Lalá, Lelé e Lili

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lalá, Lelé e Lili
Personagem fictícia de Quadrinhos Disney
Lalalelelili.jpg
Nome original April, May and June Duck
Sexo feminino
Espécie pato
Cabelo Penas
Olhos Negros
Família Margarida (tia)
Criado por Carl Barks
Primeira aparição Walt Disney's Comics and Stories #149, Fevereiro de 1953
Espécie pato

Lalá, Lelé e Lili (April, May and June no original) são sobrinhas da Margarida e foram criadas por Carl Barks.

Apareceram pela primeira vez na história "Cara ou coroa", de 1953, publicada pela primeira vez no Brasil em 1956 na revista "O Pato Donald" 264.[1]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Lalá, Lelé e Lili (o sobrenome é desconhecido) são as sobrinhas trigêmeos da Margarida. De acordo com sua história de estréia, eles moram em Patópolis com seus pais, embora não apareçam nos quadrinhos. Sua mãe é irmã de Daisy. Quando aparecem em reuniões de família, seus pais nunca estão presentes e geralmente acompanham Margarida.

Em algumas histórias, em sua maioria holandesas, eles vivem junto com sua tia, mas em outros quadrinhos, como os quadrinhos de Barks, eles só estão visitando Daisy. As trigêmeas atuam como contrapartes femininas dos sobrinhos do Pato Donald (Huguinho, Zezinho e Luisinho) como rivais ocasionais, amigos ocasionais e até mesmo namoradas ocasionais. Eles são membros da organização The Junior Chickadees, que servem como contrapartes femininas da The Junior Woodchucks (Escoteiros-Mirins). De maneira incomum para crianças de sua idade, as garotas costumam usar sapatos de salto alto.

Como os sobrinhos, Margarida costumam usar as cores vermelho, azul e verde, mas, ao contrário deles, um padrão de cores nunca foi estabelecida. As meninas também costumam usar amarelo, roxo e laranja. No entanto, pode-se considerar "azul" para ser a cor de Lalá, já que essa era a cor que ela usava quando aparecia sozinha em "Dell Giant" # 35. Também é desconhecido que sobrinho é emparelhado com a sobrinha quando eles namoram com seu tio Donald e tia Margarida.[2]

Em 1998, os editores da revista semanal holandesa Donald Duck decidiram que as três meninas deveriam ser modernizadas, e conseguiram permissão da Disney para fazê-lo. A quadrinista holandesa Mau Heymans desenhou um novo penteado e um novo guarda-roupa para Lalá, Lelé e Lili. Eles agora não parecem as mesmas em todas as histórias holandesas e não têm mais as ocupações “femininas” que tinham quando Barks os criou. Em algumas histórias dinamarquesas, o novo penteado foi copiado.


Abril, maio e junho voltaram aos quadrinhos americanos em Comics and Stories # 698 de Walt Disney. A história os fez recontar "Chapeuzinho Vermelho" com as meninas como Red e os Beagle Boys como o lobo. geralmente

Nomes em outros idiomas[editar | editar código-fonte]

Outras mídias[editar | editar código-fonte]

Lalá, LeLé e Lili nunca apareceram em DuckTales e não foram indicados para aparecer no reboot de 2017, mas a personagem Patrícia de ambas as séries se parece muito com elas fizeram uma aparição especial no episódio "Ladie's Night" de House of Mouse.

Em 2018, participam também da série Legend of the Three Caballeros, lançada para o aplicativo de vídeo sob demanda Disneylife, a série está disponível apenas nas Filipinas. Na série, o trio ajudam Donald, Zé Carioca, Panchito e Xandra (deusa grega da aventura, na animação) em suas missões, mas a distância, através de um espelho mágico.

Referências

  1. «Inducks». Consultado em 29 de julho de 2014. 
  2. "April, May & June: Daisy's Nieces". Disney's HooZoo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]