | editar código-fonte]

Casou em Lisboa a 25 de setembro de 1993 com Maria do Carmo Dias Amaro (Lisboa, 29 de outubro de 1964), de quem se divorciou.

Filha do Dr. Francisco Amaro e de sua mulher Maria Helena Dias, de quem tem uma única filha e herdeira:

  • Maria Miguel Dias Amaro Nunes Mexia (Lisboa, 29 de setembro de 1997)

Referências

  1. «CV de António Mexia» (PDF). Millennium BCP. Consultado em 1 de agosto de 2014 
  2. «CV de António Mexia» (PDF). EDP. Consultado em 1 de agosto de 2014 
  3. Manuel da Costa Juzarte de Brito (1.ª Edição, Lisboa, 2002). Livro Genealógico das Famílias desta Cidade de Portalegre. [S.l.]: Nuno Gonçalo Pereira Borrego e Gonçalo Manuel de Mello Gonçalves Guimarães. 249-50  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  4. "Livro Genealógico das Famílias desta Cidade de Portalegre de Manuel da Costa Juzarte de Brito", Nuno Gonçalo Pereira Borrego e Gonçalo Manuel de Mello Gonçalves Guimarães, 1.ª Edição, Lisboa, 2002, p. 250

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Carmona Rodrigues
Ministro das Obras Públicas,
Transportes e Comunicações

XVI Governo Constitucional de Portugal
20042005
Sucedido por
Mário Lino
Precedido por
João Talone
Presidente do Conselho de Administração da EDP
2006
Sucedido por