Fernando Giudicelli

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fernando Giudicelli
Mundial 1930: Em pé: Brilhante, Fernando Giudicelli, Hermógenes, Nilo, Carvalho Leite, Itália, Fausto dos Santos, Santana; ajoelhados: Teóphilo, Benevenuto, Benedito, Velloso, Doca, Russinho, Preguinho.
Informações pessoais
Nome completo Fernando Rubens Pasi Giudicelli
Data de nasc. 1 de março de 1906
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Falecido em 28 de dezembro de 1968 (62 anos)
Local da morte Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Informações profissionais
Posição Meia
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1924–1927
1927–1931
1931–1933
1933
1934
1934–1935
1935
1935
1936–1937
America-RJ
Fluminense
Torino
YF Zürich
America-RJ
Bordeaux
Sporting
Real Madrid
Antibes
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
Seleção nacional
1930 Brasil 00003 0000(0)[1]

Fernando Rubens Pasi Giudicelli, conhecido como Fernando Giudicelli, (Rio de Janeiro, 1 de março de 1906Rio de Janeiro, 28 de dezembro de 1968), foi um futebolista brasileiro que atuava como meia.

Carreira[editar | editar código-fonte]

No inicio da sua carreira o talentoso meia de origem italiana defendeu em 1924-1926 o America FC-RJ e de 1927-1931 o Fluminense FC.

No Fluminense, Fernando disputou 94 partidas, com 51 vitórias, 16 empates e 27 derrotas, com 5 gols marcados e 59,93% de aproveitamento,[2]

Na Copa do Mundo de 1930 estreia na seleção brasileira, jogando as duas partidas, derrota contra a Iugoslávia por 1 a 2 e vitória sobre a Bolívia por 4 a 0. Em agosto do mesmo ano jogou um vez mais pela Seleção Brasileira, na vitória sobre a Iugoslávia por 4 a 1 no Rio de Janeiro. Depois defendeu em 1931/1933 o Torino FC da Itália e em 1934/1935 o Girondins de Bordeaux da França.

Em 1935 jogou em um amistoso e um jogo da liga portuguesa pelo Sporting Clube de Portugal de Lisboa. No segundo jogo foi expulso em razão de ter discutido com o árbitro. No SCP foi, ao lado de goleiro Jaguaré e do zagueiro Vianinha, os primeiros brasileiros da história do clube português.

No mesmo ano também foi o primeiro brasileiro no Real Madrid, onde jogou só uma vez em partida pela liga espanhola. Depois de problemas com Francisco Bru, técnico do Real, foi suspenso.

Em janeiro de 1936 viajou para a França e aconteceram especulações sobre Fernando Giudicelli reunir-se com o Olympique Lillois ou Antibes.

Referências

  1. «Todos os brasileiros 1930». Folha de São Paulo. 9 de dezembro de 2015. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  2. Site Estatísticas do Fluminense - Jogadores - Letra F - Fernando 1931

Ligações externas[editar | editar código-fonte]