Moacir Siqueira de Queirós

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Moacir Siqueira de Queirós
Informações pessoais
Nome completo Moacir Siqueira de Queirós
Data de nasc. 18 de dezembro de 1902
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Falecido em 18 de abril de 1992 (89 anos)
Local da morte Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Apelido Russinho
Informações profissionais
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1922–1923
1924–1934
1935–1938
Andarahy
Vasco da Gama
Botafogo
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
Seleção nacional
1930 Brasil 00002 0000(1)[1]

Moacir Siqueira de Queirós, conhecido como Russinho (Rio de Janeiro, 18 de dezembro de 1902Rio de Janeiro, 18 de abril de 1992), foi um futebolista brasileiro que atuava como atacante.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Russinho começou jogando pelo Andaraí em 1922, sendo posteriormente contratado pelo Vasco em 1924. Permaneceu no Clube da Cruz de Malta até 1934, quando transferiu-se para o Botafogo, clube pelo qual encerrou a carreira em 1938.

Atacante de boa técnica, atuou diversas vezes pela Seleção Brasileira, participando inclusive da primeira Copa do Mundo, em 1930.

O jogador é citado na música do sambista Noel Rosa, “Quem dá mais?”. Apesar de disputar um campeonato amador, recebia dos dirigentes alguns “presentes”, como o Chrysler baratinha do samba.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Vasco da Gama
Botafogo

Premiações[editar | editar código-fonte]

  • Jogador do ano: Melhor jogador do Vasco nas temporadas 1924, 1925, 1926, 1927, 1928, 1929 e 1930.

Artilharia[editar | editar código-fonte]

Vasco da Gama

Marca histórica[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d «Todos os brasileiros 1930». Folha de São Paulo. 9 de dezembro de 2015. Consultado em 15 de setembro de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.