Jagdpanzer 38 (t)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sd.Kfz. 138/2
Jagdpanzer 38(t)
Hetzer lesany.jpg
Tipo Destruidor de tanques leve
Local de origem  Alemanha
História operacional
Em serviço 1944-1945
Utilizadores
Guerras Segunda Guerra Mundial
Histórico de produção
Criador BMM
Data de criação 1943
Fabricante
Período de
produção
1944-1945
Quantidade
produzida
Aprox. 2.827
Especificações
Peso 15,75 t (34 700 lb)
Comprimento 6,38 m (6 400 mm)
Largura 2,63 m (2 600 mm)
Altura 2,17 m (2 200 mm)
Tripulação 4
Blindagem do veículo 8-60 mm (310 in)
Armamento
primário
1x 7,5 cm Pak 39L/48
Armamento
secundário
1× 7.92 mm Maschinengewehr 34
Motor Praga de 6 cilindros a gasolina, 7,8 litros de 160 cv (158 hp, 118 kW) a 2.800 rpm
Transmissão 5 + 1 Praga-Wilson Typ CV
Suspensão Suspensão de lâminas
Capacidade de combustível 320 Litros
Alcance
Operacional
177 km (110 mi)
Velocidade 42 km/h (26 mph)

O Jagdpanzer 38 (Sd.Kfz. 138/2), mais tarde conhecido como Hetzer ("caçador"), foi um destruidor de tanques leve alemão da Segunda Guerra Mundial, com base no chassi do Panzer 38(t). O projeto foi inspirado pelo "Maresal", um destruidor de tanque de origem romena.[1]

O Jagdpanzer 38 destinava-se a ser o mais rentável do que os projetos mais ambiciosos, como o Jagdpanther e o Jagdtiger. Usando um chassi comprovado, ele evitou os problemas mecânicos dos veículos blindados maiores.[2]

O Jagdpanzer 38 se enquadram na categoria mais leve de destruidores de tanques alemães, que começaram com a Panzerjäger I, continuou com a série Marder e terminou com a Jagdpanzer 38. O canhão de 75 milímetros Pak 39 L/48 do Jagdpanzer 38 era uma versão modificada do 75 milímetros Stuk 40 L/48, usado nos canhões de assalto StuG III e StuG IV[3].

Com esta arma a Jagdpanzer 38 foi capaz de destruir quase todos os tipos de tanques Aliados ou soviéticos em serviço a longas distâncias (exceto tanques pesados), e sua blindagem totalmente fechada tornou um veículo mais seguro para tripulação do que a Marder II ou a Marder III.[4]

O Jagdpanzer 38 foi um dos destruidores de tanques alemães mais comuns. Estava disponível em um número relativamente grande e foi geralmente mecanicamente confiável. Como alguns outros SPGs alemães utilizados no final da guerra, o Jagdpanzer 38 utilizava uma metralhadora de controle remoto que poderia ser disparada de dentro do veículo.[5] Isto provou ser popular com as tripulações, embora para recarregar a arma, um tripulante era necessário à se expor ao fogo inimigo.

Fotos[editar | editar código-fonte]

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Veículos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.